Log In

Especiais Opinião

Eu quero uma indicação ao Golden Globe para Modern Family

Pin it

Cenas de Modern Family

Ao anunciar sua grade para a atual temporada, a ABC me surpreendeu com o que parecia ser um bom bloco de duas horas com comédias às quartas-feiras. Exceção da já cancelada sitcom Hank (nunca fui fã de Kelsey Grammer), fiquei curioso com esse line-up, e hoje já tenho uma avaliação pessoal das três restantes.

The Middle é um passatempo que não compromete (embora lembre muito a clássica Malcolm in the Middle e peque pela falta de originalidade). Cougar Town foi minha decepção (fui ver a série pela Courteney Cox e não consegui passar do piloto, que foi sem graça, ofensivo e desastroso). E finalmente a pérola do bloco: Modern Family, de longe a melhor comédia estreante do ano e que sem dúvidas merece uma indicação ao Globo de Ouro.

Ao ver a promo de Modern Family, imaginei que seria a mais fraquinha do trio e só daria uma chance a ela por ter no elenco Ed O’Neill, interprete do perdedor Al Bundy da clássica Married… With Children (Um Amor de Família), uma comédia tão ruim e tosca que chegava a ser boa. Daí, foi só assistir o piloto pra perceber o grande potencial dessa comédia.

Criada por Steven Levitan e Christopher Loyd, Modern Family narra o cotidiano de três famílias que são na verdade uma só, numa espécie de mocumentário, embora não tão veemente nisso quanto em The Office. O elenco da série é composto apenas por atores competentes (menção especial as crianças), não dando pra enfatizar com certeza quem é o protagonista. Assim, explano os personagens dividindo-os pelas famílias:

Os Delgado-Pritchett: Jay Pritchett (Ed O’Neill) é um coroa que acabou de ser casar com Gloria Delgado (Sofia Vergara), mãe de Manny (Rico Rodriguez II). Gloria é um estereotipo latino interpretado pela escultural Vergara, que acima de tudo ama o garoto Manny (afeminado e filho do que acredito ser um traficante colombiano) e seu novo esposo Jay. Ed O’Neill acertou em cheio com o personagem, um ricaço boa vida que está curtindo sua esposa-troféu (é justo dizer que os dois se amam mesmo) e acaba sendo o de maior credibilidade do seriado, embora Sofia e a revelação Rodriguez não fiquem muito pra trás.

Os Dunphy: Pai e mãe, casados há 16 anos e com três filhos. Resumo simplista demais para falar sobre os Dunphy. A matriarca da família é Claire (Julie Bowen), filha de Jay e talvez a pessoa mais “normal” do seriado, tendo como filhos Haley (Sarah Hyland), uma adolescente patricinha, Alex (Ariel Winter), a gênio da família, o caçula Luke (Nolan Gould) e o marido Phil (Ty Burell). Exato, entre os “filhos” de Claire está seu marido, um corretor de imóveis que é na verdade uma criança por dentro e principal motivo do humor pastelão de Modern Family. O grande defeito do personagem de Burell é ser uma cópia carbono do Michael Scott de Steve Carell em The Office, mas tirando esse “pequeno” detalhe, é com ele que mais damos risadas no seriado.

Os Pritchett-Tucker: e finalmente temos o casal gay Mitchel (Jesse Tyler Ferguson) e Cameron (Eric Stonestreet), que recentemente adotou Lily, uma bebê vietnamita. Mitchel, filho de Jay e irmão de Claire, é uma pessoa tímida e recatada que parece querer evitar revelar as pessoas que é gay, completamente o contrário de seu namorado Cameron, que o que tem de simpático e boa gente, tem de afetado e afeminado.

A dinâmica da série acaba sendo então a interação desses três núcleos em histórias fáceis de acompanhar, sendo essa uma genuína comédia família. Mas a execução é tão acertada, seja em roteiro ou atuação, que catalogar Modern Family como apenas uma “comédia família” parece ser injusto. Verdade que ela faz muita parte do imaginário faz-de-conta dos seriados americanos (todos são adoráveis, todos são ricos e felizes), mas o produto final dessa série não tem como intenção ser algo fiel (embora pareça muito real) ou algo que nos faça pensar (embora algumas mensagens do fim de cada episódio sejam bonitas), mas pra entreter de verdade mesmo. E isso ela está conseguindo.

Nas últimas duas décadas, metade das comédias campeãs no Globo de Ouro eram shows estreantes. Ou seja: a premiação tem em seu histórico um reconhecimento para com as novatas. Bem, o mínimo que peço é uma indicação, mas não ficaria surpreso se Modern Family, a melhor nova comédia da temporada e que ainda não tem previsão de estréia no Brasil, além de indicada, saia com o troféu na mão.

Séries citadas:

20 Comments

  1. Flávio A.

    Como a HFPA adora premiar seriados novos e cult, Modern Family deve ser o favorito para melhor comédia, com certeza! Ótimo texto!

