Log In

Reviews

One Tree Hill – Hardcore Will Never Die, But You Will

Pin it
Série: One Tree Hill
Episódio: Hardcore Will Never Die, But You Will
Número do episódio: 9×10
Exibição nos EUA: 14/03/12

Mais alguém aí teve um ataque cardíaco? Mais alguém aí ficou sem ar? Mais alguém aí vibrou do início ao fim neste episódio? Acho que nem preciso perguntar né? Não, porque este episódio acabou de entrar para a galeria de “episódios memoráveis” de One Tree Hill. Ele está longe de ser o “melhor” episódio da série, com certeza, mas uma coisa não posso negar: este é, sim, o melhor episódio da temporada, até agora. E mesmo encerrando uma das principais tramas da temporada, o episódio não decepcionou. Muito pelo contrário: emocionou aos fãs. Assim foi Hardcore Will Never Die, But You Will. Mas hoje, mesmo com este episódio que foi ótimo, e depois de vários e vários elogios, está na hora deu partir para algumas críticas, que independente ou não, precisam ser feitas, afinal, nem tudo é um mar de rosas.

O episódio começou exatamente do ponto onde paramos semana passada. Mas agora, Chris Keller e Julian se juntaram a Dan Scott no resgate de Nathan. Os três tiveram uma química incrível. Mas, infelizmente, a história do sequestro de Nate é um imenso paradoxo. Ela movimentou esta última temporada e sem dúvidas foi um trunfo de Mark Schawhn, apesar de eu ter quase certeza que ela aconteceu somente devido a não renovação para o elenco fixo de James Lafferty. Entretanto, foi uma história meio sem pé nem cabeça do ponto de vista lógico. Digo isso porque Haley tem um poder financeiro considerável para por um bom detetive atrás do marido. Fora que Nathan Scott é um super famoso ex-jogador de Basquete, e Haley é uma super famosa cantora. Então, nada mais do que sem nexo essa coisa de ficar dependendo da patrulha local para buscar Nathan, e consequentemente sobrar para Dan Scott. Mas tudo bem, a gente releva. Afinal, estamos nos despedindo e precisamos curtir cada momento.

Voltando ao caso, Dan Scott foi atrás do filho. O traficante que estava em seu poder aparentemente abriu o bico. E aí, o trio partiu para ação. Keller teve cenas engraçadas, a meu ver desnecessárias no contexto. Julian foi logo dispensado, ficando a cargo de Chris cobrir o Vovô Dan. Bom, venho com mais uma crítica: para um cativeiro, de um jogador famoso, Scott entrou muito, mas muito fácil, como um “exterminador do futuro”, como se nada pudesse atingi-lo. Eu confesso que ri nesta cena. Mas o que importa é que ele conseguiu entrar lá, pegar Nathan e trocar, em menos 3,2 segundos, o filho pelo traficante. Coisa de gênio. Agora, a minha maior crítica desta cena “épica” foi em relação a Nathan e o sequestrador. Que tipo de sequestrador é este que vê o refém sacar uma arma e não atira? Que tipo de sequestrador é esse que leva um tiro e fica vendo sangrar, em vez de atirar? Não gente, francamente, isso foi ridículo. Ele falava demais e fazia pouco. Mas, tá, eu vou relevar também, o Nathan ficou bem. Mas concordem comigo, poderia ser algo mais bem construído.

Em consequência disso tudo, Dan Scott levou um tiro no lugar do filho (antes do paspalho do sequestrador ficar tagarelando). Por mim, ele ficaria ali, sangrando até a morte. Ele merece uma morte sofrível. Eu não sou rancoroso gente, mas na boa, eu nunca perdoarei Dan Scott por ter matado um dos personagens que eu mais gostava em One Tree Hill. Não vou mesmo. Podem falar o quanto quiserem, falar que ele ficou bonzinho e tudo. Para mim não dá. Já deveria ter morrido há muito tempo. Que a justiça seja feita. Mas eu reconheço o mérito desta história, e digo que, mesmo com todas estas críticas, foi uma história que me prendeu do início ao fim.

