Log In

Reviews

How to Get Away with Murder – Smile, or Go to Jail

Pin it

Série: How to Get Away with Murder
Episódio: Smile, or Go to Jail
Número do Episódio: 1×03
Exibição nos EUA: 09/10/2014
Nota do Episódio: 9

À medida em que os episódios vão avançando, vamos entendendo o que aconteceu na fatídica noite que culminou com o assassinato de Sam. Pelo que eu entendi, Rebecca foi quem acertou o troféu na cabeça do marido de Annalise e por muita falta de sorte, ou não, Laurel, Connor e Michaela estavam no escritório naquela noite. Wes provavelmente foi a primeira pessoa que ela pensou em ligar, já que está mais que na cara que eles são um casal.

Só que uma pergunta tinha ficado no ar: o quê Rebecca estava fazendo lá? Não demorou muito para termos essa resposta já que Annalise aceitou, depois de um discurso politicamente correto de Wes, defendê-la de ter assassinado Lisa. Logo, era de se esperar que estivesse solta e circulando pelo escritório. Outros fatores influenciaram para a escolha da sua nova cliente: Nate forjou o álibi de Sam (vou falar sobre isso mais pra frente) e a entrevista nada convincente de Griffin, que já era e passou a ser o principal suspeito, pelo menos na cabeça de Annalise.

Não sei o que Nate está tramando, mas ele está muito magoado com Annie desde o primeiro episódio. E a gente sabe o que a mágoa causa nas pessoas: ódio e vingança. Das duas uma, ou ele está punido sua namorada e deixando-a dormir com o inimigo, ou está esperando o momento certo para desmoralizá-la. Provavelmente essas informações coletadas são o passaporte de volta de Nate para a polícia.

O caso da semana: Paula Murphy

Antes de começar quero deixar registrado que adoro a atriz Ana Ortiz. Adorava Ugly Betty e acho Devious Maids (mesmo eu ainda estando na primeira temporada) uma das séries mais divertidas da atualidade.

Passado o momento tiete, o caso dessa semana foi infinitamente mais interessante do que o da semana passada. Envolvia troca de identidade, bomba e uma seita. Os estudantes tiveram que trabalhar e graças a deus Connor não precisou usar sua tática, já batida, para conseguir informações. Pena que foi tudo muito rápido, já que mil coisas acontecem ao mesmo tempo.

Podiam ter cortado aquela cena da festa no bar (Shonda adora essa locação, onde seus personagens vão para confraternizar e se pegarem) e rendido um pouco mais essa história. O final foi surpreendente e não consegui dizer quem era de fato o culpado, mas que Paula/Elena e Gabriel finalmente reencontram a felicidade, isso não podemos negar.

Escolha cuidadosamente seu marido, Sra. Pratt. Só poderá culpar a si mesma se acabar mal.

Coincidências a parte, todas as histórias de Smile, or Go to Jail giraram em torno de decisões que os personagens tomaram no passado e agora estavam enfrentando as consequências. Em alguns casos um passado remoto, vinte anos no caso de Paula/Elena, e outros mais recentes, Nate e Annie.

Apesar de ser um plot meio bobo, mas que deu uma certa leveza ao episódio, foi Michaela descobrindo que seu futuro marido teve um caso no passado (olha ele aí de novo) com ninguém menos que Connor. A conversa deles no bar e depois no tribunal foi hilária. Porém não senti tanta firmeza em Aiden ainda mais depois de descobrir que ele pretende seguir a carreira política. Michaela tem tudo para ser a esposa perfeita e isso conta muito nesse meio. Será que podemos esperar no futuro um crossover  de HTGAWM e Scandal? Agora viajei imaginando o embate Michaela e Olivia Pope!

Vamos dizer que avançamos para uns 15% na história, ainda temos muita coisa para descobrir. Fiquei muito feliz em saber que a série ganhou a temporada completa, que terá em torno de 15 a 16 episódios. Só espero que não enrolem muito ou desperdicem boas histórias resolvendo muito rápido. Que venha Let’s Get to Scooping.

Ps: Orange is the New Black em peso em HTGAWM. A atriz Alysia Reiner, que interpreta Natalie Figueroa no sucesso do Netflix, fez uma pequena participação no final do episódio.

Séries citadas:

Carioca, formado em Atuária e Estatística pela UERJ. Deixa os números de lado quando se trata de séries. Sem nenhuma experiência no mundo jornalístico, chegou ao TeleSéries com muita vontade de aprender e hoje faz parte do time de colaboradores de notícias e resenhas. Acompanha: Scandal, How to Get Away with Murder, Homeland, The Walking Dead, The Americans, Nashville, Parks and Recriation, Modern Family, Orphan Black, Devious Maids e atualmente está alucinado com The Good Wife. Já sonhou morar em Everwood, trabalhar na redação do News Night with Will Mcavoy, ser um bombeiro em Third Watch e ter como vizinhas às garotas Gilmore.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account