Log In

Opinião

Minha lista das cinco séries que ainda não tiveram final no Brasil

Pin it

O canal Fox Life está tirando da geladeira a simpática sitcom Reba (sim, eu adoro a Barbra Jean e me divirto com aquele sotaque cafona do meio-oeste americano dos atores). Na esteira decidi fazer uma lista de outras séries que não tiveram seu final exibido no Brasil. Alô Sony, alô Warner, que tal colocar estes programas no ar numa tarde de sábado para a gente assistir?

Zachary Levi em Less than Perfect5. Less than Perfect Less Than Perfect é uma das piores sitcoms que eu já vi, mas possui uma quarta temporada, com 13 episódios que foram foram escondidos pela Sony no país. O quarto ano da série foi ao ar no verão de 2006 nos EUA e sequer teve todos os episódios exibidos lá fora. Um dos destaques desta temporada é que nele, a atriz Sara Rue retornou bem mais magra depois de fazer uma mega dieta. Esta é também a série que revelou o Zachary Levi, que está incrível em Chuck.

Mark Feuerstein e Ashley Williams4. Good Morning, MiamiGood Morning, Miami tem uma história curiosa. A segunda temporada da série tem cerca de uma dezena de episódios completamente inéditos, que não foram no ar nem nos EUA. O motivo: uma birra da rede NBC com os produtores David Kohan e Max Mutchnick em torno da renovação da série Will & Grace, na época umas das atraões de maior audiência do canal. Resultado: Will & Grace acabou ganhando novas temporadas e Good Morning, Miami foi jogada no lixo. A série, que mostrava os bastidores de um telejornal (e começou mal, colocando no ar uma absurda freira fazendo a previsão do tempo e uma caricata apresentadora latina), finalmente tinha encontrado um tom divertido, debruçada no quadrado amoroso formado por Jake (Mark Feuerstein), Gavin (Matt Letscher), Penny (Constance Zimmer) e Dylan (Ashley Williams). Ah, e muitos destes episódios inéditos tinham a presença da musa Tiffani Thiessen.

Kim Raver em The Nine3. The NineThe Nine, drama que mostrava a vida dos sobreviventes de um mal-sucedido assalto a banco, é a que na minha opinião a série da lista tem mais chance de um dia aparecer por aqui (especialmente com este novo horário de série antigas da Warner aos sábados). O seriado estreou em novembro de 2006 no Brasil e ficou repetindo meses e meses a fio os mesmos sete episódios. Quando a Warner finalmente a tirou da grade, a ABC liberou parte dos episódios restantes nos EUA. Existem seis episódios inéditos, que mostram um pouco mais do destino de personagens como Nick (Tim Daly), Kathryn (Kim Raver) e Egan (John Billingsley).

Mykelti Williamson em Boomtown2. Boomtown – Um dos melhores dramas policiais da história da TV americana, Boomtown estreou em 2002 na NBC e logo em seguida foi exibido no Brasil pelo AXN. Elogiadíssima pela imprensa, mas de difícil compreensão por parte do americano médio, a série teve temporada reduzida mas acabou garantindo uma renovação. Pura ilusão. A NBC não soube o que fazer com a série na temporada seguinte e a cancelou depois de duas semanas. Existem seis episódios inéditos que poderiam muito bem ser exibidos no país, com participações especiais de Virginia Madsen (Smith), Katee Sackhoff (Battlestar Galactica), Vanessa Williams (Ugly Betty) e Rebecca DeMornay (John from Cincinnatti), entre outros.

Elenco de Rodney1. Rodney – Na linha Reba, Rodney também é uma sitcom com sotaque caipira, que mostra uma família de classe média baixa cujo chefe sonha em ser stand up comedian. A Warner Channel comprou a série para completar sua grade de programação na temporada 2004-2005. Foi renovada nos EUA, ganhando 22 novos episódios, mas a Warner não trouxe de volta o show na temporada seguinte. O elenco era bacana. Além do desconhecido e bom Rodney Hamilton, tinha ainda a simpática Jennifer Aspen, a sempre talentosa Amy Pietz (Tudo por um Gato, The Steven Weber Show) e, claro, o menino prodígio Oliver Davis, que teve que largar ER só pra se dedicar a esta série.