Este episódio não foi daqueles que tem mil coisas acontecendo, e duzentos coadjuvantes aparecendo. Resumiu-se a duas histórias. Além da resolução do sequestro de Nathan, Brooke brilhou no episódio. Eu posso ter a opinião contrária de muitas pessoas, mas eu ainda vejo o brilho dela em algumas cenas. E eu estou satisfeito. Isso porque a oitava temporada foi dela, gente. Não há como negar. Esta temporada precisava ser de um dos primeiros protagonistas. E mesmo ausente, Nathan brilhou. Mas isso não vem ao caso. O negócio é que Xavier resolveu não pegar o bebê de Brooke (aliás, eles perderam o outro? Porque só aparece um. Economia de cachê?). Resolveu pegar a própria Brooke. Seria meio previsível, mas juro que não previ. E fiquei bem aflito nas cenas de perseguição da garagem. Morri de pena da Brooke. Só que alguém imaginava que quem salvaria Brooke seria Tara? Quem diria em! Achei que Julian ia chegar ali e matar Xavier, mas quem salvou, literalmente, Brooke, foi a concorrente do Karens Café. Bom, foi mais do que obrigação né? Mas mesmo assim, achei válido. Acho que a história Xavier também está com um ponto final.

O caso é que, um episódio com uns defeitinhos ali e outros aqui, teve uma essência sensacional. Como eu disse, não foi o melhor episódio da série, mas foi sim, memorável. Foi daqueles episódios em que cada cena era uma aflição, um susto ou uma torcida. Bem digno para esta temporada final. A partir da semana que vem, aja coração. Começaremos a nos despedir de fato da série, e preparem-se, porque talvez seja o último brilho de Dan Scott. Até lá.

Ps1: As cenas do Clay foram tão, tão, tão chatas que nem me importei em fazer um parágrafo para ZzZzZZZzzz.

Ps2: Gente, os coadjuvantes sumiram de verdade em? Coitados.

Ps3: Haley estava arrasando nos outros episódios, e suas cenas se resumiram a ficar correndo na esteira ou ver um vídeo? Achei meio sem graça.

Ps4: Nem acredito, mas só faltam 3 episódios para o final.

Séries citadas:

Mineiro, professor e aficionado por séries. No TeleSéries resenha as séries Hawaii Five-0 e Saving Hope. Mas também é apaixonado por Grey's Anatomy,'CSI, Rookie Blue, The Vampire Diaries, The Good Wife, Homeland, The Walking Dead e muuuitas outras...

21 Comments

  1. Nat

    hahahaha.,..
    as cenas do Clay foram péééssimas mesmo. rs

    Realmente se
    ele tivesse ido visitar os sogros, seria BEM MELHOR.

     

    As cenas
    dele cortavam toda hora as cenas legais fo epi. Nem prestei atenção =

    Ainda bem
    que não colocaram Mouth, Millie e Skills com aquele drama do Mouth de “sou
    gordo e agora?!!?”

     

    E
    cadê o pai da Brooke com aquela história de sociedade? Eles desenvolvem um lado
    e esquecem do outro…

    Estou
    até agora esperando a Brooke Davis mudar o mundo (como o Lucas colocou no
    livro).

    Me explica o que estava faltando para aquele homem matar o Nathan???

    Essa enrolação pra deixar a gente nervoso..
    fala sério.

    Ele tinha o dinheiro ou não tinha o dinheiro…
    ele sabia o que os caras queriam: a morte do Nathan… Prorrogaram tanto pq? 

    Na hora que ele aparece e atira no
    “Nathan” mas na verdade era o traficante, eu fiquei
    TEEEEEEEEEEEEEENSAAAAA achando que era o Dan. Iria ser mta burrice da parte
    dele sentar ali, mas fiquei apreensiva. 

