Log In

Especiais

Especial Semana da Amizade – Amigos do Peito

Pin it
Exemplos de amizade é o que não faltam. Venha comentar o seu!

Em 1969, o homem chegava à lua. Esse pequeno passo do astronauta, levou um argentino de nome sonoro a pensar: “se o homem se unir aos seus semelhantes, não há impossíveis”. Então, Enrique Ernesto Febbraro escreveu mais de 4 mil cartas em diversos idiomas para vários países tentando fazer desse dia um símbolo de amizade.

Agora, o Dia do Amigo é comemorado exatamente no vigésimo dia do mês de julho. E não é só lá pela Argentina, brasileiro também celebra a amizade nesse dia.

Nada melhor para ilustrar a importância da união e provar que realmente a força se faz em conjunto, o TeleSéries separou alguns amigos que fizeram – ou estão fazendo – história na televisão.

Personagens: Meredith Grey’s e Cristina Yang
Série: Grey’s Anatomy

Elas começaram juntas, e assim permaneceram – embora tenha havido alguns desentendimentos no percurso. Meredith e Cristina passaram por muita coisa juntas: desde inícios e términos de romances e de complicados procedimentos cirúrgicos; até perdas e eventos de quase morte. E enfrentar todos esses momentos só fez crescer a amizade entre elas. É claro que, em se tratando de Meredith e Yang, não estamos falando de uma amizade convencional e cheia de sentimentalismos, tanto que seus rompimentos não encerram com abraços e pedidos de desculpa. Mas isso não impede que Meredith seja “a pessoa” de Cristina, e de que esta seja, segundo Meredith, “uma irmã. A minha família. Tudo que eu tenho”. Enfim, seja nas salas de cirurgia, nos corredores do Seattle Grace Mercy, ou pelas ruas de Seattle, essa é uma das mais fortes amizades dos seriados. (Mariela Assmann)

Personagens: Chloe e Clark
Série: Smallville

Chloe e Clark. Uma das mais longas amizades das séries de TV. Foram dez anos de altos e baixos, paixões platônicas, inimigos em comum, cooperação jornalística e segredos compartilhados. Para os que acompanharam a série, a amizade entre a loirinha geek e o bom moço do interior começou a empolgou de verdade na quinta temporada, quando ela já sabia a respeito dos poderes e podia ajudar a investigar nos casos e nas missões quase suicidas em que se metiam. O ápice, com certeza, aconteceu na nona temporada quando Clark se recusou a ressuscitar Jimmy e a amizade com Chloe ficou abalada, mas nada que não fosse resolvido depois com boas dose de humor, aventura e momentos de vergonha alheia. Portanto, Chloe e Clark formam, definitivamente, o melhor par de amigos que já vi na TV, inseparáveis até nos quadrinhos (referência à última frase de Chloe para Clark na ‘Series Finale’)… (Isaque Criscuolo)

Personagens: Peyton e Brooke
Série: One Tree Hill

Amigas desde a infância, Brooke Davis e Peyton Sawyer não poderiam ter personalidades mais opostas. No entanto, a amizade conturbada das duas foi um dos pilares mais vitais de sustentação de One Tree Hill. Elas sobreviveram aos mais desafiadores devaneios da mente do Mark Schwahn, desde o clássico triângulo amoroso, problemas maternos, experiências de quase-morte, chegando até ao irmãos psicopata e drogas. A amizade das suas era tão bacana que não importava você ser ‘Leyton’ ou ‘Brucas’, o que você não queria era vê-las separadas. Bom, o que dizer? “Hoes Over Bros”, certo? O tempo passou – literalmente-, e Peyton e Brooke mostraram ter uma das amizades mais sólidas do mundo das séries. Hoje, com a saída de Hilarie Burton da série, os fãs ficaram órfãos desse relacionamento tão cultuado e ainda mais desgostosos com a ausência de Peyton no recente casamento de Brooke e Julian. Agora é torcer para uma aparição da loirinha no episódio final de One Tree Hill. (Luciana Santos e Maria Clara Lima)

