Log In

Reviews

Modern Family – Schooled e Snip

Pin it

Série: Modern Family
Episodios: Schooled e Snip
Nº do episódio: 4×02 e 4x03
Exibição nos EUA: 10/10/2012
96
4.8
2

Estamos em época de eleições presidenciais nos EUA. Por conta do debate semana passada Modern Family não foi ao ar. Conclusão: dois episódios no mesmo dia. Inicio de temporada é muito incomum episódios especiais, não é surpreendente que as tramas não estava interligadas. Não rolou nenhum to be continued.

Modern Family continua seguindo sua fórmula. Não temos grandes surpresas, sabemos (quase que) exatamente onde a trama irá nos levar mas a qualidade se mantém. Em Schooled podermos dizer que os personagens precisavam lidar com rituais de passagem: Lily a frequentar o Jardim de Infancia; Gloria e Jay com o bebê que está a caminho, Phil e Claire com a ida de Haley para a universidade. De longe a última história foi a mais emocionante. As duas primeiras foi muito mais do mesmo. Many preocupado acreditando que a mãe e o padrasto não estão preparados para cuidar do bebê. E Cam e Mitchell tendo problemas de relacionamento com outros pais. No caso em questão: outras mães. Achei essa parte estereotipada demais. Essa eterna rixa besta entre lésbicas e gays é uma coisa bem cansativa. Uma série com o alcance de Modern Family poderia tentar tratar o assunto de uma outra maneira. A trama de Gloria, Jay e Manny também bateu na mesma tecla de sempre. Mas a química em cena entre Sofia Vergara e Eddie O’Neill é tão incrível que mesmo numa cena besta os dois arrancam gargalhadas.

Sarah Hyland foi perfeita nesse episódio. Ela que teve menos destaque na temporada passada –agora sabemos que foi porque esteve doente – teve aqui sua oportunidade para brilhar e o fez muito bem. Toda sequência final onde a personagem enfrenta seu primeiro dia sozinha foi muito emocionante. Sem dizer uma palavra ela conseguiu passar emoção com o olhar. Confesso ainda que chorei durante a cena em que Claire e Phil conversam com a filha por telefone. Já ia esquecendo de Phil’s-osophy, o livro com as filosofias do Phil. Rendeu bons momentos.

Em Snip temos mais um ataque de Cam. Ele está entediado com o excesso de tempo livre agora que Lily passa boa parte do tempo na escola. Mitchell tenta ajudar mas o marido não facilita. Assim que surgiu Manny em cena reclamando com Gloria que o professor de música havia sido mandado embora tive a certeza que toda a trama envolvendo Cam seria a deixa para ele virar professor do Manny (e provavelmente do Luke) na escola. Gloria passa o episódio inteiro relutando em usar roupas próprias para grávidas. Até aí tudo bem. Acontece que no episódio anterior ela estava usando roupas apropriadas. Então não fez muito sentido.

Phil e Claire decidem que chegou a hora dele fazer uma vasectomia. Tudo porque eles tem um plano de viver a vida plenamente no momento que Luke for para a faculdade. E não querem arriscar uma gravidez não programada como aconteceu com Jay e Gloria. Todas aqueles clichês do pânico da vasectomia foram apresentados. E no final das contas Claire desiste da ideia. Deixando em aberto a possibilidade de no futuro a personagem ficar grávida. O destaque desse episódio para mim foram as trocas de imagens com situações constrangedoras entre os personagens. Ficou real. Também gostei da conversa entre Haley e Alex. Mostrando que a distância vai melhorar a relação entre as irmãs sem deixar as picuinhas de lado.

Séries citadas:

Pós-graduada em História Contemporânea, pretende fazer mestrado usando séries como fonte. Seriados fazem parte da sua vida desde sempre. Magnum, Casal 20, Macgyver, Super Vicky são alguns deles. Assiste aproximadamente 40 séries (incluindo algumas já canceladas). Está aprendendo a abandonar séries mas sempre acaba colocando outras no lugar.

3 Comments

  1. Paulo Serpa Antunes

    Acabei de assistir o s04e02. O terceiro vou ver mais tarde.

    Meu sentimento foi totalmente diferente do teu Tati. Eu achei o episódio BRILHANTE! O texto foi impecável, cheio de pequenos memes, que já estão se disseminando no Tumblr. Os aforismos do Phil, o diagrama do Mitch e Cam, pra mim o roteiro foi antológico. O relacionamento do Mitch e Cam com as lésbicas foi engraçada e a despedida de Haley foi muito tocante. Até o momento este é pra mim o melhor episódio de todas as séries que vi neste inicio de temporada – e olha que tem outras séries, como Parks and Recreation e Go On que também estão mandando muito bem.

  2. Rafael Ruiz

    Paulo, concordo contigo! Em relação ao segundo episódio.

    Em relação ao terceiro episódio, também gostei bastante e as imagens constrangedoras entre eles foi hilario.

    Momento “own” entre Phil e Jay.

    No geral, achei os dois episódios muito bom!

  3. Tati Leite

    Mas é por isso que falo que a série manteve a qualidade. Quando digo mais do mesmo é porque não teve nada que me fizesse pensar: oh, não esperava por isso. Mas eles sabem fechar um roteiro direitinho. Eu não gosto do clichê lésbica e gays se odeiam mas isso não quer dizer que não ri do diagrama. Também tô curtindo muito Parks e Go On. Além de Raising Hope e The Mindy Project.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account