    Mas depois o
    sequestrador atira no Dan e resolve bater papo com o Nathan novamente… 

    Quem mto
    fala, pouco faz… 

     

    Eu gosto do Dan… 

    Já o odiei demais… Pensava no início que ele
    seria um personagem que até o final da série, seria misterioso… com más
    intenções e tal.

    Mas desde que ele começou aquele romance com a
    Karen, que eu venho gostando dele cada vez mais…. EU SEI… ELE MATOU O KEITH
    e eu fiquei p. da vida com ele…. mas eu tenho essa mania de qndo vejo que a
    pessoa está mudando, torço por ela. 

     

    Não gostei da cena da Brooke… na verdade ODIEI!!

    Preferia que o Xavier estivesse atacando a
    loirinha e a Brooke a defendesse… Ou até que ele viesse pra atacar a Brooke,
    mas que ela baixasse o Chuck Norris nele.

    Ela toda medrosa e sendo defendida logo por
    aquela bitch eu ODIEI 

  2. Karisalana

    a Série é muito boa, infelizmente esta terminando.. e concordo que o episodio deixou a desejar, continuo torcendo pra que eles tenham conseguido termiar a série com pelo menos 1 aparição da peyton, pois se n tiver.. sinceramente.. vai ficar um péssimo final…
    mas to com meus dedinhos cruzados!
    essa temporada esta incrivel, clay que era um personagem sem graça mudou da agua pro vinho, sofri com ele… muito loko.. logan ser o filho dele.. cai da cadeira.. surpreendende.. lindooo… a tal alex podia ficar pela turne, chase é mais legal sem ela ou mia.. muito melhor.. e to querendo saber dele, coitado… acho q so no proximo foram muitas emoçoes pra caber nesse episodio 10.. o 11 vai ser incrivel, tenho certeza, vi rapidinho q vai reviver a morte de keith.. no inicio dan era uma pessoa despresivel q n valia nada… mas ele foi trabalhado, e aprendeu da pior forma q fez tudo errado e perdeu tudo que mais valia no mundo, a familia… ate pela felicidade de natan eu torço pra ele possa aceitar o pai e perdoar-lo.. a serie pode nos mostrar atraves da relação que ele desenvolveu com jamie que as pessoas mudam.. ele salvou jamie e haley da baba louca, ele ama natan mais que tudo, por isso ama tanto a familia, coisa simples na vida que ele aprendeu a dar valor, deixou de ser o cara egoista que era.. sofreu muito tb na serie.. é complicadissima a historia, so quem passa por algo do tipo q vai saber, e eu n tenho a real noçao disso, mas, torço por dan ja ha algum tempo..
    e natan estava sofrendo e fazendo a familia sofrer por n perdoar o pai.. o sentimento ruim que fica no coração mata mais.. é bem pior, no momento q libera o perdão da um alivio ate pra quem perdoa.. no mundo todos vão nos magoar, basta apenas escolher pelas quais vale a pena sofrer..
    a serie esta me surpreendendo a cada dia!
     

  3. Liliane Matos

    EU ainda to sem palavras…. o que você falou faz sentido mas a verdade é que entrando em Tree Hill eu pelo menos acabo esquecendo dessas coisas que são óbvias!.. eu realmente achei q quem estava no capuz seria o Dan, e não pq o Nathan colocou ele, mas sim pq ele se colocou no lugar do filho… achei que ele morreria ali cara… meu coração parou na hora!

  4. Bruna

    A Brooke roubou a cena nesse episódio. A Sophia merecia um Emmy, sério. Até deixei um comentário no orangotag falando que achava que teria alguma referência ao psycho Derek (alguma lembrança da Brooke talvez), na cena em que ela e o Xavier caíram da escada.