Personagens: Scott e Stiles
Série: Teen Wolf

Na série Teen Wolf, a dupla Stiles e Scott é a prova de que é possível existir amizade entre criatura sobrenatural e ser humano. Quando Scott foi mordido por algo misterioso e começou a se comportar de maneiras diferentes, Stiles, com sua inteligência e companheirismo, não sossegou enquanto não descobriu o que estava acontecendo com seu amigo de colégio. Após descobrir que o jovem se tornou um lobisomem, Stiles virou a mão direita do lobinho e prontificou-se em ajudar Scott a controlar suas raivas e ansiedades para não se tranformar. Juntos, tentam desvendar os mistérios e suspenses causados pelos lobisomens na cidade de Beacon Hills, Califórnia. Stiles se mantém tão fiel ao amigo desde o início da série que, mesmo com a chance de poder ser atacado e morto pelo lobinho, não abandona o companheiro. (Anderson)

Personagens: Adelle e Topher
Série: Dollhouse

Adelle e Topher eram dois personagens que poderiam ser considerados pessoas extraordinárias. Topher, o gênio que inventa a tecnologia capaz de “limpar” o cérebro de pessoas e prepará-lo para receber todo o tipo de memórias, sentimentos e habilidades. Adelle, uma alta executiva recrutada por sua experiência em projetos envolvendo tecnologia biomédica de ponta, sua sagacidade e sua total frieza e cinismo. Duas pessoas tão singulares só poderiam mesmo encontrar uma amizade à altura um no outro, porém as personalidades totalmente diferentes fazem com que só depois de serem expostos a uma droga que acabava com a inibição e passarem horas se comportando como crianças, eles se tornem próximos. Porém depois aí, a relação dos dois só se intensifica, chega a passar por uma grande crise na metade da segunda temporada quando Adelle trai a confiança de seu protegido, e por fim atinge seu ápice quando o mundo é ameaçado pela tecnologia da Dollhouse, Topher é acometido por culpa até chegar ao ponto da loucura anos depois, e a Adelle dedica a sua vida a cuidar dele como de um filho. Uma amizade complexa, entre duas pessoas nada perfeitas e em vários momentos, moralmente questionáveis e egoístas, e que mostrava que até pessoas capazes das piores coisas são humanas, são capazes de amar, e apreciam serem amados. (Thaís Afonso)

Personagens: Mal e Zoe
Série: Firefly

Por serem os únicos sobreviventes da Batalha do Serenity Valley, Mal e Zoe se conhecem em um nível único em Firefly. O relacionamento dos dois é definido principalmente por uma confiança e respeito inabaláveis, algo que é mostrado de forma sutil, mas sempre consistente durante a série. Zoe é a segunda em comando e está sempre pronta para apoiar até as decisões mais loucas que Mal toma e, é claro, cobrir o Capitão quando elas não dão muito certo, o que ocorre com uma certa freqüência. Ela ainda dirige-se a ele como “Sir”, mesmo não havendo mais uma hierarquia militar para seguir e isso ajuda a manter o tom da tripulação e a linha de comando dentro da Serenity. Zoe faz questão de que todos saibam quem está no comando da nave e que lhe empreguem o devido respeito, além de ser a única pessoa a quem Mal dá ouvidos e liberdade para contrariar suas decisões. Por vezes Wash, marido de Zoe, sente-se ameaçado por essa lealdade cega que une sua esposa ao Capitão Reynolds, já que sua opinião frequentemente vai de encontro com a de Mal, porém sabe que esse vínculo, criado entre soldados que já sobreviveram às mais difíceis situações, é algo que com o qual ele terá que conviver. (Luciana Santos)

