Log In

Opinião Reviews Spoilers

Men of a Certain Age – Same as the Old Boss

Pin it

Men of a Certain Age - Same as the Old Boss
Série: Men of a Certain Age
Episódio: Same as the Old Boss
Temporada:
Número do Episódio: 2×02
Data de Exibição nos EUA: 13/12/2010

Men of a Certain Age vive uma fase leve, com episódios de menor carga dramática e ampliou o leque neste início de temporada. Joe, Terry e Owen ainda estão no centro da ação, mas Same as the Old Boss reservou cenas para Albert (saindo ao baile da escola para ir numa livraria e depois invadir a festa dos veteranos) e Melissa (envolvida com as chatíssimas atividades sociais da escola, ela decide voltar a trabalhar mas descobre que não há mais um emprego esperando por ela).

Terry

Terry se torna alvo de brincadeiras na concessionária quando Marcus encontra velhos comerciais de TV ridículos em que ele atuou. Me surpreendeu a falta de paciência dele, que geralmente é tão zen. Mas, ok, a história foi divertida e teve um final divertido quando, por conta dos comentários no vídeo no Youtube, Terry reencontra a atriz que participou do vídeo – e ela topa dar o troco.

Semana passada escrevi que o Terry era um loser, mas um loser encantador. E agora percebo que ele, além disto, é um loser afortunado.

Joe

Men of a Certain Age - Same as the Old Boss
O personagem de Ray Romano teve mais uma vez presença apagada no episódio. Aqui ela tenta conciliar a necessidade de treinar mais para o torneio de golfe e administrar sua loja. Acaba conhecendo um treinador e, com isto, quase se atrasando para buscar Albert no baile da escola. A cena dele dirigindo rápido para buscar o filho, que corre pelas ruas tentando voltar para a escola, me deixou nervoso – por um instante temi um acidente mas, felizmente, o desfecho foi cômico, com o garoto vomitando o expresso triplo e a cerveja que tomou no carro do pai.

Mas estou sentindo falta de uma trama mais forte envolvendo o Joe. Temo ainda que esta trama envolva ele abandonar o seu negócio pra ir atrás do seu sonho. Porque, se o sonho fracassar, ele ficará sem nada.

Owen

Men of a Certain Age - Same as the Old Boss
Como eu imaginava, Owen tem muitos desafios na concessionária e, o desta semana, é lidar com o insolente chefe da mecânica (Patrick Gallagher, o treinador Tanaka de Glee). Eu juro que pularia no pescoço do sujeito que falasse isto pra mim:

Não se preocupe tanto. Eu quero dizer, quando papai te dá as chaves de um carro novo como este, você fica morrendo de vontade de dar uma arranhada na lataria, não é?

Como resultado, Owen leva o stress para casa e desconta na esposa. Uma trama tão, mas tão banal, que me surpreende que não me lembre de ter visto ela na TV antes. Andre Braugher e Lisa Gay Hamilton são incríveis juntos e fazem uma grande cena final, o grande destaque de um episódio até então bem trivial:

Desculpe-me, amor.

Você é um mentiroso.

(o celular toca, Owen olha para ele, o desliga e o coloca sobre a mesa)

Quis dizer que eu ficaria mais confortável sabendo que as crianças podem contar com você em casa. Mas você sabe…

De qualquer forma, nem se preocupe. Parece que enquanto fazia bebês, todo o mundo se desmanchou.

Escuta. Há outros trabalhos lá fora. E você conseguirá um deles. Sabe por quê?

Por quê?

Porque tudo ficará bem.

Séries citadas:

É jornalista, pós-graduado em Jornalismo Digital pela Pucrs e trabalha com produção de conteúdo para Internet desde 1995. É editor de internet do Jornal do Comércio, de Porto Alegre. Fundou o TeleSéries em agosto de 2002. Na época, era fã de The West Wing, The Shield, Família Soprano e Ed. Atualmente é viciado em The Good Wife, NCIS, Game of Thrones e Parks and Recreation.

4 Comments

  1. Pingback: Tweets that mention Men of a Certain Age – Same as the Old Boss #TV -- Topsy.com

  2. Pingback: Destaques da Semana – Brasil – 11/7 a 17/7

  3. Cleide Pereira

    que santo controle e paciência com aquele mecanico … arghhhh
    juro que se fosse comigo … nem sei mas ia sair muita faisca heheheheh
    o Owen foi a figura da vez neste episódio e tudo ficou muito cheio de verdade pois quem é que já chegou em casa depois de um dia de cão e acabou desabafando no irmão ou na mãe ou em alguém da família?
    e tudo acabou bem …. tão fofo quando o Owen usa do mesmo argumento que antes a Melissa usou

    o Terry pode ser mesmo um loser pois isso ele prova a cada temporada …. heheheheh
    mas que ele arrasa com todos da maneira mais encantadora, esse é o Terry
    e na minha opinião ele ficou irritado pois ele agora se dedica a area de venda e artes cênicas ele quer deixar a maior distância possível, ai vem aqueles engraçadinhos e levantam a pueira …. é muito desagradável, mas essa é minha opinião

    o Joe ficou com cara de tacho quando viu a mulher da caminhada namorando um loser pior que ele, e o Terry não perdeu a chance de fazer gozações, alias o Owen tentando saber da conversa entre os dois foi tão coisa de mulher que me diverti muito
    no final, depois de toda confusão dos filhos, o Joe apesar de não ter gostado nada do que Albert se meteu, ele até que ficou contente pois percebeu que o filho enfim saiu sozinho e esse nem percebeu

  4. Marília

    Eu também gostei da cena de Joe com a mulher da caminhada, que ele achava inatingível, com um loser como ele…
    Mas sinto falta tb de outros conflitos de Joe, como Paulo disse. Era meio o fio condutor da trama.
    De todo o modo, eu gosto muito da série. As situações são muito realistas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account