Log In

Reviews

Once Upon a Time – The Doctor

Pin it
Série: Once Upon a Time
Nome do Episódio: The Doctor
Número do Episódio: 2x05
Exibição nos EUA: 28/10/2012
91
4.5
10

Da mesma forma que as outras séries, Once Upon a Time também entrou na onda do Halloween e nos trouxe a história do Dr. Frankenstein. Para quem havia assistido a promo do episódio, já desconfiava que essa fosse a identidade secreta do homem que pode trazer os mortos a vida. Ou quase isso. Nos encontramos num processo em que todos os aspectos encontrados nos relacionamentos amorosos são explorados de modo simbológico na série. Aqui se encontra a grande questão: até que ponto alguém é capaz de chegar para buscar o grande amor? É claro que cada um tem a sua concepção pessoal, mas eu acredito que a Regina é e será o personagem que mais sofre por amor de toda a série. Branca de Neve pode ter se separado várias vezes do James. Rumple pode estar no dilema amoroso com Bela. Mas todos eles tem o seu amor. Se formos pensar, até Ruby que perdeu o seu amor, se recuperou ou assim pensamos. Regina não. A rainha má foi criada por uma mãe problemática, tornando a filha da mesma forma. O amor transforma as pessoas. Quem não se emocionou vendo Regina desesperadamente tentando impedir David de matar Daniel? Será que a rainha má também não merece um final feliz?

Toda essa crise existencial, levou Regina a iniciar um tratamento com o Grilo Falante. Será que o uso da magia está suprimindo o amor incondicional que Regina tinha por Daniel? Este é o momento para pensarmos no futuro da vilã. Será que ela amará novamente? Ou será que os roteiristas prepararam um terrível sofrimento para ela? O interessante visto nesse episódio é que ainda não tínhamos chegado ao ponto em que a moral da Regina boa havia chegado com a Regina má. Sabíamos apenas que havia tido uma transação dessa moral, mas nunca sabíamos em qual momento. Rumple, mais uma vez, destruiu o sonho das pessoas e fez com que Regina fosse a atual Regina. Apesar de toda a maldade que Regina fez, ela não é a vilã principal. Ela é a personagem das versatilidades…  Ela é aquela personagem que vai se questionar o que é o certo e o que é errado. Quem é a Regina? O que ela quer para a sua vida a partir de agora?

A volta do Daniel serviu também como meio de descobrirmos quem era o Dr. Whale. Sua verdadeira história ainda não foi revelada, mas sabemos que ele está em busca de ressuscitar o seu irmão. Quem também estava no meio dessa tramoia, foi o Jefferson, que pela primeira vez, se pensarmos no contexto histórico e linear da história, ainda não havia tido Grace, portanto, ele ainda era um moleque em busca de ganhar uma boa grana. O interessante dessa participação é que descobrimos que esse foi o primeiro encontro que ele teve com Regina, desencadeando toda aquela história dele e do País das Maravilhas, que eu ainda espero ser tratada na série. No total, juntamos quatro dimensões até agora: Mundo dos Humanos, Floresta Encantada, País das Maravilhas e o Mundo que Dr. Frankenstein vive. E ainda tem gente se perguntando se a série ainda vai ter história para contar! O universo estabelecido em Once Upon a Time é grandioso.

Previsto desse do começo da temporada, David está ensinando a Henry a como se tornar um cavaleiro. Como eu havia dito antes, Henry representa toda a comunidade infantil que assiste a série e que vai crescer assistindo-a. Imaginem a série daqui a algumas temporadas com Henry adolescente e cuidando do castelo dos pais?

E a jornada de Emma e Branca continua. Cora começa a colocar as manguinhas de fora, achando que ia enganar Emma, mas não deu certo. O capitão gancho quase ficou sem os outros membros e foi salvo pelo gongo ao prometer leva-las para Storybrooke. Mas primeiro, elas precisam encontrar uma bússola que está em nada mais, nada menos, que nos castelo que só pode ser encontrado subindo o gigantesco Pé de Feijão! Será que somente eu delirei ao ver essa cena?

De modo geral, a cada episódio que passa, estou adorando ainda mais Mulan e o novo relacionamento estabelecido entre Branca e Emma. Mas aqui nos deparamos com um futuro incerto. O que Mulan e Aurora esperam ajudando Branca e Emma? Elas também vão para Storybrooke?

Percebi algo interessante: Once Upon a Time se resume em duas palavras – amor e vingança. David sabe muito bem disso!

Séries citadas:

Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade São Judas Tadeu. Nasceu em São Paulo, Brasil, no ano de 1993. Trabalha com desenvolvimento de software na Foster, empresa afiliada a WPP, estuda teatro e desenvolve vários experimentos em seu Laboratório. Assiste Once Upon a Time, Nashville, Downton Abbey e muitas outras.

Website: http://www.mariomadureira.com.br

9 Comments

  1. Maria Clara Lima

    Não achei interessante a história do doutor. Mas devo confessar que é incrível como eles conseguem conectar histórias de personagens tão diferentes. Regina salvou esse episódio. Não tem como odiar mais a evil queen…

  2. Gabriela

    Na season premiere desse ano a Regina questiona a identidade do doutor.Naquela cena em que ele quase a estrangula ela solta um “Quem é vc?”.No mesmo episódio quando a Emma cita o chapeleiro ela responde com um “Quem é Jeferson?O q eu quero saber é se ela tava mentido ou se é um erro de roteiro.

  3. Mario Madureira

    Olha Gabi, a parte do chapeleiro, ela estava mentindo. Ela não queria revelar que ela sabia da existencia do Jefferson e tudo mais (muita cara de pau da parte da Regina…), em relação ao doutor, quem questiona a identidade dele é o Charming.

  4. Gabriela

    Mario valeu!Eu fui conferir e vc está certo!Eu misturei as coisas.

  5. Pingback: Destaques na TV – Quinta, 29/11

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account