Séries citadas:

É jornalista, pós-graduado em Jornalismo Digital pela Pucrs e trabalha com produção de conteúdo para Internet desde 1995. É editor de internet do Jornal do Comércio, de Porto Alegre. Fundou o TeleSéries em agosto de 2002. Na época, era fã de The West Wing, The Shield, Família Soprano e Ed. Atualmente é viciado em The Good Wife, NCIS, Game of Thrones e Parks and Recreation.

30 Comments

  1. Thiago FLS

    Boomtown era muito boa mesmo, mas eu não a chamaria de difícil. As tramas, apesar dos múltiplos pontos de vista, normalmente eram bem mais simples que as de qualquer episódio de The Shield. Eu queria conferir esses pouquíssimos episódios da segunda temporada só para ver Stacy Keach interpretando o pai de David McNorris (Neal McDonough).

  2. Pablo

    Não entendi: “Good Morning, Miami” não teve todos os episódios exibidos no Brasil? Eu lembro que, no final de “Friends”, eles reprisam essa série sem parar, sempre os mesmos episódios da segunda temporada…

    Estranho “Rodney” e “Less Than Perfect” terem sumido da grade dos canais, mesmo porque “Less” estreou no horário nobre no Sony, fazia par com “Life With Bonnie”…

    Eu gostava das duas..

  3. Victor Pacheco

    Gostaria de entender porque insistem em chamar Caroline In The City pelo ridículo título à là Multishow “Tudo Por um gato”…

  4. Paulo Fiaes

    Boomtown

    q me desculpe os fãs de CSI’S da vida, mas essa sim era uma série policial. estranho q talvez a melhor série policial já produzida tenha apenas uma temporada e meia(ou menos que isso).

  5. WampaOne

    Posso estar viajando e confundindo séries e atores, mas, assim como o Pablo, eu tenho quase certeza que esses episódios de Good Morning Miami com Thifanny Thiesen foram exibidos por aqui. Eu achava legal, bobo, mas legal. E Less than Perfect era bonzinho tb…eu abandonei porque comecei a ver outros seriados em outros canais.

  6. Neto Paes

    Não concordo quando vc diz que Less than perfect era uma das piores, de todas as citadas, foi a que teve mais temporadas. E eu gostava da Claude, Ramona, o personagem do Zachary Levi junto com aquela gostosona que fazia The Pretender funcionavam muito bem juntos, fora o Eric Roberts pagando de gatão, super caricato. Good Morning, Miami, pelo que eu me lembro era bem sem graça e reprisou sim, até a exaustão seus últimos episódios.

  7. Josias

    Vocês lembram daquelas séries q eram exibidas na Warner e na Sony a alguns anos atrás…
    The District, The Agency, The Singer, Once & Again, The Drew Carey Show, Stingray, Joan of Arcadia, She Spies, Hack, Odyssey 5, Caroline in the City e várias outras…
    Ahhh bons tempos!

  8. Silvia_05

    Vi uma cena em Drew Carey Show que considero o momento em que eu mais ri na vida. Se alguém assistiu a cena de uma juíza condenando os 4 personagens a permanecerem juntos pro resto dos dias, sabe do que eu tô falando.

    Depois dessa, só uma cena em The Office quando Michael anota num papelzinho a senha do seu computador. E era 12345. Hahahaha

  9. Pingback: O que anda acontecendo nos blogs da Sociedade « Sociedade dos Blogs de Séries

  10. Rafaelly

    Caraca…eu só comecei a ver “Less than perfect” pq a Andrea Parker de “The Pretender” estava no elenco e eu adorava a série e a personagem dela, além de não coneguir imaginar a Andrea fazendo comédia. Mas a série não era das melhores não então acabei abandonando…E não ia muito com a cara do Eric Roberts que é canastrão até a medula!!!
    O pior é que não tinha me tocado que o Zachary Levi estava nesa série!!!

  11. Anderson Vidoni

    Paulo, eu acho a primeira temporada de Good Mourning Miami muito, mas muito melhor que a segunda. Lembro que me perguntava onde estava aquela série bizarra que tinha me surpreendido no ano anterior.

