Log In

TV Brasil

Destaques da Semana – Brasil – 17/10 a 23/10

Pin it

E de agora em diante será assim: toda semana teremos algumas estreias na TV por assinatura. Tá difícil montar sua grade de programação? É só acessar diariamente a nossa coluna!

Segunda, 17/10

Enlightened - Piloto
A segunda-feira chega com quatro (!!!) estreias na HBO. A nova programação do canal de TV premium abre às 20h, com a estreia da segunda temporada de How To Make It In America. Às 20h30 chega o terceiro ano de Bored To Death. Às 21h, temos uma a estreia de Enlightned. Na série, a atriz Laura Dern (vencedora de um Golden Globe pelo telefilme Recontagem) faz o papel de uma executiva que vai parar em uma clínica de reabilitação após ter uma crise nervosa. Fechando à noite, às 21h30, estreia o terceiro ano de Hung.

Na Sony, tem CSI (21h, 12×02), Grey’s Anatomy (22h, 8×03, leia a resenha aqui). Fechando a noite, às 23h, chega a quinta temporada de Private Practice. O novelão médico retorna com o episódio God Laughs, em que os médicos lutam para salvar a vida de Pete.

Na Fox, 21h, episódio 3×05 de White Collar, com participação de Madchen Amick (leia a resenha aqui). Às 22h, temos o segundo episódio de Terra Nova (leia a resenha aqui).

No Studio Universal, 22h30, estreia o drama Ringer. Para mais informações, clique aqui.

Na Warner Channel, voltam os inéditos de Harry’s Law (21h, 1×10) e The Mentalist às (22h, 3×22).

No SyFy, 21h, episódio 3×11 de Sanctuary. E, às 23h, vai ao ar o episódio 2×03 de Haven (confira também a review do episódio).

No Boomerang, 20h, tem Hellcats (1×17). No AXN, 21h, tem Law & Order: Criminal Intent (10×05). No Space, 21h, tem Justified (2×11). No Globosat HD, 22h, sexto episódio de Mafiosa. No A&E, às 23h, vai ao ar o quinto episódio de The Killing. Às 23h30, vai ao ar o terceiro episódio da série brasileira Oscar Freire 279.

Terça, 18/10

E a fall season da Warner começa nesta terça-feira com a estreia do drama Person of Interest. O programa é uma das estreias mais aguardadas da temporada 2011-2012, por conta da conjunção de talentos que reúne: o produtor JJ Abrams (Lost, Fringe), o roteirista Jonathan Nolan (Batman – O Cavaleiro das Trevas) e os atores Jim Caviezel (da minissérie O Prisioneiro, em sua estreia na TV americana), Michael Emerson (em seu primeiro papel na TV após Lost) e Taraji P. Henson (de Justiça Sem Limites). O seriado vem dividindo opiniões narrando a história de um cientista e um ex-agente da CIA que trabalham juntos prevenindo que crimes aconteçam. Vai ao ar às 21h.

The Walking Dead - What Lies Ahead
Já na Fox, às 22h, estreia no Brasil a aguardada segunda temporada de The Walking Dead. O seriado de terror retorna com o episódio What Lies Ahead, que mostra Rick levando o grupo para fora de Atlanta e encontrando uma nova ameaça na estrada.

No Sony Spin, às 21h, vai ao ar o terceiro episódio de Melissa & Joey. Às 21h30, vai ao ar o episódio 2×07 de 18 to Life. Na Sony, 22h, tem o terceiro episódio de The X Factor.

No AXN, 21h, oitavo episódio de Criminal Minds: Suspect Behavior. No Globosat HD, tem reprise de Robin Hood (21h, 2×10) e Republic of Doyle (22h, 2×04). No Glitz, 21h, tem Gossip Girl (4×16). No Liv, 22h, tem Parenthood (2×21).

Quarta, 19/10

No AXN, 21h, estreia o drama Combat Hospital (em instante nota com mais informações). Logo após tem In Plain Sight (22h, 4×04).

