Log In

Reviews

Parks and Recreation – Swing Vote e Are You Better Off?

Pin it
Série: Parks and Recreation
Episódios: Swing Vote e Are You Better Off?
Número dos Episódios: 5x21 e 5x22
Exibição nos EUA: 02/05 e 09/05/2013

Como terminar a temporada em estilo.

Parks and Recreation teve uma quinta temporada que, se considerarmos o todo, não foi extremamente satisfatória. Tudo bem que a quarta temporada também elevou bastante o nível da série e os roteiristas simplesmente acharam difícil lidar com novos arcos, com uma mudança de ambiente também. Porém, até mesmo quando conseguiram colocar todos os personagens em uma só situação, o nível do roteiro continuou baixo.

Porém, a série conseguiu dar uma guinada no final da temporada, mesmo que isso não salve ela inteira. Houve pequenos momentos de personagens e algumas piadas que fizeram o episódio 21 interessante de se assistir. A história de Andy e April, que acaba envolvendo Ben também, foi a melhor da noite. Ben só queria levar Andy para celebrar, mas acabou arcando com todas as despesas. O moço pelo menos foi quem riu por último, por ter usado um ótimo timing respondendo, no final do episódio, que os Beatles também tinham dois cantores principais. O que faz o plot de Andy e April ser especial é o amor que a última sempre tem pelo marido, indo contra seu próprio gosto musical só para vê-lo feliz. Um momento terno e verdadeiro entre os dois. São esses detalhes que fazem April e Andy serem pessoas reais, e não apenas caricaturas de algo da TV.

A parte mais engraçada ficou por conta de – choquem – Ann, que praticamente se transformou em uma quase Monalisa, mostrando que quando os roteiristas se importam o bastante com a personagem para darem um bom plot, coisas maravilhosas podem acontecer. Monalisa, porém, consegue o melhor momento do episódio: Não há vingança melhor do que roubar o controle da natalidade de alguém e gritando: “Vadia, você vai ficar grávida!”

O momento entre Leslie e Ron no final do episódio também agradou. Leslie percebe que o que estava fazendo durante o minigolfe realmente era errado e Ron já sabia disso. Há um indício de que a vida de Leslie realmente pode mudar. No episódio passado, ela percebeu que sua vida poderia ser bem mais do que meramente uma vereadora de Pawnee. Ela precisa fazer alguns sacrifícios na sua carreira, mas a grande dúvida realmente é: será que Parks conseguiria fazer um final de temporada satisfatório?

Não foi o melhor final de temporada, mas foi o final que Parks precisava para mostrar que ainda tem grandes histórias para contar. As histórias que têm transitado entre os episódios não foram todas convincentes. Leslie geralmente é minoria quando se trata de fazer alterações pelas necessidades de Pawnee, então essa luta de Leslie com a cidade não é novidade. No início, achava que sua luta contra o recall seria simplesmente uma reformulação do arco da eleição temporada passada, com Leslie tentando conquistar eleitores. Mesmo que sua atitude positiva no final do episódio é sempre apreciada, isso não é nada que não tenhamos visto antes.

Uma mudança que veremos na quinta temporada é a decisão de Tom em não vender a sua loja. Isso será uma grande mudança na série. Além da contratação de Monalisa, o negócio de Tom tem sido bastante suave. Então, se ele realmente tiver um concorrente direto vai fazer seus plots se tornarem muito mais interessantes. Ainda mais intrigante é que os escritores optam por não revelar a identidade do concorrente.

Por último, a maior revelação do final – e uma das complicações para a próxima temporada – é que Ron está prestes a tornar-se o pai do bebê da Xena. Alguns dos meus momentos favoritos da temporada vieram por cortesia do relacionamento de Ron com Diane e suas filhas monstros. Esse ponto na trama não significa apenas que veremos ainda mais da química de Ron e Diane, mas a alegria que é Ron interagindo com as crianças. Isso também significa que Monalisa não é a grávida, que se realmente fosse verdade, seria uma perspectiva assustadora. Tom realmente não está exagerando quando diz: “Oh Deus. O que eu fiz? Tal como para a humanidade!”

P.S: A volta do agende do FBI Bert Macklin foi ótima, afinal Andy sempre é um personagem que vale a pena. Mas ele também mostra que também é um ótimo marido, quando deixa claro que é favorável ao sonho de April de estudar medicina.

P.S: Os roteiristas nos enganaram direitinho no começo do episódio. Por causa daquele telefone, parecia que April que era a grávida.

Séries citadas:

Cinéfilo e viciado em séries. É também um podcaster, blogueiro e estudante de Letras e Jornalismo. Acompanha mais de 60 séries, sem contar as milhares que já passaram. Gosta de todo tipo de série, não discrimina. Usa o sarcasmo, a ironia e a acidez para lidar com as situações ordinárias. Pode ser encontrado no twitter pelo user @marcoacpontes.

Website: http://www.mundodaseries.com

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account