Personagens: Walter Bishop e Astrid Farnsworth
Série: Fringe

Walter Bishop passou 17 anos internado no instituto Saint Claire, saindo de lá para auxiliar a Divisão Fringe, ao lado da agente Olivia Dunham e de seu filho Peter Bishop, que é também o tutor legal do pai. Além do trio, temos mais alguns agentes nesse grupo, incluindo Astrid Farnsworth, a agente júnior do FBI que é designada a auxiliar o cientista em seu laboratório em Harvard. Inicialmente, parecia que a jovem estaria ali apenas para ajudar e se espantar com os devaneios do cientista “doidinho”, mas apesar de Walter raramente acertar seu nome (chamando-a de “Asterisco”, “Asterix” e outros), a dupla criou um vínculo de amizade bem peculiar e interessante. Astrid está sempre ali para Walter, seja comprando os ingredientes para as experiências culinárias dele, ouvindo suas histórias e ajudando a cuidar da vaca Gene, até ao apoio em momentos extremamente dramáticos, como quando Walter saiu de casa sozinho e não lembrava como voltar, a revelação do segredo sobre o seu filho Peter e a culpa do cientista relacionada à realidade paralela. Uma amizade que não se apega às diferenças, sejam de personalidade ou de idade, mas apenas ao carinho. (Eddie Tertuliano)

Personagens: House e Wilson
Série: House M.D.

Muita gente não entende como House e Wilson conseguem ser amigos por terem personalidades tão diferentes. Apenas quem conhece esses dois personagens muito bem, consegue perceber que apenas Wilson entende House de verdade e que House não conseguiria viver sem Wilson. Os dois podem até discutir, discordar, ficar um tempão sem se falar, mas no final, um serve de apoio para o outro. Quem não se lembra quando Wilson comprou o apartamento que Cuddy tinha escolhido para morar com o namorado? Ou quando House, durante um episódio inteiro, tenta impedir Wilson de fazer um transplante de fígado porque tem medo que o amigo possa morrer? House precisa perseguir Wilson para encher seus ouvidos de problemas, piadas e reflexões médicas. O público pôde perceber a importância desta amizade nos momentos mais engraçados e descontraídos da série tanto quanto nos momentos mais tristes, com a morte de Amber e do pai de House. Hilson é considerado um bromance (‘brother’ + romance). (Juliana Baptista)

Personagens: Turk e J.D.
Série: Scrubs

Christopher Turk e Jonathan Michael Dorian são melhores amigos. Eles estudaram juntos, almoçaram juntos, pensaram besteira juntos, aprontaram e riram juntos. A amizade de J.D.e Turk não só era pura e verdadeira, mas uma das mais cômicas da história recente da televisão. Apesar das diferenças aparentes, os dois gostavam de videogames, filmes, televisão, garotas – uma típica amizade masculina. Apesar de um ser fortão e o outro ser um ‘nerd’, a definição para os dois fugia da opinião: Turk e J.D. eram como ‘unha e carne’ – como eles mesmos já se definiram, agiam como um casal. A partida de J.D. do centro médico deixou Turk com o coração em pedaços, afinal, eles nunca tinham se separado antes. Com certeza, sem os dois, nada seria o mesmo nos corredores do hospital Sacred Heart. (Maria Clara Lima)

Personagens: Liz Lemon e Jack Donaghy
Série: 30 Rock

Jack e Liz tem a relação mais estranha que qualquer casal de amigos pode ter. Ela é a definição da desordem, ele é a organização em pessoa. Ao mesmo tempo que certas atitudes são extremamente previsíveis, Jack e Liz sempre acabam surpreendendo aqueles que não os conhecem. Logo no primeiro episódio da primeira temporada, Liz descobre que seu antigo chefe foi demitido e substituído por um novo. Esse novo cara é Jack, e é logo nesse primeiro encontro que já percebemos qual será o tipo de relação que eles terão. Nas palavras de Liz, Jack é seu “marido de trabalho / tio”. Para Jack, Liz é sua “colega de trabalho / irmão mais novo”. Entre eles, nenhum assunto está fora dos limites. Um sempre tem alguma nova lição a ensinar ao outro – na maioria das vezes é Jack quem conserta as burradas de Liz, mas isso não vem ao caso. Numa relação onde o carinho é mutuo mas raramente expresso, ninguém pode afetar o perfeito mecanismo que é a amizade de Liz e Jack. (obs.: Avery, esposa do Jack e mãe da filha deles, já tentou mantê-los separados durante uma extensa crise de ciúmes provocada pela gravidez. Acho que não é necessário dizer que o plano foi por água abaixo.) (Aline Diniz)

Comemore o Dia do Amigo acompanhando na nossa série de postagens na Semana Especial da Amizade. Aproveite e indique o TeleSérie para um amigo no Twitter e no Facebook. Deixe também uma mensagem para o seu melhor amigo no Twitter, usando a ‘hashtag’ #amigoteleseries. As mensagens mais criativas aparecerão em um ‘post’ especial no final da semana.

