Log In

Reviews

Game of Thrones – The Ghost of Harrenhal

Pin it
Série: Game of Thrones
Episódio: The Ghost of Harrenhal
Número do Episódio: 2×05
Exibição nos EUA: 29/04/2012

E eis que chegamos, prematuramente, à metade da 2ª temporada de Game of Thrones. The Ghost of Harrenhal foi um episódio com um ritmo um pouco mais lento, mas que deu um bom andamento na trama e sugeriu por quais caminhos andará o restante da temporada.

E logo no início do episódio, uma surpresa (ou teria sido, se eu não tivesse visto um spoiler ingrato no Twitter. É pra ter esse tipo de surpresa que tenho evitado a leitura do 2° livro): a morte de Renly pelo belo filho de Melisandre e Stannis. A sombra do mal adentrou a tenda do autoproclamado Rei e assassinou o jovem Baratheon. Isso tudo logo após ter ficado alinhavada uma aliança entre ele e o Rei do Norte, o que garantiria a vitória sobre Stannis e até mesmo a tomada de Porto Real. E como desgraça poupa é bobagem, a leal Brienne foi culpada pela morte do seu Senhor, e nem mesmo as palavras de Catelyn seriam suficientes para garantir a sobrevivência da guerreira. Resultado? A fuga das duas. Agora Brienne tem uma nova Senhora – a brava Catelyn Stark. União muito bem vinda, que trará bons frutos, creio eu.

Outro resultado da morte de Renly foi a rendição dos seus vassalos (com exceção dos Tyrrels, que voltaram para Jardim de Cima, após a intervenção rápida de Mindinho) à Stannis, que agora ruma para Porto Real –  por terra e mar – para tomar a capital e derrotar os Lannister, pegando de volta o Trono de Ferro. Quem não está curtindo nem um pouquinho essa maluquice de filho das sombras e Senhor da Luz é Sor Davos – o único que consegue ver claramente, naquele antro de fanáticos -, que tenta abrir os olhos de Stannis e fazê-lo perceber que Melisandre é uma ardilosa estrangeira, e que levá-la para a capital significaria entregar a vitória nas mãos dela. Stannis até prometeu deixar a bruxa de vermelho longe da capital, mas duvido que ela aceite essa decisão passivamente. Agora é aguardar os desdobramentos dos próximos episódios.

Quem também partiu para a guerra foi Theon Greyjoy, que na melhor vibe “mostrar que é um homem das Ilhas de Ferro” resolve atacar o Norte, para surpreender o pai e ganhar a lealdade dos seus comandados. É, ser o capitão da Cadela do Mar mexeu com a cabeça do menino (com o auxílio do esperto Dagmer), que resolveu bagunçar com tudo e atacar as terras do seu “irmão” Robb. E agora cabe à Bran tentar resolver a situação – alguém mais achou o cúmulo da fofura ele discursando sobre defender os vassalos? Não sei se os 200 nortenhos serão suficientes para tal tarefa, nem faço ideia do que virá a seguir. Só sei que tenho medo – e muito – dos sonhos esquisitos do menino. E tenho medo de Rickon, que tá muito estranho (mais ainda). Catelyn, corra para casa. Seu caçula precisa mesmo de você.

Outra que está ainda mais esquisita é Cersei. A Lannister tem andando com muita cara de louca, e não está lidando bem com o fato de ver Myrcella enviada para fora de Porto Real. Além disso, a loira não confia no irmão, e acaba acobertando as burradas do Rei (estúpido e arrogante) Joffrey. E chegamos, nesse ponto, à Tyrion, inevitavelmente. Lancel Lannister mostrou que tem seu valor, e entregou a informação ocultada por Cersei. Joffrey pretende defender a capital com fogovivo, substância perigosa – e quente – preparada pelos Pyromancers, e que garantiu, segundo a lenda, o poder dos Targaryen por muito tempo. E Tyrion, do alto de sua astúcia, dominou a situação e agora possuiu, em seus domínios, um estoque considerável da “poção”. Ainda não sei como ela será utilizada, mas vindo do Duende, a coisa só pode ser boa.

Coisa boa também resultará da “aliança” entre Jaqen H’ghar e Arya. O papo entre eles foi interessante, e mais ainda o fato de que a pequena pode escolher 3 homens para morrer, em troca das vidas que poupou do Deus Vermelho. O primeiro foi o Cócegas, quem serão os dois seguintes? Torço para que a Arya use melhor seu poder de escolha, por que Jaqen já mostrou que pra ele promessa é dívida.