Men of a Certain Age - Hold Your Finish
ALERTA, ALERTA! ALERTA DE CAGADA NA PROGRAMAÇÃO DA WARNER CHANNEL! O canal programou para esta quarta-feira, 20h30, a exibição do episódio 1×21 de Outsourced. Ou seja, se confirmado, eles simplesmente vão pular sete episódios inéditos. Inacreditável. O canal exibe ainda Chuck (21h, 4×13, review da Tati aqui) e, fechando a noite, o episódio final de Men of a Certain Age (22h, 2×12). O episódio Hold Your Finish mostra Joe estreando no torneio sênior de golfe e Owen discutindo com o pai o futuro da concessionária.

No Sony Spin, 21h, episódio 1×10 de Teen Wolf. Na HBO Plus, 22h, vai ao ar o episódio 8×07 de Entourage. No Universal Channel, 22h, 11º episódio de Shattered. No Maxprime+, 22h, vai ao ar o 12º episódio de True Justice. No A&E, 22h, reprises de Weeds dubladas. No Eurochannel, 23h, vai ao ar o nono episódio de Anna Pihl.

Na Sony, episódio 10×02 de CSI:Miami, às 21h. Logo após, tem episódio duplo de The X Factor.

Quinta, 20/10

Momento editorial: Que coisa triste esta dublagem de Combat Hospital, sem a opção do áudio. Sério, vontade que eu tenho é excluir da coluna todo o conteúdo exibido sem áudio original: esta série de hospital, Teen Wolf, os seriados de sábado do FX, a programação do Space, The Killing, mandar tudo longe…

Gravity - One Cold Swim Away
Quinta é dia The Listener (Fox, 21h, 2×04), reprise de Dexter (Liv, 22h, 2×06), Damages (AXN, 22h, 4×03), Hot in Cleveland (TBS, 22h30, 1×03). E às 23h, no Globosat HD, tem a minha queridinha do momento: a excêntrica Gravity. No terceiro episódio da temporada, quem ganha espaço é o suicida Jorge – no programa veremos ele iniciando a carreira em stand up comedy e descobriremos o que o levou a tentar se matar.

Sexta, 21/10

Hoje é dia The Office (FX, 16h, episódio 7×12, segunda parte do especial de Natal), Futurama (Fox, 20h, episódio 6×15) e Dilemas de Irene (GNT, 22h, episódio 12).

Sábado, 22/10

No FX, 13h, 12º episódio de Bobs’s Burgers (dublado). No Globosat HD, 20h30 (mais tarde), tem o quarto episódio de Whites e, às 22h30, Murdoch Misteries.

Na Sony tem America’s Next Top Model (21h, 15×11). E, oficialmente, deveríamos ter hoje o final de temporada de Parks and Recreation. Mas o guia eletrônico da Net está programando a reprise do episódio 3×15, para às 2h da madrugada. Melhor checar, de qualquer jeito.

Domingo, 23/10

No FX é dia de Terriers (11h, 1×12), Chicago Code (12h, 1×12) e de reprise editada de Spartacus (1×12). No Universal Channel, 19h, tem Rookie Blue (2×12).

No canal SyFy, às 21h, tem o episódio 4×15 de Eureka.

No TCM, 22h, vai ao ar o terceiro episódio da minissérie Os Pilares da Terra.

Na HBO, às 21h, vai ao ar o episódio 2×03 de Boardwalk Empire. Às 22h, tem o oitavao episódio de Prófugos.

E até segunda!

Séries citadas:

É jornalista, pós-graduado em Jornalismo Digital pela Pucrs e trabalha com produção de conteúdo para Internet desde 1995. É editor de internet do Jornal do Comércio, de Porto Alegre. Fundou o TeleSéries em agosto de 2002. Na época, era fã de The West Wing, The Shield, Família Soprano e Ed. Atualmente é viciado em The Good Wife, NCIS, Game of Thrones e Parks and Recreation.

