Log In

Opinião Sobre o TeleSéries TV Brasil

Os destaques do dia acabaram

Pin it

Sinto muito. Mesmo. Não foi uma decisão fácil. Mas foi necessária. A coluna Destaques do Dia tinha, em média, uns 900 page views por dia (fora os leitores via feed). Há edições da coluna com 1500 cliques. Admito, prestávamos com ela um serviço útil e até indispensável para muita gente.

Os Destaques do Dia eram a cara do TeleSéries. A coluna que melhor personificava as intenções de existir do site: ser a melhor interface de comunicação entre os telespectadores e os canais de TV por assinatura.

Gosto de pensar que nestes anos todos (a coluna existe desde 10 de abril de 2005, antes mesmo do TeleSéries virar um blog) nós formamos opinião. Que um ou dois executivos pegaram nela (ou nos ricos comments dos leitores) algum insight sobre a melhor forma de organizar a grade de programação; e que um ou outro assessor de imprensa percebeu a melhor forma de vender uma série para outros jornalistas e blogueiros.

Gosto de pensar que a coluna serviu para agendar os leitores e ajudou a dar audiência pra alguns canais. Segundo o Daniel Castro, em coluna publicada em fevereiro no seu blog no R7 (leia aqui), House teve média de 31.633 telespectadores ao longo de 2009. O número é ridiculamente baixo. Mesmo considerando o que a gente sabe – que num ano com 54 semanas, em 32 semanas a série reprisou, o que joga esta média para baixo. Se House é a mais vista, imagine a recém-cancelada Gossip Girl! Mas antes que eu perca a linha do raciocínio: se a audiência dos seriados na TV paga é tão baixa, quero dizer que acredito fielmente que os números do Destaques do Dia podiam influenciar a audiência, uns 2% a 3%, porque não?

Deveriam ter, portanto, canais lutando por espaço na coluna. Mas não é o que acontece. Cansei de não ser convidado para eventos (ah, eu não sabia que vocês tinham correspondentes em São Paulo), cansei de não ser atendido por assessores de imprensa – alguns por puro desinteresse e preguiça, outros por falta de informação (esta semana mesmo, assessor da Warner Channel falou não ter a grade de abril para me passar, ou seja, oficialmente ele não sabe dizer qual será o horário de Human Target ou para onde irá Smallville, apesar desta informação já estar circulando; não raras vezes o SériesOnline furou o canal – e até hoje eles dizem não saber como isto acontece).

Há ainda uma questão financeira bizarra, que envolve alguns canais em especial. Alô HBO! Enquanto brigávamos com assessores de imprensa por informações para fazer nosso noticiário, as tais agências de marketing de guerrilha andam distribuindo dinheiro em blogs de menor relevância para que publiquem posts pagos divulgando suas ações de marketing. Quer dizer, o TeleSéries divulga uma estreia de Big Love gratuitamente, enquanto outros blogueiros são pagos para a mesma divulgação? Que distorção é esta? Dinheiro é um tema complicado pra mim e por isto que, neste momento, o site não possui anúncios. Isto não deveria fazer diferença aqui. Mas faz. Há algo de errado quando um site especializado em seriados com quase oito anos no mercado diminui suas operações por falta de patrocínio, que jorra em outras mídias.

Mas o mais importante e o que mais pesa é aquilo que eu disse acima: queria facilitar a comunicação entre os telespectadores e os canais. Durante muito tempo isto deu certo. E de 2002 para cá, muita coisa melhorou na TV paga, e as nossas críticas tiveram algum peso nisto. Mas eis que dos últimos dois anos para cá passou a acontecer uma coisa diferente: eu parei de entender o que se passa na cabeça dos executivos de TV por assinatura. Eu não entendo o que pensa a Kátia Murgel e o Gustavo Leme, ou a Vilma Maciel. As ações dos canais contrariam a minha lógica. A lógica deles, claro, é a da audiência. Mas há algo errado nos meios deles para ganhar audiência. Eles vão popularizando mais e mais a programação, tentando atrais as classes C e D, derrubando no caminho a audiência que antes era fiel. Há uma década atrás a Sony era o canal dos “sonymaníacos”. Quer honra maior do que esta, do que a tua marca ser o adjetivo que descreve o teu público? A forma como os canais conduzem os negócios contradiz tudo o que ouço falar atualmente em marketing e administração.