E falando de Arya, não sei se a esperteza dela será páreo para a de Tywin, que é astuto que só. Mas a pequena merece todos os aplausos do mundo por manter a tranquilidade mesmo quando sob inquirição. E ainda acho que ela achará uma forma de usar a seu favor todas as informações sobre a guerra de Robb contra os Lannister a que está tendo acesso. Torço por isso.

Minha torcida também vai para Khaleesi. Para que ela mantenha a cabeça no lugar e não se deixe levar pelas promessas “fáceis” de Xaros. Eu ainda não consegui decidir se podemos confiar ou não no habitante de Qarth, mas se eu fosse a platinada segurava mais um pouco e dava ouvidos a Mormont. Também acho que rola uma paixãozinha básica ali, mas isso não impede que o cavaleiro tenha a cabeça no lugar e dê os conselhos mais sábios para Daenerys, sempre. E também não estou preparada para ver a loirinha casada com outro que não Drogo (que o grande Khal cavalgue eternamente). Então, acho melhor ela esperar os dragões crescerem mais um pouquinho e tomar Westeros. Porque se tem uma coisa que concordo com Mormont é o fato de que além de temida, a loirinha seria admirada. Dany é admirável, espero que continue assim.

Finalizando os comentários, é preciso falar das tropas da muralha, que estão em jornada pela imensidão branca.  Qhorin Meia-Mão chegou para ajudá-los, e o embate com os selvagens se aproxima. Snow, que agora é um patrulheiro, ajudará a abater os sentinelas. To ansiosa para ver essa batalha, e pelos três toques de chifre. Que o inverno chegue, definitivamente, com o soar das trombetas. Eu sei que já disse isso, mas mal posso esperar.

P.S.1: tive que rir de Tyrion vendo a população chamá-lo de macaco demoníaco. O povo, cego como usual, não consegue ver que a maldade de Joffrey não é controlada nem controlável. Realmente, o Rei é podre. A mais perdida das causas.

P.S.2: Arya muito séria, olhando para Tywin com um olhar penetrante: “qualquer um pode morrer”. Quem mais sentiu o tom de ameaça? Tem como não amar a pequena Stark?

P.S.3: para evitar a fadiga dos fãs a 3ª temporada de Game of Thrones já foi anunciada pela HBO. E a emissora foi brindada, no último domingo, com a maior audiência do seriado – 3,9 milhões de espectadores. A produção merece.

Séries citadas:

Editora Chefe do TeleSéries, gasta boa parte da sua semana com séries. Sua estréia foi com ER, e atualmente assiste - entre várias outras - Grey's Anatomy, Game of Thrones, Suits, Castle e Rookie Blue. Ainda assim, arrumou um tempinho para maratonar Friends, The X Files e Chuck - pela qual se apaixonou, recente e irremediavelmente. Está saindo da crise de abstinência de Fringe graças à Orphan Black.

10 Comments

  1. Cakki

    Esse foi o episódio que achei mais chatinho até agora… Como mostraram quase todos os personagens (miss you, Jaime) aconteceu muita coisa, mas não aconteceu quase nada ao mesmo tempo.
    Mas, pra variar, minha amadinha Arya roubou a cena! Ela enfrentando o Tywin foi sensacional!! Não consigo imaginar mais ninguém que, atualmente, conseguisse enfrentar ele daquele jeito, com tanta coragem como ela!! Adoro a Arya em Harrenhal, e a presença do Tywin lá só melhora tudo mais ainda!
    E o Jaqen! Bom, adorei o ator e adorei a caracterização! Adoro essa parte do “Fúria dos Reis”, e tá melhor ainda do que eu tinha imaginado! Sempre achei que o Jaqen era um estrangeiro sensual, mas tô mais emocionada do que achei q fosse ficar! =)
    Tyrion tbm tava dez passeando por Porto Real! Adoro a dinâmica entre ele e o Bronn, e a cena nos alquimistas ficou mto boa tbm!
    Dany finalmente tomou banho!! E a história em Qarth tá andando devagarinho ainda…. O Xaro tá/é um saco… Aguardando mais do Sor Jorah que é mto mais pé no chão que ela. E tbm no aguardo por maiores participações do feiticeiro da Casa dos Imortais.
    Catelyn e Brienne juntas foi mto fofo!!! Adoro as duas juntas, me passa a sensação de que é o jeito do livro/seriado nos mostrar que a Catelyn aceita a Arya do jeitinho moleque dela de ser, sabe? Posso tá viajando, mas sempre penso nisso.
    As histórias do Jon, do Bran e do Theon vão andando, e possivelmente em breve teremos o ápice de cada uma (nesse episódio ficou só na preparação mesmo).
    E, por fim, R.I.P., Renly Baratheon! O corpo nem tava frio e o Mindinho já foi lá ver o que tinha pra ele na morte do Renly…. E o Davos mostrando ser uma das pessoas sensatas em Westeros, só o Stannis pra não ver o perigo que a Melisandre é… Se bem que é o famoso “ruim com ela, pior sem ela”….
    Ah, amei ver o Fantasma no meio de toda aquela neve!!