236 Comments

  1. Tadeu Mascarenhas

    Adriana,
    Quando eu estava terminando de falar com a atendente da SKY eu disse: Eu sei que a minha reclamação não vai adiantar nada, mas pelo menos eu mostrei a minha indignação.
    E a atendente me respondeu o seguinte: ” Adianta sim, principalmente se vários assinantes tiverem a mesma reclamação”.
    Então faço um apelo quem puder e está insatisfeito como eu com essa situação da dublagem, tire um tempinho e ligue para as suas operadoras e mostre tb a sua insatisfação.

  2. Flávia Ribeiro Varsano

    Eu não acho que seja produtivo usarmos termos como idiotização e imbecilização, porque acredito que tem gente aqui que prefere dublagem e que isso não os torna idiotas ou imbecis. Nos Estados Unidos, na França, na Itália, na Espanha, em tudo quanto é canto para onde já viajei, e estou falando de primeiro mundo, há muitos cinemas passando filmes adultos dublados. E não considero isso uma demonstração de idiotização ou imbecilização daqueles povos, ou de qualquer povo.
    A questão aqui é que pagamos, caro, por um serviço. E esse serviço deve contemplar a todos os seus assinantes: os que preferem dublagem, e os que preferem áudio original e legendas de qualidade (coisa que Sony e AXN não oferecem, com suas legendas cada vez piores e sem sincronia). A Fox, que começou errando, hoje percebeu seu erro e oferece esse duplo serviço, com qualidade. Eu não assisto série dublada. Mas respeito quem assiste.
    Isso sim deveria estar sendo cobrado. Sem agressões desnecessárias.

  3. Brian Robson

    Pior que nao e bem assim. O Telecine Pipoca tem muita mais audiencia que varios canais básicos. Pra ter uma ideia, o Sony chega a estar em pacotes basico do basico e nem mesmo assim figura entre os 20 + assistidos, coisa que o Telecine Pipoca consegue fácil.  Não é só uma questao de ser canal básico, a dublagem atrae sim um grande publico, a gente nao sabe isso direito pq esse publico é o mesmo que nao fica muita na internet.

  4. Denise

    Concordo com vc Claudio, o povo brasileiro tem preguiça de ler e de aprender. Eu tive aulas de inglês somente nas 7ª e 8ª séries do antigo ginásio e hoje, após 16 anos de tv à cabo, consigo baixar e assistir seriados sem legenda. ODEIO dublagem tb e, se o canal não fornece opção de audio, baixo e assisto do jeito que gosto.

  5. Anônimo

    muito bom, flávia! a falta de opções dos canais e a agressividade contra aqueles que preferem um tipo de áudio que não seja igual à preferência de quem agride têm a mesma origem: o desrespeito pelo Outro, e são igualmente graves, devendo ser debatidos e combatidos com a mesma ênfase.

    sou sua fã!

  6. Flávia Ribeiro Varsano

    Pois é, Lu! As pessoas não percebem que quem prefere dublagem não está errado, porque é uma questão de gosto, não de certo ou errado. Quem está errado são os executivos dos canais, que não conhecem seu público e não oferecem um serviço de qualidade.

  7. Fernando dos Santos

    É isso mesmo.O negócio é pressionar os canais e as operadoras para que elas disponibilizem os recursos de audio original e legendas pois o publico que sustentou as operadoras e canais pagos durante quase vinte anos não pode ser tratado dessa forma.Eu já comecei a mandar e-mail para o Sony e AXN e vou começar a mandar também para SKY solicitando que os canais de séries mantenham a opção de som original e legendas.

  8. Fernando dos Santos

    Num outro site alguém comentou que no caso dos Estados Unidos a preferencia pela dublagem se deve ao fato do americano médio assistir pouquissimo conteudo de lingua estrangeira.Lá o sujeito nasce,cresce e passa a vida assistindo filmes americanos,seriados da televisão americana,novelas americanas(as soap),realitys americanos, etc,etc,etc.
    Eventualmente o americano médio assiste uma ou outra produção estrangeira e mesmo nesses casos o americano escolhe na maioria das vezes assistir produções de outros países de lingua inglesa como Reino Unido,Canadá e Austrália.O americano comum só vai assistir produção em lingua estrangeira em ultimo caso.
    Agora quanto a preferencia pela dublagem em países como França,Espanha,Italia entre outros eu não sei quais são as causas.Só queria frisar que a preferencia pela dublagem nos Estados Unidos talvez se dê por motivos diferentes da preferência no Brasil.

