Log In

Notícias

O fim da novela? Angus T. Jones pede desculpas à produção de ‘Two and a Half Men’

Pin it

As declarações gravadas pelo ator na segunda-feira, dia 26, podem ser vistas em um vídeo divulgado na internet, no qual Angus T. Jones encoraja os espectadores da série a deixar de assisti-la. Apesar de o evento ser recente, a Warner Bros e a CBS, que produzem Two and a Half Men, ainda não se pronunciaram sobre o assunto.

Já faz um bom tempo que Jones não tem aparecido no seriado. Na realidade, o ator teria participou algumas vezes via Skype, simulando sua estadia no exército norte-americano.

Até agora, Two and a Half Men tem mais dois episódios antes da parada para as férias e nenhum dos dois episódios incluem o personagem Jake em cena, mas isso é considerado como coincidência, de acordo com o The Hollywood Reporter.

Por favor, parem de assistir”

“Jake não significa nada. Ele é um personagem inexistente. É um nada. Por favor, parem de assistir”. Esse é um dos trechos que englobam o depoimento do ator dado à web-série cristã, Forerunner Chronicles, apresentada por Christopher Hudson.

Além da primeira fala de Jones, também é possível encontrar outras que confirmam a situação de incomodo do ator diante do conteúdo da série e a sua possível saída: “Parem de encher a cabeça de vocês com isso. Dizem que é entretenimento, mas façam uma pesquisa para entender o que a televisão faz na cabeça de vocês. Aí, sim, vocês poderão decidir o que fazer com a televisão e, principalmente, escolher o que assistir”, complementa o ator.

Confira os vídeos abaixo:

De acordo com o The Hollywood Reporter, Jones, que atua lado a lado de Ashton Kutcher (Walden Schmidt) e Jon Cryer (Alan Harper), tem um contrato que continua até o final de 2012, o que não confirma sua participação na décima temporada do seriado. O adolescente arrecada mais de 300 mil dólares em cada episódio.

Está claro para mim que a série está amaldiçoada”

Segundo a entrevista dada por Charlie Sheen à revista People: “Com o ataque de fúria (de Jones) no estilo de Angus no Hale-Bopp, está claro para mim que a série está amaldiçoada”. Para o atual protagonista de Anger Management, isso se deu de maneira muito explícita, tendo em vista sua demissão do seriado no ano de 2011.

O Hale-Bopp, a que Sheen se refere, trata-se do ataque religioso que aconteceu em 1997. Nesse dia, houve o suicídio ritualístico, por parte dos seguidores da seita Heaven’s Gate (Portões do Paraíso), já que a passagem dele originou uma preocupação por parte das pessoas que não observavam mais aquele tipo de acontecimento há décadas.

O arrependimento

“Eu peço desculpas se as minhas observações me refletem mostrando indiferença e desrespeito aos meus colegas e uma falta de apreciação da oportunidade extraordinária de que tenho sido abençoado”, confessou o ator ao The Hollywood Reporter, na noite dessa terça-feira, 27.

De acordo com Jones, “eu sou muito grato e tenho o maior respeito por todas as pessoas maravilhosas de Two and a Half Men com as quais eu tenho trabalhado nesses 10 naos e com as quais eu tive o prazer de considerá-los como uma extensão da minha família”.

Confira  a declaração completa do ator aqui.

Com informações do The Hollywood Reporter, do Deadline e do EW.

Séries citadas:

22 anos, jornalista formada pela Unesp de Bauru. Suas primeiras séries foram: Lois & Clark, Veronica Mars, Gilmore Girls e Smallville. Atualmente acompanha: The Big Bang Theory, The Middle, além dos Top Chefs e Master Chefs.

4 Comments

  1. Pingback: Matthew Perry e Rainn Wilson fazem paródia do vídeo de Angus T. Jones

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account