  2. Marcelo

    Com certeza Modern Family receberá uma indicação, que será muito merecida, vai ser uma boa adversária para 30 rock

  3. fabia

    modern family é péssima. a unica coisa boa da série é sofia vergana, que já era divertida em hot properties e volta fazendo o mesmo jeito latino aqui. mas a série é um saco.

  4. Hanna Nazine

    Eu quero não só a indicação mas que eles levem alguma estatueta para casa. Merecidíssimo.

  5. Pingback: Tweets that mention Eu quero uma indicação ao Golden Globe para Modern Family » TeleSéries -- Topsy.com

  6. Thomaz Jr.

    Acho que a indicação é quase certa, inclusive em varias categorias.

    Quanto ao prêmio principal, acho que Curb… tá com mais chances de sair vencedoro. Afinal, 30 Rock agora só é ÓTIMA.

  7. Claudemir A. Zamproni

    ‘MODERN FAMILY” merece todas as premiações, pois, assim, com todos os atores, sem destaque para nenhum, inclusive (e, principalmente as crianças), são formidáveis. Texto, direção e interpretações muito bem concatenados. Não concordei, acima, com o trecho que diz: “o grande defeito do personagem de Burell é ser uma cópia carbono do Michael Scott de Steve Carell em The Office”; o personagem em questão, Phil (Ty Burell) mantém uma inocência que o Michael Scott de Steve Carrell já não mais possui. Há traços de maldade (de leve, mas há!), por vezes, no Michael, coisa inexistente no Phil – ambos são insanos, passados, descerebrados, mas a inocência/candura/meiguice de Phil o redime, e incorpora uma nova faceta (riqueza?) a este tipo de personagem.

  8. Fernando dos Santos

    E depois de amargar tantos fracassos no drama(Big Apple,Dragnet,John from Cincinatti) o Ed O’Neil reencontrou o sucesso em seu retorno as comédias.

  9. Rubens Fructuoso

    Modern Family merece a indicação e o prêmio!
    Melhor ainda se for em cima de 30 Rock.

  10. Flávio S.

    Algo me diz que Modern Family, durante essa primeira temporada, apensar receberá indicações de produação nos Emmy’s: Melhor Série, Roteiro, Direção e etc. Talvez Julie Bowen arrenque uma indicação surpresa de Melhor Atriz. Porém, como o Emmy gosta de surpreender, talvez quem receba “Melhor Comédia” seja Curbs. Porém, Modern Family talvez arranque umas boas 3 ou 4 indicações, de melhor comédia (vencendo o prêmio), Atriz para Sofia Vergara e Julie Bowen, e Ed O’Neal como melhor Ator.

  11. Tiago Borges

    Fico ansioso por casa episódio, com certeza minha favorita da temporada….as situações mais loucas…e ao mesmo tempo normais…….r.ss.rrsé assim q vejo modern family…..
    Mtas temporadas…

  12. Walber

    Concordo, Modern Family é a melhor estréia da temporada, e merece uma indicação pelo menos.
    O nucleo que eu mais gosto é o do Phil e da Claire, as crianças principalmente dão toda a graça do seriado.
    PS: Não acho o Manny afeminado, ele é um pouco esquisito mesmo, hehe, mas só.

  13. marília

    Oi fofito!

    tudo bem? saudades… dos encontros semanais discutindo a melhor série évah…

    pois bem. QUERO VER. Algum canal bonzinho vai passar por aqui em terras brasileiras pra uma mocinha que insiste em não ceder aos downloads?

  14. FlavioBC

    Claudemir falou tudo sobre o Phil. Ele junto com o Cam são a principal razão de eu assistir Modern Family.
    Agora vou destoar da maioria: não consigo ver graça nenhuma no Manny. me parece forçadíssimo.
    Ele não me convence com aquelas pausas dramáticas todas e aquelas expressões de quem sempre está pensando no sentido da vida. Muito ruim. ele só esteve bem no episódio “En garde”. e não consigo ver nada de afeminado nele, ele só parece ser super protegido. Prova é q ele sempre fala de garotas e talz…
    A Alex é muito melhor! ela sim me convence de ser uma menina inteligente, q meio q aceitou q não pode competir (ainda!) com a irmã mais velha no quesito beleza, mas sabe q na inteligencia sempre será superior!

  15. Daniele

    Gente vcs elogiaram tanto desde ontem q já coloquei para baixar até o episódio 9, não achei mais…rs…estou super curiosa…e sendo o texto do Thiago tenho certeza q vou gostar da série, ele tem bom gosto:)

  16. Lucas Vieira

    Modern Family é nuito boa, grande surpresa da fall season q comedia, fazia tempor q eu nao via uma comedia sobre familia tao boa como essa, ela é GENIAL, merece ser com certeza indicada ao globo de ouro, e nao vai ser nenhuma surpresa se ganhar.
    Phil é Hilario, apesar de parecer muito com Steve Carrel em The Office, acho ele d assim como Michael Scott

  17. Thiago Sampaio

    É tão bom quando uma série acima da média recebe o reconhecimento do público.. Ainda bem que ela não passou despercebida aqui no Brasil.

    Quanto aos órfãos de ER… alguns comentários aqui me deixam com uma saudade imensa de revisar a série =T

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account