  9. Cláudio

    Caras, discordo de vcs. Acho que a opção por dublagem não é uma questão de preferência e sim por comodidade. Concordo que devam haver as duas opções, porém optar pelo mais fácil, pelo mais cômodo é sim, ao meu ver, contribuir com a falta de cultura que assola o país. Não interessa se os países desenvolvidos tbm adotam essas péssimas medidas. Acredito que devamos copia apenas as coisas boas. A voz faz parte da interpretação de um ator. A maneira como ele fala e como coloca as coisas é importantíssima. Por melhor que seja a dublagem, é impossível reproduzir a originalidade e real intenção do ator. A dublagem é um estupro ao trabalho do ator. Agora o processo de idiotização e imbecilização do povo brasileiro é gritante e basta ligar a TV aberta para comprovar isso (talvez a TV Brasil seja o único canal aberto com uma programação realmente diferenciada e voltada para a cultura). Me perdoem se no meu país ideal e utópico, as pessoas não só não teriam preguiça de ler como gostariam de fazê-lo. Quem sabe um dia, sonhar não custa nada! Abços.

  10. Flávia Ribeiro Varsano

    Cláudio, eu só acho que as pessoas podem defender seus pontos de vista sem precisar agredir ao outro. E que a opção pelo aúdio original e legenda de um não exclui a opção por dublagem de outro. As duas podem coexistir. Basta quem comanda os canais por assinatura ter bom senso e boa vontade. E basta nós, telespectadores, termos boa vontade também uns com os outros.

  11. Flávia Ribeiro Varsano

    Fernando, na verdade não me interessam bem os motivos – até interessam, mas não nesse momento. Até porque devem ser muitos motivos dentro de cada país, um telespectador não é igual ao outro. O que me interessa é que há um público grande que prefere a dublagem, e outro que prefere o áudio original com legenda, e que os dois não são excludentes. Vou continuar me manifestando nos murais de facebook e mandando e-mails para canais, como o AXN, que estão dublando sem oferecer a outra opção. Não sou contra dublarem. Sou contra dublarem e não darem a opção do áudio original e legenda.

  12. Cláudio

    Flávia, acho que a questão é maior do que a simples dublagem ou não. É lógico que é possível que as duas opções convivam pacificamente, com cada um optando pelo que mais lhe interessa. A minha revolta não é porque se trata de gostar mais da cor vermelha ou gostar mais da cor azul. A questão é muito maior. Se trata da situação do país como um todo. O brasileiro (e isso infelizmente é fato) é cada vez menos politizado, cada vez menos tem acesso a cultura de qualidade, cada vez menos exerce sua capacidade crítica. Acho que a dublagem dos programas contribui para isso. Então quando digo que é um processo de idiotização e imbecilização, isso é apenas uma constatação do que é claro, do que vem ocorrendo a anos no Brasil, país cada vez mais obituso em que as pessoas realmente optam pela dublagem porque tem preguiça de ler, preferem tudo mastigado, só que não percebem que a opção pelo mais cômodo está sim, diminuindo cada vez mais sua capacidade de ler e compreender, portanto emburrecendo-as. Basta um simples correr de olhos pelos comentários pra constatar o que estou dizendo. Os erros de português que as pessoas cometem aqui e em qualquer outra canal de discussão envergonhariam qualquer um com mais de 2 neurônios. Então, que tenhamos as duas opções, mas que os brasileiros interessados em crescer e não engrossar as estatísticas de analfabetos funcionais, optem pelas legendas (ou áudio original).  

  13. Adriana

    Pessoal, acabei de ligar e fazer a reclamação junto à SKY. Inclusive, deixei bem claro para a atendente que somos clientes SKY e não dos canais sony, axn e fx, por exemplo. E que se ficarmos insatisfeitos, deixaremos de ser clientes SKY, isso sim.