Por fim, o TeleSéries hoje tem cerca de 20 colaboradores ativos. Curiosamente, eu sou o único que ainda assiste a maioria dos seriados pela televisão. Para todo o restante da equipe, a coluna é pouco útil, ou melhor, tirando um ou outro colaborador que ainda pega um seriado que ficou para trás, os demais nem a leem. E a cada dia que passa fica mais complicado para mim, editar este site. Para o babaca aqui, a terceira temporada de Dexter começou na semana passada!

Assim como o MP3 acabou com a indústria de CD, o mercado de seriados na TV paga foi engolido pelo download ilegal. Os estúdios ainda vão ganhar dinheiro com os DVDs por R$ 59,90 (de preferência se for leve 3 pague 2) e na carona dos atrasildos que descobriram as séries ontem pelo SBT. Mas a TV paga como veículo para assistir seriados vem fracassando (os números do Ibope do Daniel Castro atestam isto).

Eu sou da geração da televisão. Não troco um seriado na TV por um seriado no computador ou numa tela ainda menor. Mas vou me atualizar. Mas ainda torço para quem, inteligentemente, luta para manter o negócio da TV paga viável – como o Universal, investindo nas redes sociais e na sinceridade de mostrar para o telespectador o que é inédito e o que é reprise. Enquanto eu escrevo, a Sony exibe American Idol com boas legendas, poucos dias após a exibição nos EUA – porque eles não fizeram o mesmo com Lost é uma incógnita.

A questão é que manter os Destaques do Dia se tornou anacrônico.

O fim dos Destaques do Dia não significa que o TeleSéries abriu mão da luta por uma TV paga melhor. A briga continua.

A questão é que todas estas questões tornaram manter os Destaque do Dia um trabalho, trabalho cansativo, chato e não remunerado. Fazer o TeleSéries deveria ser mais prazeiroso, ver TV deveria ser prazeiroso, e é atrás disto que vou partir.

Os Destaques do Dia terminam aqui. Obrigado por quem me acompanhou nesta jornada.

* * *

Não, não vou deixar vocês na mão. A partir de segunda-feira estarei lançando uma nova coluna diária, que nos permtirá discutir o que vamos assistir na TV, num formato menos formal, mais pessoal, sem qualquer obrigação de ser imparcial.

Eu realmente queria, mas não consigo abandonar a velha telinha. Nem o debate diário com todos vocês.

É jornalista, pós-graduado em Jornalismo Digital pela Pucrs e trabalha com produção de conteúdo para Internet desde 1995. É editor de internet do Jornal do Comércio, de Porto Alegre. Fundou o TeleSéries em agosto de 2002. Na época, era fã de The West Wing, The Shield, Família Soprano e Ed. Atualmente é viciado em The Good Wife, NCIS, Game of Thrones e Parks and Recreation.

93 Comments

  1. André K.

    Não tenho TV a cabo, não me fará falta. Em tempo: os downloads de séries das TVs abertas não são ilegais. Ilegal é a comercialização.

  2. ZUMIRO DE LUTO 2

    Desculpem minha ira no comentário anteirior… respirei fundo e dilui em alcool um pouco mais…

    Ainda vou dar uma passada diaria por aqui mas…
    Amputaram o membro mais importante do site, na minha ridicula opinião, hora vejam que eu e quem gosta de séries, somos um ultra-mini-micro-lixo-nixo, a bactéria-da-grama-digerida-da-bosta-do-cavalo-do-bandido.
    Parabéns a todos os colaboradores do site, sem dúvida, pelo trabalho 99% não reconhecido por esse filhos da puta de empresarios da mídia de tv por assinatura, que só estão levando para o fim essa tosca e débil tv aqui no Brasil…

    Resta o agradecimento de nós, 1% que sobrou, e que é fiel e inteligente, visionários e sonhadores, e ainda se tem esperanças de um futuro melhor para nossas séries….

    Abraço cordial a todos….

    “ATÉ MAIS E OBRIGADO PELOS PEIXES!” (Douglas Adams)

  3. Teresa

    Sinto muito que tenha acabado este espaço de informação. Eu sempre acessava para saber quais eram os inédito do dia para programar quais os de horário em conflito e gravar no horário alternativo. Quando havia alguma falha e não conseguia acessar o site ficava tentando até conseguir, pois era o melhor guia.
    Enfim, agradeço por este longo tempo de convívio e informação e lamento não poder mais contar com ele. Seja feliz.

