Log In

Memória

Hora de voltar aos bons tempos com ‘Blossom’

Pin it

Uma das coisas mais irritante em ser adulta é a falta de tempo. São tantos compromissos e responsabilidades que para muitos de nós só sobram as madrugadas para colocar em dia as séries favoritas.

Mas, me recordo de uma época em que qualquer hora era hora pra acompanhar seriados. E para ser mais específica, uma faixa do meu horário em si era praticamente reservada para isso: depois do almoço. Foi assim que conheci uma despretensiosa série que relembro com carinho até hoje: Blossom.

Era uma vez…

Nick Russo (Ted Wass) é um músico divorciado e pai de três jovens: o filho mais velho é Anthony (Michael Stoyanov) que busca se reajustar a vida normal depois de se livrar do vicio das drogas, o do meio é o engraçado Joey (Joey Lawrence) e Blossom (Mayim Bialik) é a caçula da família Russo.

No auge de seus quinze anos e dos problemas de adolescente a garota enfrenta o divórcio dos pais e uma nova realidade ser a única mulher da família, já que a mãe resolveu se mudar para Paris para investir na carreira de cantora por lá. Aí, qualquer situação cotidiana pode se tornar um verdadeiro drama, como por exemplo, a primeira menstruação. Sem a mãe é com a melhor amiga, a tagarela Six (Jenna von Oy) que Blossom divide suas ansiedades e conflitos.

Aos trancos e barrancos a família Russo vai sobrevivendo. Anthony depois de receber um ultimato do pai e quase ser expulso de casa, arruma um trabalho. Joey se destaca jogando beisebol. Blossom se apaixona e começa um namoro ioiô com Vinnie (David Lascher). O Avó materno de Blossom, um veterano de guerra, Buzz Richman (Barnard Hughes) decide passar um tempo morando com eles para desespero do ex-genro.

Quando os pais de Six se separam as amigas tentam juntar Nick com a mãe de Six. Anthony se torna paramédico.  E ele e Joey compram um carro juntos. Os filhos tentam ajudar Nick com seus problemas financeiros.

Blossom e os irmãos vão visitar a mãe e passam uma temporada em Paris. De volta, ela descobre que Six está abusando do álcool e namorando um cara dez anos mais velho.

Anthony vai pra Las Vegas, volta a beber e acaba casado com Shelley (Samaria Graham). Six tenta conquistar Joey e os dois acabam amigos. Nick começa a namorar Carol (Finola Hughes), mãe da pequena Kennedy (Courtney Chase). E Blossom perde o anel bem no dia que Vinnie pretende anunciar o noivado deles para os Russo.

Nick e Carol se casam. Já Anthony se muda com Shelley e o filho. Carol descobre que está grávida enquanto Nick decide vender a casa para descontento de Blossom, Joey e Six. E as amigas ainda têm que escolher se vão ou não para a faculdade e que caminho seguir dali pra frente.

…e então…

Blossom estreou em janeiro de 1991 nos EUA ficando cinco temporadas no ar. Por aqui a série chegou em 1997 e ganhou repercussão ao ser transmitida em rede aberta, pelo SBT (no meu horário querido rsrsrs).

Ser adolescente já é desesperador. Imagina numa família na qual você é a única mulher? Aí só mesmo na base do humor. Assim, Blossom é uma comédia típica dos anos 90 que não nos deixa esquecer que para tudo há sempre consequências, às vezes, nada agradáveis.

Blossom se foi, mas não é que a faixa de horário continua lá?! Foi com muita satisfação que num dia destes estava de folga em casa e depois do almoço liguei a TV e lá estava Will Smith em Um maluco no Pedaço (The Fresh Prince of Bel-Air). Aí, outra série que assisti muito nesse horário quando podia e recomendo.  Um maluco no Pedaço vai ao de segunda à sexta, 12h45, no SBT. Quem tiver o horário livre aproveite. Quem não tem, faça como eu e dá-lhe maratona de seriados de madrugada.

E você tem saudade de alguma série do começo da tarde? Ou de alguma faixa de horário especifica? Compartilhe suas memórias e séries conosco. Sempre é tempo de

… reviver.

Séries citadas:

25 anos, Jornalista formada pela Unesp/Bauru. Responsável pela Coluna Memória. Adora um bom livro e não dispensa uma boa música. Mas, confessa que é viciada em séries desde que se conhece por gente. Friends, Angel, One Tree Hill... Game of Thrones, Hart of Dixie, Arrow, The Vampire Diaries, The Originals...

9 Comments

  1. Bruna

    Eu adorava Blossom! Acho que nessa época (97) tinha várias séries que eu via, Full House, Fresh Prince. Lembro que minha irmã adorava Sabrina. Era uma época muito legal. O SBT poderia voltar a passar a série.

  2. Mirele Ribeiro

    Gente, Full House (Três é Demais) completou 25 anos da estreia na TV americana em setembro desse ano!!! Outra que se não me engano passava por essa época era a Punky, não?

  3. Mirele Ribeiro

    Six era show! Mas eu ri muito mesmo era com o Joey, tão bobinho rs

  4. Rafael Ruiz

    Blossom era a minha série do horário do almoço também.

    Chegava todos os dias correndo da escola para poder assistir. Ate hoje não me conformo que ainda não lançaram a serie em DVD em terras tupiniquins.

    Realmente, o horário do sbt me levou a descobrir Um Maluco no Pedaço e Eu, a Patroa e as Crianças. Além disso, tinha os domingos de manha, para acompanhar Full House!

    Bons tempos!

  5. Mirele Ribeiro

    Era bem essa a rotina mesmo. rs
    E sábado a tarde tinha Barrados no Baile, na Globo.

  6. Pingback: Chega de saudade: veja por onde andam os atores de ‘Blossom’

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account