  2. biancavani

    E é bom mesmo que Daenerys pense muito bem suas estratégias, porque, afinal, o povo dothraki – o que sobrou dele – está nessa situação porque ela pediu ao finado marido que reconquistasse o trono de ferro para ela… Sim, torço para ela e acho que vai ganhar grandes batalhas (mas, não, talvez, o trono de ferro), porém a responsabilidade ali, pela miséria dos dothraki, é dela: se não, eles poderiam muito bem estar desviscerando os inimigos, estuprando e escravizando os que sobrassem, e, nas festinhas, desviscerando-se entre eles, segundo seus meigos costumes.

    Humm, mas então a viúva de Renly quer ser A rainha… E ela tem demonstrado ser bem mais inteligente que Cersei. Esta última já cometeu vários enganos, enquanto a primeira não erra nada: nem o tom da voz, nem o instante de sorrir ou fechar a cara.

    E ficou confirmado: a Mão do Rei é o pior emprego EVER daquele lugar! 

    P. S.: Melisandre, eu odeio você! 

  3. Juliana Baptista

    Adorei o episódio! Queria ver como seria a morte do Renly x__x coitado, eu até gostava dele, mas pensando bem, Renly nunca seria um bom rei, ele não tem mãos de ferro igual o Stannis!
    E o Jaqen? Muito mais bonito do que eu imaginava! valar morghulis!

    A série está muito rápida, apesar de parecer que esse episódio se arrastou (pra quem leu os livros, o Fúria dos Reis já passou da metade!)

    Até agora não tive nenhuma decepção significativa com a temporada! Que continue assim

  4. biancavani

    Ah, esqueci de acrescentar o seguinte. A abertura de Games of Thrones, com aquelas engrenagens, aqueles mecanismos que formam os reinos, sempre me intrigaram. Achava que não era apenas algo belo esteticamente, mas um símbolo da história. Alguém acima falou em “equilíbrio” e parece mesmo que é esta a chave de tudo: a abertura parece remeter a um todo cujas peças (os reinos) precisam funcionar perfeitamente, para que o todo “funcione”. Desse modo, desde o Rei Louco as engrenagens estão saindo dos trilhos, e o grande tema da  série é justamente a tarefa de seus personagens pôr as peças no lugar e recuperar o equilíbrio. 

  5. Cakki

    Bianca,

    Nos extras do Blu-ray da 1ª temp, os produtores explicam o porquê a abertura ser um mapa e os motivos que levaram eles a utilizarem engrenagens nas cidades.

    É mais ou menos isso que tu disse, das cidades/casas principais serem essenciais para o bom funcionamento do reino.

  6. biancavani

    Humm, estava nos extras. Pensando bem, era até óbvio, mas fiquei pensando um tempão para chegar a essa conclusão, rsrs. (lerda, lerda, lerda.)

  7. MicaRM

    Já eu acho que o Renly seria o melhor Rei dentre os pretendentes ao trono. Ele pode até não ser alguém dado à batalha, mas acho que ele seria uma bom administrador e com maior afinidade com o povo.

  8. Mariela Assmann

    Entre os pretendentes atuais, concordo com a Mica. Não acho que Stannis seria um bom rei, e está bem claro que Joffrey não o é. Mas creio que Dany ocuparia bem o trono, também.

  9. Juliana Baptista

    Acho o Renly muito populista, consegue fazer aliados, mas não sabe o que fazer quando o bicho pega. Tanto que fugiu de Porto Real quando a Cercei tava tacando o terror depois da morte de Robert.
    Eu nem considero Joffrey uma opção, eita muleque babaca! a cada episódio que passa eu sinto mais raiva dele…
    Já o Stannis é mais pé no chão, o problema dele é a Melisandre. Ele vai muito na onda dela, mesmo não tendo abraçado de coração essa história de deus das chamas! Pensando bem, só a Dany é perfeita para o cargo *___* sou Targaryen de carteirinha

  10. Paullo Kidmann

    Otimo episódio, fiquei muito triste por Renly, ele seria um excelente Rei, sobrea bruxa não ir apra o ataque dos navios eu acredito que seja verdade, tow achando que esse ataque não vai dá certo e os ocupantes das caravelas d Stannis morrerão e como ela não estará lá ela vai se safar a safada hehehhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account