Log In

Reviews

Grey’s Anatomy – Change of Heart

Pin it

Eu estou aqui fazendo a mea culpa. O que nos foi apresentado no último episódio de Grey’s Anatomy foi a coisa mais óbvia da história da série. E eu não vi isso vindo. E confesso: só não achei a saída escolhida por Shonda Rhimes péssima porque ela é… ÓBVIA!

Como não pensei nisso antes? Era evidente que com a Fundação Avery no comando do GSMH, inclusive como acionista majoritária, um médico do hospital não poderia levar o prêmio. Mas isso me revolta profundamente.

Primeiro porque COME ON, é a Cristina Yang, a comunidade médica inteira estava esperando a vitória dela. Logo, ninguém suspeitaria de favoritismo. Inclusive, ELA TINHA TODOS OS VOTOS (ah, Shonda, você é mesmo uma vadia sádica). E mais: nenhum médico do GSMH pode ganhar? Pois então não permitam a indicação. E nem me venham com a ladainha de que “ser indicado é uma honra”.

Mais revoltada do que eu, só a Meredith. Quão fofa foi ver ela preocupada com a Yang e defendendo a honra da amiga com unhas e dentes? Fofíssimo. Me desespera saber que só teremos mais 3 episódios dessa interação.

Além de Mer não ter superado a perda do prêmio de Yang, Weber também não deixou barato. No início até achei feio ele ir questionar a mama Avery. Mas no final das contas eu estava com sangue nos olhos, e achei que foi pouco. Ela não deveria ter agido como agiu. Negócios são negócios, é claro. Mas foi meio cruel com a Yang, especialmente por ela ser toda convencida e ter tido certeza de que ganharia.

E o dia da Yang, que começou mal, só piorou. A gente sabia que não ia dar coisa boa a trama das 3 crianças doentes, mas quebrou meu coração a escolha da Yang. Sei que ela escolheu certo, mas fiquei como a mãe da galerinha, me perguntando “como você pode escolher”? Enfim, só más notícias no dia de Cristina, que salvou uma das irmãs enquanto a outra morria. E para coroar, Owen, em uma tentativa de tirar a ex-peguete da apatia, ainda colocou a cereja no topo do bolo.

xmer-and-der.jpg.pagespeed.ic._1xxPKcsM7

É claro que Yang não reagiria bem. É claro que a Yang vai querer passar longe do GSMH. E mais: se a informação vazar pra galera, Derek, Meredith, Callie e Bailey são outros que vão começar a arrumar as malas. Quero só ver como eles contornarão isso, já que não tem os bilhões necessários para afastar os Avery do hospital.

Aliás, por falar em malas, Karev anunciou sua partida. Talvez eu esteja em negação, mas não consigo acreditar que ele deixará o hospital. Por outro lado, assim como Robbins, quero ver nosso crianção bem e amadurecido. E para isso, talvez, seja necessário deixa-lo ir. Vamos ver como a trama de Alex será conduzida nesses três episódios. E se ele realmente for embora, espero que ainda tenhamos muitos momentos fofos e bacanas entre ele e a Arizona, assim como tivemos nesse episódio.

E a Bailey? A vontade de vencer na vida é tão grande que ela vai fazer o procedimento do vírus HVI sem o consentimento dos pais do garoto? Nooooossa. Prevejo momentos de tensão, e torço pra que dê certo o procedimento, pelo menos. Porque se o garotinho morrer, adeus pra carreira da Miranda.

135303_3256_pre

Duas coisas me frustraram de verdade no episódio. Uma foi a forma como Amelia foi inserida. Acho que uma crise “quero casar mas não sei se aguento a vida familiar” não foi a melhor forma de trazer ela pra série. Espero que ela ganhe histórias melhores nos episódios que ainda participar, e que ela fique para a próxima temporada, afinal o personagem é bem bacana.

A outra foi o plot Japril. SÉRIO, SHONDA? “Não estamos discutindo um filho fictício, então toda essa droga tem algum sentido”. Não. Apenas não. O plot deles é chato mesmo e sempre será, com filho ou sem filho. Por favor, ABC, anuncie que os dois resolveram criar o filho na fazenda dos pais de Kepner e livrem-nos dessa storyline idiota. Obrigada.

Nessa quinta-feira, outro reencontro nos espera. E a despedida final se aproxima. Infelizmente.

P.S.1: tentei escrever algo sobre os residentes. Mas só lembrei da Jo suja de sangue. Foi mal.

p.S.2: e no meio do caos, é hora de reavaliar as bolsas de pesquisa. Sério?

Séries citadas:

Editora Chefe do TeleSéries, gasta boa parte da sua semana com séries. Sua estréia foi com ER, e atualmente assiste - entre várias outras - Grey's Anatomy, Game of Thrones, Suits, Castle e Rookie Blue. Ainda assim, arrumou um tempinho para maratonar Friends, The X Files e Chuck - pela qual se apaixonou, recente e irremediavelmente. Está saindo da crise de abstinência de Fringe graças à Orphan Black.

4 Comments

  1. Michelle

    a review ficou engraçada. deu pra descontrair nessa tristeza de final de temporada

  2. FlaviaRibeiro

    Arrasou na review, Mari. Como sempre.

    Mas eu curto demais Japril. E juro que acho a discussão deles relevante! À beça!

  3. claudia regina freitas

    Tbem tenho sentimentos duplos com relação ao Karev, acho que ele merece crescer, mas adoro ele na série, não gostaria que ele fosse embora.Mas parece que a namorada não volta na próxima temporada, então…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account