Log In

Reviews

Leverage – The Low Low Price Job

Pin it
Série: Leverage
Episódio: The Low Low Price Job
Número do episódio: 5×11
Exibição nos EUA: 27/11/2012
94
4.7
4

Depois da Summer Finale dupla de Leverage, que foi ao ar na metade de setembro e nos apresentou os ótimos episódios The Rundown Job e The Frame-Up Job, não teve como a série não deixar saudades nos fãs. No entanto, a quinta temporada da série está tendo dificuldades para manter o excelente nível normalmente empregado no seriado em todos os episódios. Assim, The Low Low Price Job não foi tão fantástico como os outros dois episódios anteriores, mas ainda sim foram 40 e poucos minutos muito bem gastos na companhia de Eliot, Parker, Hardison, Nate e Sophie.

O caso do episódio que marca a volta da série de seu hiato pretende derrubar uma loja que está se instalando na pequena cidade de Apple Springs. A Value!More pertence a uma grande rede de lojas que vendem praticamente todos os produtos, de televisão a cachorro quente. A chegada de um grande monstro do varejo como esse derruba todo o comércio das pequenas cidades que são afetadas pela instalação da unidade, e não foi diferente em Apple Springs. Para piorar a situação, a rede conta com benefícios, subornando os governos locais e ainda por cima não valorizam os funcionários. Mas… nem tudo está perdido, o caso é o novo job de Leverage e eles são muito bons no que fazem.

Quem literalmente vestiu a camisa dos empregados da loja e defendeu o job do episódio foi Eliot e o batedor foi exatamente o personagem que mais se envolveu com a realidade das pessoas afetadas pela instalação da loja na cidade. Eliot se infiltra entre os funcionários e faz amizade com Archer, uma homem mais velho que o faz lembrar de seu pai. A história familiar de Eliot é um mistério em na série e neste episódio ele conta um pouco sobre seu passado.

Na central de escuta e monitoramento das peças de Leverage, Hardison percebe sutilezas pessoais quando seus amigos estão disfarçados. Foi assim que ele conseguiu arrancar um pouco do passado de Eliot. O pai do batedor era dono de uma loja de ferragens em uma pequena cidade parecida com Apple Springs, mas Eliot não quis seguir o negócio e foi embora da cidadezinha, entrou para o exército aos 18 anos, brigou com o pai e nunca mais o viu. O envolvimento com Archer faz Eliot procurar o seu pai no final do episódio, sem sucesso.  O batedor encheu os seus olhos de lágrimas e os nossos também.

Enquanto as vidas familiares estão longe de serem perfeitas, a equipe de Nate consegue fazer muito bem o seu dever no âmbito profissional. As primeiras tentativas de derrubar a Value!More fracassaram, mas na realidade o job não foi tão difícil de resolver quanto a maioria dos casos de Leverage. No final das contas todas as interferências da equipe de Nate acabaram ajudando no resultado final da missão. A vilã Caroline Cowan teve um dos piores castigos que os inimigos de Leverage recebem: enlouquecer e perder a credibilidade. Além de ser um dos piores castigos, também é um dos mais engraçados para a audiência.

Para o sucesso do plano foram necessário outros elementos que deram um toque especial ao golpe de Nate. A turma de alunos de teatro de Sophie continua um núcleo muito engraçado e dá um toque interessante sempre que aparece na série. Aqui eles entram vestidos de funcionários da loja, mas acabam tratando mal os clientes. Mesmo assim nada foi capaz de superar o carrinho de supermercado fantasma assustando quem circulava pela loja. Já a cereja do bolo foi a preparação do quarto de Caroline feita por Eliot e Hardison. Só aquele bip/grilo a noite inteira já deu pra ter pena da manda chuva da Value!More.

The Low Low Price Job não foi uma das melhores apresentações de Leverage, mas foi divertido. A série nem sempre surpreende em inovação, principalmente nesta quinta temporada, mas nunca falha ao divertir o espectador. Além da audiência que se divertiu, os personagens também se saíram muito bem com o fechamento da Value!More em Apple Springs. Nate comprou o prédio para transformar em um teatro, muito mais para agradar Sophie do que as crianças da escola. Eliot, apesar de não ter reencontrado seu pai, conseguiu marcar um encontro com a mocinha  indefesa que foi pedir a ajuda dele no início do episódio. Já Hardison e Parker foram atacar a doceria recém reaberta na cidade. Cada um no seu quadrado e todo mundo aguardando o próximo episódio. São só mais quatro até o final do ano!