    Less Than Perfect eu não consideraria uma das piores sitcons, até tinha seus momentos e a Parker e o Levi era ótimos. Já ali o futuro Chuck mostrava um pouco de seu talento.

    E Boomtown era maravilhosa mesmo. Quem derá desse para ver esses episódios perdidos.

  12. Diego Cardoso

    Bem lembrado Paulo!!!!

    Que bom que alguém ainda se lembra da fantástica e inesquecível Boomtown. Vez em quando, revejo algum episódio da série, que passei recentente para DVD. Cheguei a baixar todos os episódios da 2ª temporada e gostei muito! Gostaria demais que o AXN cumprisse sua promessa e exibisse a temporada para o Brasil. Trata-se certamente do melhor drama policial já produzido na tv americana!

    Quanto a Good Morning Miami, o que, na minha opinião, salvava aquela coisa eram as duas personagens caricadas, a freira (Brooke Dilman) e a espânica Lúcia (Tessie Santiago) eram a graça do programa. De repente, elas foram cortadas do elenco, sem qualquer explicação suas personagens sumiram e a comédia virou completamente uma comédia romântica. A segunda temporada somente vale a pena realmente pela Tiffany Thiessen. E Wampa, a 2ª Temporada de Good Morning Miami teve 18 episódios, dos quais somente 9 foram ao ar no Brasil. Os demais 9 somente foram ao ar na França.

    Quanto a Less Than Perfect, gostava de assistir, mas cansei dela no começo da segunda temporada. Gostaria que voltasse ao ar, inclusive com reprise das primeiras temporadas.

  13. Paulo Antunes

    Pablo, Wampa e Neto, eu pesquisei nos arquivos de cinco anos do TeleSéries e posso garantir que estes episódios de Good Morning, Miami não passaram no Brasil. Até por isto vocês lembraram que a série reprisou a exaustão, porque a Warner repetiu os mesmo nove programas durante todo um ano.

    E obrigado pelas participações, especialmente aquelas completamente diferentes. Eu particularmente gostava mais da fase mais romântica de Good Morning e nunca gostei de Less than Perfect, mas é legal ver gente que acha o contrário.

    A propósito, não sei se vocês pensaram nisto, mas Less than Perfect é total Ugly Betty. A sinopse do piloto é praticamente a mesma!

  14. Pablo

    Bom, vamos aos esclarecimentos:

    Realmente, “Good Morning, Miami” não foi no ar até o final. O último episódio que a Warner transmitiu foi “LOOKING FOR LOVE IN ALL THE WRONG CAGES”, que foi ao ar no dia 20/01/2004. A sinopse desse episódio é:

    “Frank decide que seus dias de encontro terminaram, até que Jake o convence a sair com Erika, uma zoóloga que participou do programa. Quando seu plano dá errado, Jake acaba sendo pego por suas próprias mentiras. Enquanto isso, Penny e Gavin se divertem com suas mentiras quando descobrem uma maneira de tomar cafés grátis.”

    Teve participações de Jillian Barberie como Joni, Chad Gabriel como empregado da cafeteria, Tracy Vilar como Stacey e Amy Farrington como Erika. E nesse episódio foi revelado que o nome do Frank é na verdade Francis.

    No meu antigo site, onde eu adicionava sinopses dos seriados, meu irmão, que cuidava dos arquivos dessa série, disse que nem no antigo TV Tome as sinopses estavam disponíveis, que ele as encontrou num site irlandês e enviou para o atual TV.com

    Loucura isso, né?!

  15. Rodrigo Eduardo

    [ Gostaria de entender porque insistem em chamar Caroline In The City pelo ridículo título à là Multishow “Tudo Por um gato”… ]

    Nossa, dessa eu não sabia, que idiota! Eu lembro que eu ria um monte com o Richard, já imaginaram um papo entre Richard e Chandler? hauhauhauahuah!

    – Less than perfect:
    Eu esquecia que a série existia, mas já vi e ainda vejo piores!

    – Good Morning, Miami:
    Não consegui gostar da série

    – The Nine:
    O fato de ninguém ter comentado dela já explica!

    – Boomtown:
    Nunca vi, mas confesso que fiquei curioso!

    – Rodney:
    O mesmo que disse de Less than perfect, a diferença é que esse não vi nenhum episódio inteiro.