  4. Claudemir

    Fico triste pelaa notícia do encerramento desta e feliz pelo anúncio da nova coluna. E vamos a ela… Que venha rápido, com criatividade e a boa vontade de sempre.

  5. Fernando dos Santos

    Eu assim como os demais, também lamento o fim da coluna mas compreendo a enorme dificuldade que vocês deviam ter para mantê-la devidamente atualizada.Os canais pagos viraram uma bagunça e as vezes nem eles mesmos sabem informar direito o que está passando.
    Um exemplo recente aconteceu com The Closer no Space quando exibiam os episódios finais do quinto ano e a emissora informava que estavam reprisando episódios do início da temporada.

  6. Lívia

    Uma pena mesmo.
    Entrava no site todos os dias so pra isso.
    Mais pra ver se seria ep. inedito ou reprise, pq dias e horarios eu tenho em uma tabelinha.
    Agora quase não devo entrar mais no site.

  7. Eu

    Por favor, alguém conhece outro site com informações diárias sobre as séries? Como eram informadas aqui, pois esse site (infelizmente) já tirei dos favoritos, pois não me serve mais para nada.

  8. Tiago Pacheco

    Pode ter certeza que a coluna fará uma ENORME falta. Mas quem parar pra pensar um pouquinho vai concordar com você e os argumentos dessa decisão. Eu faria o mesmo.

  9. Bernardo SA

    Putz, tem gente que era muito dependente p/ saber o horário dos programas favoritos? Sei lá, eu gosto do Teleséries e honestamente, só visitei os destaques do dia de vez em quando já que conheço os horários dos meus programas favoritos e ñ me incomodo c/ reprises deles (se ñ quero ver, só mudo de canal). Se algum muda de horário, geralmente acaba ganhando um tópico à parte como GoGi recentemente e os tópicos divulgando mudanças nas grades.

    Pena que algumas pessoas ñ veem o quanto o Teleséries é mais do que os destaques – eu mesmo frequento faz algum tempo basicamente pelos reviews.

  10. Luiz Marques

    Realmente uma notícia péssima…

    Fiquei tão acostumado com os Destaques que quando dava algum problema no site, era difícil chegar a conclusão do que colocar pra gravar (não assisto nada ao vivo, desde a época do videocassete…)

    Sinceramente não imaginava que vocês tinham que ir pedir a grade mensal. Pensava que extraíam dos sites dos canais ou coisa parecida.

    Espero ansiosamente para ver como vai ficar na segunda-feira.

    Obrigado pelo excelente trabalho.

  11. Bruno Piola

    Concordo, Bernardo! O Teleséries tem tanto a oferecer em matéria de resenhas, notícias e similares, é chato ver tantas pessoas desistindo de visitar o site outra vez… Mas é de cada um, não é mesmo? Cada um escolhe o que quer ver na internet.

  12. Rodrigo Rabello

    Executivos da tv e seus assessores de imprensa sempre irão morrer na praia.Gastam dinheiro com propagandas e promoções e se esquecem dos meios de comunicação especializados,como o Teleséries(que nos traz a informação precisa,sem firulas)E principalmente,”cagam” na cabeça do telespectador!Pensam que quem acompanha uma série,compra quadrinhos,dvds e produtos licenciados é um alienado,que só pensa no que está na moda do entretenimento.Otários!Sempre ficam tentando formúlas de sucesso e audiência a todo custo e se esquecem de estabelecer uma linha direta com seu público,através dos sites e revistas,que também são fãs que se dedicam mais até do que as tvs e estúdios para agradar a quem no fim paga a todos:o consumidor.
    Vejo pouca coisa na tv e no cinema,mas tenho a necessidade e curiosidade de saber o que acontece,até mesmo para saber se vale comprar ou assistir uma série qualquer ou filme,e por isso tiro meu chapéu para quem faz um trabalho a um público específico.
    Vida longa ao Teleséries!