Séries citadas:

é Jornalista, Publicitária, Gaúcha, Capricorniana de 84. Além de escrever no TeleSéries, trabalha como coordenadora de imprensa na Prefeitura de Taquari e assessora de imprensa no Campeonato Gaúcho de Rally 4x4. Fã de cinema, esportes, literatura, música e séries de televisão. Começou a assistir seriados com E.R. e Arquivo. X. Gostaria de ter estudado em Hogwarts, jogado quadribol e tomado cerveja amanteigada, mas se contenta com um gol do Grêmio e uma Heineken. Nunca ganhou um prêmio importante, mas já levou pra casa um Kikito de chocolate de Gramado/RS.

Website: http://www.alineben.blogspot.com

10 Comments

  1. coelho rebelde

    OK vamos começar com o principal,como o cabelo do Eliot cresceu tão rapido?
    (sera k é um episodio do futuro)ele tava lindo com akele corte…claro k ele continua lindo,é k akele cabelo tava legal.
    Pra uma volta de hiato o episodio podia ter sido melhor,mas ainda assim gostei muito, é dificil eu não gostar de algum episodia Leveraga, so muito fã da serie:)
    OBS: Se o Eliot fica triste eu fico tbm:(

  2. keila

    Eu torço por uma movimentada na trama, mudar um pouco a dinâmica da série, acho os roteirista bons mais acomodados preguiçosos, poderiam aparecer uma equipe fazendo consultoria oposta aos nosso mocinhos.

    Elliot é lindo ainda, mas estava mais lindo com o cabelo cortado, e como cresce esse cabelo que loucura.

    Achei a Parker meio apagadinha, mas qdo ela aparece é sempre demais, a cena dele obrigando o Hardison a receber o abraço dela foi engraçada.

  3. Aline Ben

    Bah, o hiato foi tão grande que até me esqueci que o cabelo do Eliot tava curto, e ele realmente tava muito mais bonito, mas ainda continua lindo. Leverage anda com uns episódios um tanto devagares nessa temporada, mas seguem bons, considerando que a série é ótima.

  4. Aline Ben

    Deve movimentar mesmo Keila. Desde o piloto da temporada que eu senti que a quinta temporada poderia ser a última da série e ontem demos uma notinha que o diretor da série afirma que está preparando uma season finale como se fosse a series finale pois a renovação não é certa. Notícia ruim. :(

  5. coelho rebelde

    Fala serio Leverage pode acabar? isso é algum complo?to me despedindo de Fringe,Gossip Girl e ainda me acostumando com a ideia do Merlim terminar esse ano.
    É muita coisa pra um só coração.
    Vou procurar saber se essa historia é certa
    espero k não.
    OBS: mas Bah Aline Ben, tu eres gaúcha tmb?

  6. Aline Ben

    Acho que a produção do programa não tem garantias da renovação. Desde a estreia da 5ª temporada eu acho que eles desconfiavam disso porque a história tomou um rumo nebuloso com Nate pedindo favores pro Hardison sem contar ao resto do grupo e dizendo que “tudo que é bom, um dia acaba”. Nate tmb já apareceu orientando o Eliot pra coordenar jobs e Eliot percebeu que Nate queria treiná-lo pra “pular fora”. Acho que eles estão trabalhando fortemente com a possibilidade de ser a última temporada, mas ainda não é definitivo e a TNT não fez anúncio nenhum.

  7. Pingback: Leverage – The White Rabbit Job

  8. Keila

    Acho que eles deveriam reformular a estrutura da série, criar plots mais longos, e contar algumas historias que foram deixadas de lado, poderia aparecer um team do mal, que auxiliasse grandes corporações a fazer o oposto do Team Leverage, uma relação de consultoria bem Moriarty/Sherlock.

    Mesmo como está eu ficaria muito triste se esse fim viesse mesmo, eu amo esses personagens e a série.

    Aline, se és gremista msm, tu é gremista ou colorada?

  9. Aline Ben

    Keila, em uma temporada passada, não lembro qual, apareceu um time muito parecido com o de Leverage, com pessoas que eles odiavam… hehehe. Acho que seria bem interessante se eles investissem em plots mais longos mesmo, que costurassem melhor os episódios. Essa temporada ficou com muitos episódios soltos, que poderiam ser colocados em qualquer ordem na série que não faria muita diferença. Ah, e sou gremista! :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account