    ————————————————-

    Once & Again, aquela propaganda do The Best Years funcionou pra mim no caso dessa série, pois no começo eu não assistia, mas quando me dei conta não perdia um ep. Saudades da Evan Rachel Wood.

    Abraços.

  16. Thiago FLS

    Bem pertinente a sua comparação de Less than Perfect com Ugly Betty, Paulo. Quando vejo Amanda e Marc juntos, não consigo deixar de me lembrar de Lydia e Kipp.

  17. Mario Okano

    Também gostava de Less Than Perfct, e cheguei a escrever à Angie do site do canal Sony pedindo a exibição da última temporada da série, nem resposta recebi.

    O Teleseries não pode iniciar uma campanha para pedir ao canal a apresentação dos episódios da última temporada?

  18. Lorena

    O Rodney Hamilton não foi o ator que morreu e a série foi cancelada?

  19. Pablo

    Que eu saiba, quem morreu e deixou a série [que ainda conseguiu durar mais uma temporada depois da morte do protagonista] foi o ator John Ritter, de “8 Simple Rules”.

    A série “Rodney” teve sua segunda temporada completa, com 22 episódios, embora 6 deles nunca foram ao ar nos EUA.

    E Rodney Hamilton é o nome da personagem, o nome do ator é Rodney Carrington.

  20. Neto Paes

    Paulo, realmente, qdo vi o episódio piloto de Ugly Betty lembrei imediatamente da Claude, em Less than perfect. Cheguei até a comentar no review do piloto.

  21. Diego Cardoso

    Desfazendo a injustiça, gostaria de fazer um breve comentário sobre The Nine

    Gostei muito da série. Certamente, um dos melhores pilotos que assisti na temporada passada. Entretanto, apesar de todo o dinamismo da série e o suspense psicológico tratado no programa, ele não conseguiu conquistar o público americano. Enfim, gostaria muito que a Warner Channel exibisse os demais episódios; mesmo com a ausência de final, gostaria de conhecer um pouco mais os personagens desta interessante série.

    Sinceramente, para mim, tendo ou não final, o valor de uma série não diminui. Gostei muito e não me arrependo de ter visto as canceladas John Doe, Tru Calling, Reunion, American Dreams, Skin, Popular, dentre muitas outras, que não tiveram um digno final!

    E se possível, que venha Boomtown!!!! Repido a pergunta feita pelo Mário: é possível o Teleséries fazer alguma campanha pela volta de Boomtown ao canal AXN (ou qualquer outro!!)? Mesmo que a série não retornasse no horario nobre, seria de grande valia uma reprise da 1ª temporada, acompanhada dos 6 episódios restantes!

  22. Cartney

    concordo com o Thiago FLS

    Boomtown era legal mas as tramas eram bem simples
    a graca da seria era a fragmentacao da narrativa

    isso dava a impressao das trams seram elaboradas mas nao eram

    Mesmo assim era bem legal

  23. Tulio Piqueres

    Outro série que não foi exibido a ultima temporada foi NYPD(Nova York contra o Crime)serie que era apresentada na Fox e depois foi para o FX.
    Gostaria muito de ver o ultimo ano.

  24. Rubens

    Anderson Vidoni escreveu:
    | Paulo, eu acho a primeira temporada de
    | Good Morning Miami muito, mas muito melhor
    | que a segunda. Lembro que me perguntava
    | onde estava aquela série bizarra que
    | tinha me surpreendido no ano anterior

    Idem. Good Morning Miami era legalzinha no inicio, uma sitcom divertida com personagens bizarros (como a freira e a latina). Aí, na segunda temporada, virou uma babozeira de comedia romantica sem um outro interesse e naufragou na mesmice. Nao me admira ter sido cancelada.

  25. Celso

    Uma lista como essa tende ao infinito.

    Do que eu me lembro, não foram exibidas as temporadas finais de Nova York Contra o Crime (Fox) e Terra: Conflito Final (USA/Universal).

    E quanto a The Drew Carey Show, exibiram a última mas a penúltima ficou pela metade.

  26. Guto BH

    Até que eu gostava de Rodney. Fazia-me bem, era bem legal. Pena que não exista algum box da série à venda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account