  13. Natália F.

    É uma pena. O Teleséries é o único site brasileiro sobre séries que visito. Continuarei vindo aqui. Entendo as dificuldades pelas quais a equipe do Teleséries passa. Por outro lado, não compreendo o descaso dos canais de tv por assinatura. Infelizmente, temos visto a falta de preocupação destes canais com os telespectadores fiéis – como a decisão da Fox de dublar seus programas no meio da temporada e mais recente, a decisão da Warner de simplesmente suspender a exibição da terceira temporada de Gossip Girl. Sem contar, o atraso de exibição das séries em relação aos Estados Unidos. Não sei porque os canais acreditam que lucrarão mais modificando o modelo de exibição dos programas (dublagem, por exemplo) para agradar as classes mais baixas. Estas é que deveriam se adaptar a assistir aos canais de assinatura como estes realmente são. Provavelmente, os canais de tv por assinatura não percebem que muitasdas pessoas das classes mais baixas têm tv por assinatura por gato. Enquanto os canais tentam agradar os telespectadores do gato, os antigos assinantes recorrem aos torrents – pois, esta parece ser a única solução.

    Gostaria, de qualquer modo, que os canais de tv por assinatura dessem mais atenção aos verdadeiros fãs e telespectadores de suas séries e que também, dessem mais atenção e apoio àqueles que ajudam a formar a base de telespectadores como o TeleSéries. Foi graças ao TeleSéries, por exemplo, que me tornei fã de “In Treatment”.

    O TeleSéries deveria aproveitar seu grande número de seguidores para conseguir patrocinadores. Não perca seus seguidores, TeleSéries!

  14. pedroluiz02

    Paulo,
    pelo menos sairá a informação de inicio e fim de temporada de uma serie? já ajudaria bastante para quem vê pela tv ou deixa para gravar.Teremos isso?Atualmente me programo pela revista Monet.
    abs

  15. Alex

    House é praticamente o único seriado que eu ainda acompanho pela tv, mas mesmo assim eu gostava dos destaques do dia.
    Uma pena essa coluna ser descontinuada, porque ainda tem muita gente que só acompanha seriados do mesmo jeito que nós nos acostumamos a assistir, pela tv a cabo, que ajudou a criar uma base sólida de fanáticos por seriados aqui no Brasil.

    Mas são os sinais do tempo não é mesmo? Nem toda mudança é boa no começo, mas eu acredito que a forma como as pessoas assistem aos seus progamas hoje é muito diferente de 5 anos atrás.
    De qualquer forma desejo boa sorte para a equipe do teleséries, um dos poucos sites que ainda merecem um clique diário

  16. Andréa

    Lamentável.
    Há tantas coisas inúteis nesse site e vão acabar com a melhor.
    Não entendi bem o motivo,foi dinheiro?
    Não quero parecer pessimista, mas assim caminha para a extinção de vez do site.
    Uma pena.

  17. Almirante

    A coluna “Destaques do Dia” era o principal motivo de eu vir ao site. Certamente não voltarei com a mesma frequência já que as notícias geralmente chegam com alguns dias de atraso por aqui.

    O grande diferencial do Teleseries era a oportunidade de sabermos o que é e o que não é inédito no dia. Apesar de eu baixar pelo menos 3/4 das séries que assisto, a coluna era uma grande mão na roda.

    Entendo e respeito a decisão e deixo meu agradecimento pelo serviço prestado pelo Paulo e pelos outros colaboradores durante tanto tempo.

  18. Marco

    Acompanho o site desde o início, quase nunca concordo com o Paulo, mas não se pode negar o grande trabalho que o cara presta e também um inegável e idiossincrático olhar.

    O Teleséries é bem mais que o Destaques do Dia, é uma pena que todos não notem isso.

  19. Eduardo Sales Filho

    Paulo,

    Sou uma dessas pessoas antigas que assiste seriados apenas pela TV. A única série que acompanho junto com sua exibição nos EUA é Lost, mas apenas porque faço um podcast sobre ela, então é “trabalho”.

    Costumo entrar no Teleseries todos os dias exatamente para saber o que tem de bom pra ver na TV, o que é inédito, o que é reprise… a sua coluna era o único motivo que me trazia até aqui. Nada contra os demais colaboradores, mas raramente leio reviews de episódios, simplesmente não me interesso muito por eles, prefiro assistir aos programas. :-)

    Fico triste de verdade pela sua decisão de matar a coluna e gostaria muito que você mudasse de ideia. No entanto, entendo os seus motivos perfeitamente. Só me resta esperar a sua nova coluna a ser lançada na segunda, e torcer pra que ela continue servindo como base no momento de definir a minha programação do dia. :-)

    Abraços,

  20. Vania Magali

    Paulo,
    Seja como for, quero que você saiba que te admiro muito e me sinto realizada quando você diz que é dos antigos – como eu, que gosta de televisão e não troca um seriado nela por um download no computador.
    Espero que seja alcançado o seu objetivo e que, num espaço democrático, como sempre foi o teleséries, a gente continue descobrindo e comentando sobre esse prazer que são os bons seriados.
    Abraços.