Séries citadas:

Os textos assinados pela Redaçao TeleSéries são textos de autoria coletiva ou notícias escritas por um redator anônimo, mas sempre revisadas com a máxima precisão jornalística.

17 Comments

  1. Mariela Assmann

    Eu sou suspeita para falar, mas AMO os especiais do TeleSéries. E esse, assim como o de Friends, ficou, além de super bem formulado e escrito, muito FOFO! Parabéns, pessoal! =)

  2. Maria Clara Lima

    Concordo, Pedro. 

    Adoro amizades, principalmente quando realmente rola amizade entre homem e mulher – que dizem ser impossível. 

    Dessa lista, posso dizer que foi uma honra escrever sobre One Tree Hill com a Luciana, minha eterna Peyton. =]]]

    Essa lista poderia ser infinita, eu sei. =]

  3. Rafael Ruiz

    Hilson? Hahahaha Não sabia que as pessoas chamavam o “bromance” deles assim. Mas, realmente, só que m realmente entende os dois personagens para entender que eles são amigos de verdade. 
    E o que falar de Jack e Liz? É perfeito! Que dinâmica louca eles tem. Estes episódios que a Avery tem ciúme são muito bons!
    Fatou o Seth e o Ryan e o Chandler e o Joey!

  4. Gabriela Assmann

     Adorei! Antes de abrir o post pensei que não podia faltar Astrid e Walter e House e Wilson. Adoro a amizade deles.
    Chloe e Clark também tinham uma amizade muito fofa!

    Podiam ter incluido Serena e Blair. Aos trancos e barrancos, depois de brigas, traições… a amizade delas permanece viva e forte.

  5. Juninho

    Nossa Adelle e Topher,que saudade de Dollhouse,foi apartir do ultimo episodio da primeira temporada da série intitulado “Epitaph One” (episodio que na época não foi exibido na tv),que podemos ver o carinho de Adelle por Topher,e todo cuidado que ela tinha com ele,depois que o mundo chegou ao caos e Topher enlouqueceu,a cena foi bem bonita.

  6. Juliana Baptista

    Quando vi que existia Huddy, fui pesquisar se existia Hilson e existe! Achei um máximo, a relação dos dois não poderia ser melhor definida do que um Bromance :D

  7. Rafael Ruiz

    Assisti ontem ao episódio que o Wilson doa parte do fígado dele. Este episódio mostra como o House se preocupa com o Wilson e o medo dele morrer. Muito bom o episódio.

  8. Anônimo

    não tem muito a ver com o post em si [que tá SUPIMPA!] mas gostaria de deixar registrado que adorei a imagem de chamada na capa, com as duas ovelhinhas: awww!

  9. Maria Clara Lima

    A parte que eu mais curto de fazer especiais é bolar uma capa bacaninha, que chame atenção! =]]] Obrigada por ter notado!

  10. Thais Carreira Afonso

    Como eu adoro Liz Lemon e Jack, e agora, a amizade parecida e tambem maravilhosa entre Leslie Knope e Ron Swanson.

  11. Mariela Assmann

    Realmente, as ovelinhas foram um espetáculo a parte. Elas são fofas demais. Ah, e tuas capas são sempre ótimas, Clara. =]

  12. Eddie

    Quando começamos a planejar esse especial, pensei em Astrid e Walter justamente por ser uma amizade tão forte e interessante, algo que eu realmente não esperava, achava que ela seria só uma secundária, quase figurante.

  13. Pingback: Fringe – Wallflower

  14. Pingback: Fringe – Wallflower

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account