    Disse que era uma obrigação da SKY exigir dos canais que, doravante, exibissem sua programação dublada a opção de audio original e legendas para os clientes que assim desejassem, ainda mais se já havia a tecnologia disponível (haja vista que a FOX já faz isso).

    Temos que ser implacáveis com as prestadoras e os canais. Em uma época em que se valoriza a diversidade, há de existir democracia até quanto a forma de se ver TV: dublada ou legendada, o importante é que dá sim para agradar gregos e troianos. Vamos reclamar gente!

  14. Fernando dos Santos

    Flavia eu achei interessante mencionar o caso dos EUA para lembrar que quando mencionamos que há outros países que preferem dublagem devemos levar em conta também os motivos dessa preferência podem variar de um país para outro.Nos Estados Unidos essa preferência se dá por motivos bem diferente dos motivos do brasileiro.
    No mais concordo com você e com todos que vem fazendo campanha para os canais pagos oferecerem as duas opções.Eu mesmo já aderi ao movimento.

  15. Fernando dos Santos

    Não precisa se desculpar.O debate de idéias e opiniões sempre é algo produtivo.

  16. Thiago FLS

    É isso mesmo, parece que a Fox só adquiriu a primeira metade da sexta temporada por enquanto.

  17. Célia Regina

    Eu estou deprimida com essa história de dublagem. Pago muito pra ter que aturar umas vozes irritantes. Aprendi a baixar, paguei pelo Fileserve e vou abandonar a NET em breve.
    Eu sou professora à noite. Na hora do intervalo, alguns professores ligam a TV com o som nas alturas pra assistir novela. Argh! Eu tenho que sair da sala dos professores poque tenho ânsia de vômito. Odeio a globo, odeio SBT, Record, Band e agora também odeio a TV paga com programas dublados!!!

  18. Tadeu Mascarenhas

    A capa da revista MONET do mês de novembro é HOUSE algemado.

    Abaixo as dublagens.

  19. Anônimo

    De segunda ate quarta o canal Sony estava sem legenda, reclamei e vc nem imaginam o canal desde então esta fora do ar!!
    e para surpresa a fox desde ontem também!!! palhaçada…..

  20. Thiago FLS

    Se passar o episódio 3×15 de Parks and Recreation hoje, não vai ser reprise, pois no sábado passado foi exibido o 3×13, que tinha sido pulado anteriormente. Mas a Sony já fez tantas cagadas com essa série que nunca se sabe o que eles vão aprontar.

  21. Célia Regina

    Help! Baixei o piloto de Prime Suspect e adorei! Agora, tentei baixar os episódios 2,3,e 4 e sempre dá erro! Alguém me ajude!

  22. Thiago FLS

    Eeeeee a Sony pulou o 3×15 e está passando o final da temporada. É rir para não chorar.

  23. Angela Mara Correa

    Quem se programou para ver a reprise de Ringer, programada para hoje pela Studio Universal, verá seu desejo frustado: a reprise nem aparece na programação.

  24. Giselle Prudente

    Ai ! Será que não vai ter reprise de Ringer ? Em todo caso vou dar uma olhada !
    Hoje vou de Boardwalk Empire , Prófugos e se tiver Ringer.

  25. Célia Regina

    A protagonista de The Killing ficaria melhor como Jane em Prime Suspect., in my opinion!

  26. Célia Regina

    me perdoem pela ignorância! e, please, me ajudem! Eu paguei uma conta premium fileserve. Então, por que eu tento baixar algumas séries e demoram até mais de seis horas o download?

  27. Brian Robson

    Pq nao importa ter conta Premium, sua internet tem um limite X d taxa d download, premium ou nao, a velocidade de download nunca sera superior a velocidade contratada

  28. Paulo Serpa Antunes

    Thiago, infelizmente você estava errado. A Sony acabou passando a season finale – tanto no sábado de manhã com na madrugada do domingo.
    Vou baixar os dois episódio que não vi, o 13 e o 15, e partir pro download da quarta temporada. A Sony não merece a nossa audiência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account