  21. Giselle

    Que pena !!!
    Pra mim vai fazer falta. Acompanho as minhas séries pela tv e todo santo dia entro no Teleseries pra saber dos inéditos , reprises e das novas séries.
    Aguardando a nova coluna.

  22. Jorge P. - DF

    Paulo, gostaria como todos de agradecer seu empenho em ter feito esta coluna até hoje. Lamentável o comportamento das tvs pagas. Outro dia um colega disse aqui mesmo que na sky você pode mudar para um pacote com menos canais e mais caro, um absurdo.
    Sem falar que não temos no mercado gravadores de DVD ou com hd interno mais e se quisermos um gravador digital, teremos que pagar para tê-lo e outro valor somente para usar a gravação, tanto na sky como na net!
    Eu, que tenho um blog sobre tecnologia, li que não existe mais 3G com navegação ilimitada. E em todos os lugares, como o que a colega acima falou que não têm banda larga, agora não há como baixar mais muitos arquivos.
    No Brasil, eles vão matando a tv paga aos poucos e tentando limitar nosso acesso à internet.
    Se a audiência é tão pouca, não há mobilização suficiente para mudar o panorama. Lamentável.

    PS: Vocês sabiam que a net limita o acesso pela banda larga matando o roteador? Se quiser acessar mais de um computador, pague ponto extra. Leiam sempre a letra miúda dos contratos…

  23. tio_john

    Lamento pelo fim da sua coluna, mas eu baixo mesmo e conecto meu laptop na minha tv 42” e vejo um episódio fresquinho deitado no meu sofá.

    O desrespeito das emissoras TV PAGA (que alias, eu tenho) é absurdo – tirando a universal e AXN.

  24. Ravich

    Notícia muito desagradável…era o meu guia…esperarei a coluna de segunda para ver se dou adeus ao teleséries!!!

  25. meg

    Sentiremos muita falta da coluna aqui em casa! Conferimos todo santo dia o que assistir, o que é repetido… espero que a nova coluna possa nos orientar igualmente… obrigada pelo ótimo trabalho!!

  26. Flávia

    Eu também assisto às séries pela TV, e esse espaço vai fazer falta. Não só por me ajudar a organizar minhas noites em frente à telinha, mas até pelo papo informal nos comments.
    Torço para que o novo espaço seja bom para todos nós: os que baixam na internet e os que insistem na boa (ok, não tão boa assim, como o Paulo demonstrou) e velha TV paga.

  27. ~vivi

    Se a TV paga respeitasse mais os telespectadores, não estaríamos tão dependentes da Destaques do Dia…

    Sinto-me órfã e provavelmente não sou a única.

  28. Carla

    Uma pena mesmo a notícia do final da coluna Destaques do Dia… Vai fazer mtaaaa falta pra mim!

    Mas entendo os motivos do Paulo! E, com certeza, vou continuar frequentando o site todos os dias! É parada obrigatória e diária! =)

    Eu só daquelas q baixa os eps, mas, diferente de alguns, só baixo os seriados q sou mais viciada: Lost e Dexter (um pq os spoilers rolam a mil na internet, e o outro pela demora desnecessária do FX).

    Os outros seriados acompanho pela tv a cabo mesmo, pois são daqueles q eu não vou morrer em saber algum spoiler (geralmente isso ocorre com as comédias, tipo TBBT ou TaHF) ou q chegam com um tempo adequado na tv (House, True Blood, por ex.).

    Então a coluna vai me fazer uma falta enorme… Espero q tu ainda divulgue o início/fim de temporadas (tenho mania de assistir esses eps até de séries q não acompanho com regularidade).

    Paulo, parabéns pela tua coragem em expor a nós leitores os teus motivos em acabar com a coluna. Nem todos teriam a mesma coragem q tu teve, nem seriam tão sincero e franco como tu foi.