    Eu adorei o ‘trio’ Dan, Chris e Julian. Dei muita risada com a aflição do Chris, e ele me surpreendeu quando prensou o cara contra a parede. Achei que ele fosse fazer algo mais tipo Chris Keller. E quando eu achei que tudo estava perdido pro Nathan, eis que surge o Julian e nocateia o policial imbecil. Eu até gritei “não!” quando o cara atirou em direção ao Nathan e o Dan entrou na frente. Que cena tensa!

    E as cenas do Clay com a Quinn foram totalmente desnecessárias nesse episódio. Talvez a intenção do Mark tenha sido quebrar os momentos de tensão, mas preferia que eles não tivessem aparecido (apesar de gostar da Quinn).

    A promo dos próximos episódios? Dá até um aperto no coração só de pensar :(

  5. Bianca Mafra

    Desiste, a Peyton, segundo a atriz, está muito ocupada fazendo um papel menor e que aparece muito pouco, sumindo em alguns episodios em White collar e numa participação em Castle, sem lugar para series CW. ai quando eu falo que detesto isso, que sou muito mais a Kristen Bell que ja falou mil vezes que quer o filme, webtv ou qualquer coisa para terminar a veronica mars, acham que eu puxo saco a toa

  6. Bianca Mafra

    A Melhor coisa para mim foi o Dan dando uma de Chuck Norris. Brooke arrebentou no seu drama. 
    eu ja tinha falado isso na review anterior, cade a imprensa? cantora famosa e jogador de basquete famoso tinha que ter imprensa?
    anderson, nao tinha como o julian salvar duas patrias, tadinho!!!!

  7. Belle Dantas

    Maravilhoso o episódio,concordo com voçê em alguns pontos mas finalmente a brooke voltou a brilhar e pensei que quem salvaria ela era o julian,mais foi ótimo,em relação ao sequestro de nathan eu ainda não entendi como deu tempo o dan trocar o nathan pelo traficante mas tudo bem o que importe é que ele conseguiu e confesso que por um momento esqueci que o dan matou o próprio irmão e fiquei com pena dele quando levou um tiro,é mais realmente fiquei sem fôlego nesse episódio muito bom e acho que nos tres que faltam não teremos mais nenhuma ação,acho que agora só teremos emoções ate o final,ja estou morrendo de saudades e ansiosa para o final,gostaria de rever o lucas no final e para o final ser espetacular só reunindo todo o elenco da série,é mas vamos esperar o quem por aí.

  8. Gabriella Siggia

    Anderson boa review mas terei de discordar de vc numa coisinha. Para mim foi sim o melhor episódio da série. Podem ter saído alguns errinhos e tais, mas NUNCA pensei q ficaria tão desesperada e tensa num episódio como eu fiquei neste. Xavier me deu medo, Brooke me irritava pq não fugia, Keller e Baker me fizeram rir de nervos e tb pq foram hilárias, mas o q me pegou de surpresa foi sentir e ver Dan agindo como pai, um pai q ele nunca foi para Nathan ou Lucas no seriado,

    Dan só falava q gostava dos filhos e q se pudesse fazer algo por eles, ele faria. Disse mtas vezes q estava atrás de redenção e eu NUNCA conseguia acreditar 100% nele. Depois de rever este episódio umas 10 vezes (isso mesmo) eu finalmente vi q Dan mudou, principalmente pq ele tinha tudo para perder, como bem disse Keller, mas mesmo assim fez o q tinha q fazer e ainda se jogou na frente do próprio filho. Digo isso pq eu sempre fui a defensora de q Dan deveria morrer, mas depois de ver e rever este episódio quero q ele sobreviva e s reconcilie com os filhos. Por isso afirmo q este episódio foi o melhor da série. Nunca chorei tanto como chorei neste, nem infartei a cada minuto de cena, torci para q Brooke e Nathan sobrevivessem e a cada minuto, achava q Nathan fosse realmente morrer. Tive q parar o episódio diversas vezes para me recompor. 

    Mas é só a minha opinião e eu realmente vi este episódio assim. 

