Log In

Opinião Reviews Spoilers

Men of a Certain Age – The Bad Guy

Pin it

Men of a Certain Age - The Bad Guy
Série: Men of a Certain Age
Episódio: The Bad Guy
Temporada:
Número do Episódio: 2×04
Data de Exibição nos EUA: 27/12/2010

Este definitivamente não foi um dos meus episódios favoritos de Men of a Certain Age. Mas valeu a pena, especialmente por abordar um tema sensível no universo de Ray Romano: a relação entre pai e filha.

Joe

Quem já leu o ótimo livro Tudo e Mais uma Surpresa, do Ray Romano (botaria o link aqui, mas está esgotado no Submarino e a busca do Shopping UOL não encontrou), sabe que Ray não é muito diferente de seu personagem mais famoso, o Ray Barone de Everybody Loves Raymond. Ray tem uma filha, dois gêmeos e, a única diferença para a série, um quarto filho.

Seus personagens, Ray e agora Joe, são homens bem instruídos (Ray era jornalista) mas não necessariamente sensíveis, e, portanto, sem muito jogo de cintura pra lidar com meninas. Há episódios inesquecíveis de Everybody Loves Ray voltados a relação de Ray e Ally (ou Ally e o avô). E aqui, em The Bad Guy, vemos Ray lidando com o fato de que a filha, Lucy, tem uma vida sexualmente ativa.

E este nem é o principal problema de Joe no episódio. O problema é ele ter que lidar com isto no cenário atual: em meio a assinatura do seu divórcio. E, mais do que isto, em meioa a decisão de um detalhe pró-forma do processo, que para ele faz toda a diferença – se ele será ou não o réu, o que implica em assumir legalmente a posição de bad guy, de culpado pelo fim do matrimônio.

Terry e Owen

O motivo de eu não ter gostado do episódio foi o fato da tramas dedicadas a Terry e Owen não terem sido as minhas favoritas.

Owen leva a esposa para um salão do automóvel, prometendo um final de semana de descanso. É pego de surpresa mais uma vez com a presença do pai e no muito, muito trabalho. O pai, no entanto, está ali, entre outros revendedores da Chevrolet para passar a tocha para o filho. E Melissa precisa se adaptar ao papel de esposa de empresário – quando tudo o que ela pensa é em uma entrevista de emprego.

Men of a Certain Age - The Bad Guy

Terry tem a chance de voltar a atuar, retomando a parceria nos comerciais ruins que se tornaram hit no Youtube ao lado de Erin (a maravilhosa Melinda McGraw). Ele hesita, mas acaba dedicindo fazer o teste. E acaba preterida e, Terry, “mister right”, desiste de gravar e ainda mente, assumindo a culpa pelo comercial não acontecer. Prêmio de consolação: ele fica com a garota.

O que temos em The Bad Guy é um episódio de transição. Reparem, agora Joe é divorciado, Owen saiu da sombra do pai e Terry tem a chance de ter um relacionamento de verdade, com uma mulher da sua idade.

Que venha o próximo.

Séries citadas:

É jornalista, pós-graduado em Jornalismo Digital pela Pucrs e trabalha com produção de conteúdo para Internet desde 1995. É editor de internet do Jornal do Comércio, de Porto Alegre. Fundou o TeleSéries em agosto de 2002. Na época, era fã de The West Wing, The Shield, Família Soprano e Ed. Atualmente é viciado em The Good Wife, NCIS, Game of Thrones e Parks and Recreation.

5 Comments

  1. Marilia

    Paulo, vc sabe se e quando vai ser exibida a 2ª temporada aqui no Brasil?

  2. Paulo Serpa Antunes

    Marilia, a Warner não deve soltar antes do final da temporada da séries atuais – Smallville, Vampire, Supernatural, etc… que são o carro chefe da programação dela.
    Então, se vier pro Brasil, deve chegar lá pra junho ou julho.

  3. Marilia

    Paulo, obrigada pela informação.
    Eu achei bem legal a primeira temporada, mas como eu não baixo, vou ter que esperar….

  4. Pingback: Destaques da Semana – Brasil – 25/7 a 31/7

  5. Pingback: Destaques da Semana – Brasil – 1/8 a 7/8

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account