    Abraços,
    Carla

  29. Felipe Rodrigues

    Fiquei muito triste com essa notícia, entrava todo dia aqui pra saber se ía passar episódio inédito ou não. Paulo, já que vc não vai mais colocar o Destaques do Dia, me manda um e-mail me ensinando como vc fazia pra descobrir se é inédito ou reprise, eu não sei fazer isso.

    felipemateus87@hotmail.com

  30. mazinha

    Vou sentir falta dos destaques do dia…era minha elitrua diaria, aliás o Teleséries para mim é como o cafezinho de manhã…não pode faltar….

  31. Celso

    Sei bem do que vc está falando, pois sigo atualmente 20 séries com download 2 apenas 2 na TV paga.
    Para mim, os destaques do dia não eram um motivo de visitar o site, pois a TV fica defasada denais do download.
    Realmente através da banda larga (meu Virtua de 3M baixa um capítulo em 30min) ficou cada vez mais fácil baixar e já vem sem comercial sendo que baixo mais de 30G por mês.
    Uma pena para quem tem TV a cabo mas sem banda larga, mas as coisas mudam mesmo e temos de nos adaptar.
    Continuem com o bom trabalho e vamos em frente.

  32. Regina Monteiro

    O Destaques do Dia vai fazer falta, mas não acho que seja esencial ao site.
    Concordo com o Marco (68):
    O Teleséries é bem mais que o Destaques do Dia, é uma pena que todos não notem isso.(2)

    Pela ordem prefiro as reportagens de opinião, porque as pessoas que as produzem bem ou mal estão acompanhando os debates sobre os assuntos sobre os quais escrevem e não geram apenas informação sobre este assunto, mas ajudam a observá-lo sobre vários angulos.

    Quanto às reviews não leio todas, mas muitas delas. Já cheguei a começar a ver uma série que eu nem sabia que existia depois de ler uma review que a Mica fez. Nem gosto tanto assim de Criminal Minds, mas as reviews da Simone ainda não me deixaram parar de ver a série. E embora não vá citar todos os autores aqui, esporadicamente acabo lendo todos eles.
    Tem autor que leio apenas pelo prazer do bom texto como é o caso do Rafael Maia.

    Bom, em resumo é isso: o Teleséries é mesmo bem mais que o Destaques do Dia.

  33. Pingback: O que vou assistir esta noite na TV – segunda, 8/3/2010 » TeleSéries

  34. Gabriel

    É uma pena, realmente. Também acompanho as séries mais pela televisão do que por outra mídia. E, sendo assim, a coluna Destaques do Dia era muito importante para mim.
    Contudo, entendo perfeitamente a posição do Paulo Antunes e até mesmo a aplaudo. É constrangedor que o mesmo tratamento de desídia dos canais para com os telespectadores seja delegado a sites da qualidade do Teleséries.
    Como foi dito pela Regina Monteiro, o Teleséries é muito mais que os Destaques do Dia. Pessoalmente, adoro os reviews. Não leio todos, mas sempre acompanho os das séries que gosto. Comecei a ver House por causa do Anderson Vidoni e resolvi comprar as temporadas de ER em função da qualidade do texto e da paixão transmitida pelo Thiago Sampaio em suas colunas.
    Por tudo isto, assim como muitos, continuarei um leitor diário do site.

  35. maria

    vai fazer falta,mas vc deveria sim ser convidados a eventos e receber pelo trabalho q realiza vergonha parta os acessores dos canais…

  36. Bruno

    a falta dos destaques do dia realmente vai me fazer uma falta enorme, eu sempore via o que era inedito ou reprise por aqui, vo uter mudar minha rotina pelo jeito

    =/

  37. Marlene Freitas

    Realmente é uma pena… que as pessoas avaliem um site da importância do TeleSéries por uma coluna apenas!
    Mas… a indignação geral é válida! Como também é válido todo protesto em relação a como nós os tradicionais espectadores de séries de TV (seja por qual meio ela está sendo transmitida) temos sido tratados pelas operadoras de TV por assinatura! Exigirmos que as séries sejam exibidas em sua totalidade e na ordem correta, que não haja tanta diferença de tempo entre o que é mostrado lá fora e aqui, e principalmente, que o que nós pagamos nos traga benefícios e não apenas dor-de-cabeça! Isso deveria nortear a todos que estão se sentindo órfãos de uma coluna, apenas!
    Vamos continuar prestigiando esse site preocupado com a qualidade do que vemos, independente de atender a uma parcela “que só quer o inédito”!
    Em tempos de download fácil (para os que têm os equipamentos mais modernos) e spoillers de todo tipo, a fidelidade e o carinho em acompanhar uma série favorita é que deveria ser o grande barato!
    Continuarei prestigiando o TeleSéries pelo excelente trabalho de todos, principalmente àqueles que escrevem os reviews das séries e torcer para que seja qual for a nova coluna do Paulo Serpa Antunes, ela tenha muitos leitores e continue mantendo a qualidade de seu trabalho.
    Vida Longa e Próspera!

