Log In

Reviews

One Tree Hill – Every Breath is a Bomb

Pin it
Série: One Tree Hill
Episódio: Every Breath is a Bomb
Número do episódio: 09×09
Exibição nos EUA: 07/03/12

Pegue a série que você mais ama. Acrescente maturidade aos os personagens que você ama colocando-os em uma temporada final excelente. Isso é One Tree Hill. Eu já não sei nem mais como elogiar esta temporada. Eu dei uma lida nas primeiras reviews desta temporada, e mais uma vez coloco: “quem diria que esta temporada final ia melhorar em?”. Realmente, está demais. E o episódio desta semana, mais uma vez arrebentou, em todos os sentidos.

Como vimos na última semana, em uma tentativa de desespero, Haley se juntou a Dan para resgatar Nathan. Ok, é uma coisa meio desacreditada que a polícia de Tree Hill não esteja fazendo nada. O oficial corrupto pode até estar encobrindo o caso, ou algo do tipo, mas nós estamos a ver navios sobre o porquê disso. Mas, sinceramente, eu não ligo. Com isso, vemos Haley dar mais uma chance ao Vovô Scott, que levou ela a um traficante de drogas, ligado a Dimitri, pessoa que Dan acredita estar envolvido no sequestro de Nate. Para se aproximar e descobrir a verdade, Haley se produziu toda e foi dar uma de “vadia” para cima do meliante. E deu certo – ela atraiu o cara até onde Dan estava. Este o esmurrou e começou uma espécia de tortura. A dinâmica entre Haley e Dan continua ótima, e a tensão entre os dois é gigante, igual lá na distante segunda temporada. Aliás, cenas dos dois me fez lembrar tempos em que Haley, bêbada, vomitava no colo de Dan. Saudades daquela época.

Em uma temporada toda voltada para o sumiço de Nathan, episódios leves e com outros focos, de vez em quando, fazem bem. Assim, este episódio pode ser classificado deste jeito. Preciso ressaltar no quão rica a história de Chase se transformou em apenas dois episódios. Foi bem bacana mesmo, já valendo a participação na temporada, vocês não acham? Quando, em algumas reviews, atrás disse que alguns personagens tinham poucos episódios para me conquistar, parece que era impossível. Mas, milagres acontecem, ainda mais em Tree Hill. Tudo esclarecido, Chase não matou o pai do garoto, mas deu uma bela surra. Chase foi preso, e teve a fiança paga por Keller.  Mas de verdade, foi muito emocionante ver Chuck dando o depoimento no “júri” do piloto, esclarecendo que sofria agressão de seu pai. Chase não foi preso, mas perdeu a sua licença. Sim, a história foi um tanto corrida, e talvez, em uma temporada completa, ela seria mais bem “aproveitada”. Entretanto, por um lado, é até bom, pois não temos as embolações que toda série tem.

Embalado nesta storyline, Chris Keller teve uma melhor participação neste episódio, mas mesmo assim não fez nada demais. Mais uma vez, foi a veia de alívio cômico, e mais uma vez, desperdício de personagem. Para mim, apesar de tudo, Chris e Chase não tiveram um “bromance” (qualificado como um romance de irmãos – uma forte amizade). Não deu, não pegou. E acho que Keller estaria bem mais aproveitável, se mostrando maduro o suficiente para lidar com o problema de Haley. Entrentato, na semana que vem… ops já ia eu falando demais novamente!

Outro que aparece episódio sim, episódio não, é Mouth. Desta vez, desacompanhado de Millie, ele dividiu bastante a tela com Skills. Na boa gente, sinto que este foi o último grande episódio do personagem. Afinal, temos pouco tempo, e outras histórias que ainda precisam ser concluídas. A questão é que Mouth caiu na real sobre seu peso, e resolveu malhar. Uau rs. Já era hora? Não sei, achei essa história tão bobinha e sem fundamento. Apesar de ser uma boa iniciativa de incentivo, e alerta para possíveis doenças. Entretanto, o grande momento do personagem neste episódio foi sua conversa com Jimmy Edwards, no cemitério. Foi legal ver que, apesar de tudo, ainda se tem uma lembrança do garoto e dos bons momentos que viveram. E é claro que passa um filme na nossa cabeça, lembrando-se daquele fatídico episódio que Dan matou Keith. Mais uma vez: saudades daquela época.

No meio desta brincadeira toda, Clay agora elevou de nível e agora sua missão era contar para Logan sobre a paternidade. Quinn aceitou numa boa (era de se esperar). E Clay, parece ter se encontrado de vez. Após ter descoberto sobre tudo, ele decide ir até o garoto e investigar sobre a opinião dele. Depois de muito conversar, ele revela toda a verdade, sobre o porquê dele fugir, o porquê dele acordar em lugares onde crianças geralmente estão: “Logan, eu sou sei pai”. E o garotinho, foge. Coitadinho, fiquei com pena dele. Muita coisa para ele processar.

