Log In

Notícias

Peter Boyle morre aos 71 anos

Pin it

Peter BoylePeter Boyle, faleceu na noite desta terça-feira (dia 12/12) em Nova York. O ator, de 71 anos, estava hospitalizado com mieloma múltiplo e problemas cardíacos.

A carreira de Boyle ficará marcada especialmente pelo papel do mal-humorado (e engraçado) Frank Barone na sitcom Everybody Love Raymond, papel que lhe rendeu sete indicações ao Emmy Awards – infelizmente, foi o único ator do elenco que não ganhou nenhum Emmy pela série.

O ator, no entanto, já tinha no currículo um Emmy por uma inesquecível participação especial na série Arquivo X. Fez o papel de um vidente no episódio O Repouso Final de Clyde Bruckman, um dos melhores da história da série.

Peter Boyle teve ainda uma riquíssima carreira no cinema, com destaque para participações em filmes como Taxi Driver e O Jovem Frankenstein. Seu último trabalho foi no filme Meu Papai É Noel 3.

Séries citadas:

Os textos assinados pela Redaçao TeleSéries são textos de autoria coletiva ou notícias escritas por um redator anônimo, mas sempre revisadas com a máxima precisão jornalística.

13 Comments

  1. Patricia E.

    “O ator, no entanto, já tinha no currículo um Emmy por uma inesquecível participação especial na série Arquivo X. Fez o papel de um vidente no episódio O Repouso Final de Clyde Bruckman, um dos melhores episódios da história da série”.

    Merecidíssimo o prêmio. Esse episódio da 3ª temporada é um daqueles que usam e abusam do humor negro bem no estilo da série e Peter Boyle esteve brilhante no papel do homem cujo dom de prever o futuro, invejado por muitos, na verdade causa-lhe mais transtornos do que qualquer outra coisa. Irei rever o episódio em sua homenagem hoje à noite.

  2. Este ep do Arquivo X é maravilhoso e tem este humor bem peculiar da série que a Patrícia lembrou. E tem um diálogo hilário e assustador (para o Mulder é claro):
    Bruckman: “Sabe, existem maneiras bem piores de morrer, mas não posso pensar em um modo mais indigno do que uma asfixia auto-erótica”.
    Mulder: “Por que está me dizendo isso?”
    Bruckman: “Ouça, esqueça o que eu disse. Isso não me interessa”.

  3. Mônica

    Esse diálogo é fantástico. A cara que o Mulder faz é hilária.
    Nunca gostei muito de Everybody Loves Raymond, mas sempre gostei do Peter Boyle. O mundo perdeu um grande ator.
    Patrícia, farei o mesmo que você. Em homenagem ao ator irei assistir a esse excelente episódio de Arquivo X que é “O Repouso Final de Clyde Bruckeman”.

  4. Cristiano (Highlander_Master)

    É uma perda lastimavel, um grande ator que fez papeis inesqueciveis, “Frank Barone” é um personagem lendario de sitcom.

    Ainda teremos coisa inedita dele esse ano na sony, falta uma temporada de Everbory Loves Raymond pra sony exibir.

    Caramba, eu gosto do ator, adorava a série Arquivo X, mas não consigo me lembrar desse episodio, minha memoria anda falhando… rsrs

  5. Cristiano (Highlander_Master),
    Vai atrás, vale a pena assistir este episódio.

  6. Rafa Bauer

    Nada a acrescentar, só me juntar ao coro dos que acham esse um dos melhores episódios de Arquivo X e também de achar hilariante o diálogo citado (bem como todos os outros que se referem ao gosto de Mulder por pornografia…)

  7. Patricia E.

    Rô, esse diálogo é um dos pontos altos do episódio, ao lado da cena em que Clyde prevê um acontecimento trágico — pelo menos pro Mulder — mas, ao invés de revelar mais sobre isso, ele, pro desespero dos dois agentes, fica obcecado por um detalhe aparentemente bobo.

    Os episódios “cômicos” de Arquivo X não eram exatamente uma unanimidade entre os fãs, mas adorei a maioria deles. O primeiro deles foi “A Fraude” (Humbug), do 2º ano, com a dupla investigando uma série de mortes numa comunidade formada por ex-artistas de circo. Destaque pra participação daquele ator de Twin Peaks, o anão, de cujo nome não me lembro agora, fora umas trocentas referência a essa série (pra quem não sabe, David Duchovny participou da 2ª temporada num papel bem, digamos, curioso :D). Esse episódio tem um final que me arranca risadas até hoje, fora umas cenas antológicas como a da “exumação da batata” (assista pra entender). ;)

    Pronto, hoje farei uma maratona de episódios cômicos de Arquivo X: “Clyde Bruckman”, “Humbug” e “Bad Blood” (outro clássico, que traz uma participação do então ilustre desconhecido Luke Wilson).

  8. Marcos Almeida

    Um pena…nem sabia que ela estava hospitalizado. Assistia Raymond as vezes, gostava… ele e a Marie eram impagáveis.

    Quanto a AX, o episódio O Repouso Final de Clyde Bruckman realmente está entre os melhores. Além desse diálogo entre ele e o Mulder, há aquele entre o Bruckman e a Scully, onde ele diz que ela não iria morrer. Na época, com a internet deslanchando, e o fato do diálogo ser meio dúbio, muito se falou sobre a Scully ser imortal….hauhauha. Eles até falam sobre isso nos extras da 3ª temparada, e meio que acabou se comprovando, já que ela sobreviveu a abduções, câncer etc. :)

  9. Eu adoro os ep cômicos do AX. Este do Bad Blood é ótimo. E tem um que eu não lembro o nome, mas acontece numa cidadezinha do interior, não lembro pq a Scully e o Mulder trocam de personalidade, ele fica super cético e ela super crente, e muito irritada. E tem aquele do cara que muda o tempo por causa da amada.

  10. Olhovivo

    Somente hoje, 8 de janeiro/2011 fiquei sabendo que o peter boyle faleceu,,uma pena,,uma grande perda !!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account