  38. bia mafra

    eu baixo de vez em quando as series, mas serio, primeiro gosto de ver com meu marido, comentando desde roupas e falhas aos enredos e aos tradicionais palavroes de admiração ou de raiva. por isso ainda assisto pela tv.
    vou sentir uma falta dessa coluna, por ela sempre sabia um pouco mais do que simplesmente o que ia passar, se era inedito ou reprise, quem estaria ou o alguma serie que eu nunca veria se nao fosse aqui, como foi o caso do sons of anarchy ou true blood, series que amo e sou fiel. vai ser uma grande buraco no teleseries, mas os motivos sao validos.

  39. Egui

    Eu sou muito da antiga!! de q vale ter tv “literalmente” paga hj em dia senão p/ver os seriados de q tanto gosto. Sem graça baixar pelo computador, e no meu caso, q nem computador tenho!! Só assito pela tv mesmo, e amarradona, toda feliz pq vou ver a “inédita” 3ªtemporada de Dexter. Mas o bom é isso, chegar em casa, após um dia inteiro em frente a telinha e assistir tudo no telão, relaxada. E como vejo várias coisas, tem vzs q esqueço mesmo, sem saber se hj é dia de grey’s, lost, ainda mais com as mudanças nas grades de programação. É por aqui q me atualizo, q me programo. Uma pena o fim da coluna… Lamentável q o poder das grandes, venha afetar um trabalho tão caprichado e cuidadoso q vc faz Paulo.

  40. Rubens

    Paulo, vou ser breve: baixar seriados nao tem nada a ver com assistir no computador. Eu nunca assisti seriados pelo computador na minha vida, mas baixo series ha cerca de 8 anos. No inicio baixava AVI de definicao standard, hoje em dia baixo MKV HD de 720p (para seriados) e ate 1080p (para filmes e animacoes).

    Hoje assisto a todo esse conteudo no meu quarto, em uma tv LCD full-HD de 40″ conectada diretamente a um HTPC (um micro dedicado à exibicao de videos) via conexao HDMI. Nao é preciso sequer ter placa de video sofisticada, o meu HTPC tem video onboard GMA-4500HD da Intel na propria placa-mae. E reproduz videos 1080p sem engasgar.

    É isso… Vamos parar com essa historia de associar download com “assistir na telinha do computador”… Hoje em dia, ligar o computador diretamente a um televisor (seja de que tamanho de tela for) é a coisa mais facil de se fazer.

  41. Reinaldo Matheus Glioche

    Paulo, meus parabéns pela coragem e pela força de vontade.Tb sou dos que torçem por uma tv paga mais forte, respeitosa e que prestigie as séries e seus fãs. É um trabalho conjunto que envolve cooperação de todos os envolvidos. Estou junto nessa briga e Dexter começou para mim na semana passada tb.
    Grande abraço!

  42. Fabio

    Paulo, valeu pela resposta e admiro o trabalho que você teve este tempo todo e concordo com a sua posição em encerrá-lo mas…
    Se quiser uma força… estamos aí… no começo tambem apanhava para baixar, achar legendas sincronizadas, queimar dvds… mas depois de um tempo é igual andar de bicicleta… só se anda mais rápido e se aprende a correr… rs…
    Parabéns pelo trabalho excelente que você realizou e espero também que as emissoras de TV a cabo tomem vergonha e façam jus ao imenso valor pago pelos seus assinantes…
    Abraços

  43. Lucas Ávila

    Paulo, sou solidário a tua iniciativa. Apesar de sentir uma pontada no peito a cada noticia que aparece nesse sentido, parece que o bom e velho teleseries que acompanho a 4 anos está para acabar. Sei lá é só uma impressão. valorizo demais o seu trabalho e de todos os colaboradores do teleseries e espero que esse ano seja marcado pelo reconhecimento geral do que eu já sei há tempos: o teleseries é o melhor no seu segmento. Abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account