Por último, quem tomou frente do episódio foi B. Davis. Nossa amada Brooke, apesar de estar apagada nesta temporada, teve destaque neste último episódio. Mais uma vez com Xavier. Brooke está tão preocupada que começou a ficar neurótica quanto a isso. Eu não a julgo, sinceramente, porque acho que não agiria diferente. Mas se vocês achavam que nada iria acontecer de surpreendente neste episódio, aconteceu. Primeiro Tara contrata Xavier para trabalhar no Tree Hill Café. Ao que parece, ela foi  intimada pelo meliante. Brooke vai tirar satisfações, mas que não dão em nada. Logo em seguida o casal Baker segue Xavier até uma casa e o vê entrando pela janela. Assim, eles ligam para polícia, denunciando invasão, quando  na verdade ele estava entrando na casa onde está dormindo, por ter esquecido a chave. Coisas meio óbvias. Mas, surpreendentemente, parece que o assassino voltou mesmo para se vingar de Brooke. O episódio termina exatamente com ele pegando um dos gêmeos. Eu não sei quanto a vocês, mas sinceramente fiquei bastante aflito. E estou morrendo de medo do que possa acontecer. Semana que vem descobriremos.

Ps1: A cena de C. Keller com suas assistentes foi boba, mas deu pra dar umas risadas. Cenas naturais em OTH são sempre bem vindas.

Ps2: Acho que Mark ainda esta brincando de Onde está Millie? Sumiu.

Ps3: O mesmo para Victória lembrada na semana passada, acrescida agora do papi Davis, muito bem lembrado pela leitora Shi Rocha. O cara chegou para investir na linha de Brooke, e sumiu.

Ps4: É com muito pesar que digo: o tempo está se esgotando. Faltam agora 4 episódios para o final.

Séries citadas:

Mineiro, professor e aficionado por séries. No TeleSéries resenha as séries Hawaii Five-0 e Saving Hope. Mas também é apaixonado por Grey's Anatomy,'CSI, Rookie Blue, The Vampire Diaries, The Good Wife, Homeland, The Walking Dead e muuuitas outras...

8 Comments

  1. Camila Mendes

    Nossa! É uma das melhores temporadas na minha opinião! Todas as histórias principais me prenderam! Caramba! Até o Chase! O Clay, o Dan….demais mesmo! E acho que essa história do Mouth falando com Jimmy já é pra preparar terreno pra relembrar as cenas do memorável 3X16, já que sabemos que teremos cenas de Dan no colégio lembrando esse dia. 

  2. Bruna

    Fiquei com dó do Chase quando o Chuck negou que o pai batia nele. Sabia que uma hora ele confessaria a verdade, só achei que ia demorar uns episódios.

    Eu entendo a paranóia da Brooke. Eu tbm ficaria assim se o cara que tivesse batido em mim continuasse a me “aterrorizar”. O final foi assustador, fico até com medo do que pode acontecer com o Davis (aliás, coitado dele né? Primeiro é esquecido dentro do carro, agora isso).

    E a Haley espancando o traficante foi demais. Acho que o velho Dan está de volta, botando pressão em todo mundo pelo Nathan.

    E novamente Clay/Logan foram os responsáveis pelas cenas que me fizeram chorar. Eu tinha certeza que o menino ia abrir um sorriso e dar um abraço no Clay, me surpreendi. A cena que ele fala pro Clay sobre os pais dele e de como ele “não se importa” foi de partir o coração.

    Ah, a temporada parece que demorou uma eternidade pra começar, e agora que começou, ela tá voando.

  3. Hugo Fonseca

    Essa esta sendo uma das melhores temporadas da serie. Uma pena que o mark só resolveu fazer isso pq é a ultima. Nunca pensei que o Chuck teria tanta importância em OTH, isso que ele começou como um menino chatinho e amigo do Jamie (nunca vi uma cena dos dois juntos!). O episodio já esta fechando algumas historias e começando outras que nem o da Brooke e Xavier e o Clay com o Logan. Espero que o Mark não corra para fechar a temporada!

    obs: ainda quero meu episodio nostálgico.

  4. Anderson Narciso

     É, deveria demorar, mas como estamos com tempo curto, a coisa foi bem mais rapida. Como disse, se fosse uma temporada completa de 22 episódios, isso aí ia render!!!

    Poisé, demorou mesmo, e agora tá voando :((

    Faltam só quatro episódios!!

  5. Anderson Narciso

     Tb nunca pensei que fosse me surpreender com o Chuck. E essa história foi bem bacna mesmo. Hugo, acho que vc terá sim seu episodio nostalgico, aguarde hehehe. :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account