  9. Shi Rocha

    Ahhh eu também achei umas coisas bem ridículas… Ta certo que o Dan matou o Keth e ficou preso por um tempo… Mais qnd foi que ele virou aquele bandidão que entra atirando em todo mundo como se fosse o robocop?!?! Por que eu lembrei do robocop… Juro!!
    Na verdade eu não curti muito o episodio não… Ri muito… Ainda quando o Dan disse: “Dan Scott não está gostando disso”… As cenas da Brooke foram bacanas… Porém… O que ela tava fazendo em um estacionamento? Onde ela tava indo que ia pegar o elevador?
    Apesar das cenas da Haley ter sido.. Alias… Foi participação… Eu chorei muito quando o Julian pegou celular pra ligar pra ela… Igual um bebe… 
    Por mim o Dan podia morrer… Ele não queria tanto a redenção… Então, salva o filho e vai pro inferno… rsrs

  10. Anderson Narciso

     Poisé Nat, este episódio teve uma carga dramatica enorme. Bacana a sua opnião, e como disse, mesmo gostando e amando cada coisa de OTH, as vezes tem uns errinhos que não da para passar. hehe, mas é isso. obrigado pela opnião e continue lendo e comentando. Beijs

  11. Anderson Narciso

     A Alex não volta para o final. Bom, quanto a Nathan perdooar o pai, o 9×11 lhe dará as respostas. Prepare o lencinho hehehe. Esta temporada final ta linda mesmo. Orgulho de fã. Obrigado pelo comentario Karisalana!

  12. Anderson Narciso

     Clay e Quinn são totalmente desnecessários, esta é a verdade. Ele são bem mixurucos mesmo, e ainda vivem sob o estereotipo “tapa buraco de Lucas e Peyton” infelizmente. Mas, vamos ver o que final reservará para eles.

    Julian chegar e nocautear o sequestrador foi surpresa pra mim. Mas agora eu quero saber, afinal, quem estava por tras disso tudo? Será que teremos esta resposta?

    Obrigado pelos comentrios Bruna, e continue aqui com agente ;)

  13. Anderson Narciso

     Obrigado Belle, a Brooke sempre birlhou pra mim, e mesmo estando apagadinha, teve o seu momento. Mas prepare-se para o 9×12, este sim, será o seu grande momento nesta temporada final ;).

  14. Anderson Narciso

     Claro, cada um tem sua opnião. Dan pode ter mudado, mas é dificil … Danny Boy é um grande personagem e o 9×11 é seu momento de brilhar. Angustia no coração hahahah

  15. Anderson Narciso

     Né? Bandidao estilo Robocop mesmo, hehehe. Eu lembrei do Exterminador do Futuro. Só faltou o “Hasta la vista, baby”. hahahha, obrigado pelo comentario Shi.

  16. Bruna

    Só me corrigindo… escrevi nocateia, e o certo é nocauteia hahaha.

    Eu tava aqui pensando… faz anos luz que isso não é citado, mas e se fosse aquela mulher que alegou que o filho dela era do Nathan? Parece absurdo, mas sei lá… ou poderia ser a psycho Carrie outra vez? Há bastante opções… o filho do professor que bateu no carro da Lauren, o Daunte (ou Dante, não me lembro). Desafetos não faltam para o Nathan rs.

  17. Aninhareale

    essa temporada tá animal! sabe QUEM poderia ter feito uma aparição??
    a rachel gatina! adorava ela kkkkkkkkkkkkkkk

    JAMIEEEE CADE VC??

    enfim, tomara que o Schwahn não nos decepcione no fim

  18. Aninhareale

    acho clay e quinn necessários!
    sem o luke e a pey realmente ficou um buarco, não que eles tenham vindo para substituir, mas apenas para dar volume para a série… se não ficaria só a brooke, julian, nathan, haley…
    ia ficar meio vazil

  19. Pingback: Destaques na TV – Quarta, 19/9

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account