Log In

Especiais

Conheça o efeito do “tiroteio Columbine” nas séries de TV

Pin it

O Dia da Escola é uma homenagem ao segundo grupo mais importante na vida das pessoas, depois do grupo familiar. Crianças e adolescentes não só aprendem todos aqueles assuntos considerados importantes para sua formação, como Língua Portuguesa e Matemática, mas também crescem como indivíduos que interagem e se desenvolvem dentro do ambiente escolar. Apesar de a escola ser imprescindível para a evolução das pessoas, por ter uma variedade de ideias, costumes e culturas, ela também se torna um espaço de conflitos.

Problemas entre estudantes são rotineiros e fazem parte do desenvolvimento dos alunos que amadurecem com o tempo. Mas, acima de tudo, a intenção dos professores é permitir que eles possam se identificar como indivíduos.

Do ponto de vista do professor ou do ponto de vista do aluno, muitos atritos podem acontecer pelo fato de que a socialização é um algo difícil de se conceber. O bullying e as brincadeiras de mau gosto fazem parte daquilo que por muito tempo foi considerado apenas como “brincadeira de escola”. Hoje, se transforma em algo que complica a vida de crianças e adolescentes que sentem-se acuados e psicologicamente retraídos

Um dos tiroteios mais relembrados no mundo, na escola Columbine em 1999, vem à tona, já que este foi um dos maiores massacres na história dos Estados Unidos. O caso completará 14 anos em abril desse ano e foi motivado por dois rapazes de famílias de classe média alta do Condado de Jefferson, Colorado, que entraram atirando em uma das melhores escolas do ensino médio dos Estados Unidos e se mataram em seguida. Uma das possíveis causas divulgadas pela mídia foi o fato de que os rapazes sofreram bullying dos atletas da escola.

Foi por meio da TV que roteiristas americanos decidiram abordar o assunto da violência na escola de formas diferentes em seus seriados. Além disso, o impacto do acontecimento também foi retratado em filmes, como Elefante (2003), de Gus Van Sant, e no documentário Columbine (2002), de Michael Moore. Confira abaixo a lista de alguns episódios que trataram do tema:

Law & Order: Special Victims Unit

Episódio: Manic (2×05)

Um jovem menino é o confundido com um sobrevivente em um tiroteio que matou dois outros estudantes. Mas, o que ninguém sabia é que o menino era o atirador, uma vez que ele sofrera bullying na escola e tinha constante uso de medicação para depressão. Seus remédios, fornecidos por uma indústria farmacêutica suspeita, são considerados, então, como um dos fatores que desencadearam o seu poder de violência. Assim, os detetives Stabler e Benson tomam providências diante da investigação da empresa farmacêutica para realmente descobrir quem foi o vilão da história.

NUMB3RS

Episódio: Dark Matter (19×02)

Um dos atiradores é encontrado após o massacre em uma escola. Porém, seu parceiro, que não foi localizado de imediato, é reconhecido como participante de um grupo nerd de jogadores de games online e é morto na sua tentativa de escapar enquanto ele estava em um cybercafé. Fim de história? Não. Quando Charlie (David Krumholtz) percebe que havia um outro atirador, após analisar novamente os arquivos da escola, ele encontra a parte que faltava nesse quebra-cabeças. A estudante jornalista usava os nerds para atacar diversos alvos na escola, como os atletas que a estupraram em uma festa.

NOTÍCIAS | Kevin Bacon e equipe de ‘The Following’ enfrentam críticas em convenção nos Estados Unidos

Cold Case

Episódio: Rampage(1×04)

Os detetives reabrem um caso de 1995, o qual se refere a um tiroteio em um shopping que resultou em 15 mortes e o suicídio de dois jovens rapazes. Só depois muitos anos que foi percebido a presença de uma terceira pessoa, a que filma o acontecimento, e que também poderia revelar o que de fato se deu naquele dia. A dúvida paira no ar: é o segurança do shopping? Um outro rapaz que também não estava satisfeito com sua vida? Outra menina que também teria sido molestada?

One Tree Hill

Episódio: With Tired Eyes, Tired Minds, Tired Souls, We splet (16×03)

Os produtores da série decidiram tocar nesse assunto logo que o massacre de Columbine aconteceu. Eles trouxeram de volta Jimmy Edwards (Colin Fickes), um rapaz acima do peso e depressivo, que queria vingança sobre aqueles que o frustraram: aqueles que tiravam sarro dele e outros que se achavam populares dentro da escola. Ele se mata e, postumamente, também é responsabilizado por outro assassinato.

 

American Horror Story

Episódios: Halloween Part 2 (1×05) e Piggy Piggy (1×06)

Não é possível explicar e analisar todos os acontecimentos sobrenaturais, mas a FX desafia as expectativas de seu público: a série apresenta Tate (Evan Peters) um atirador de escola que não se lembra de ter cometido seus crimes e nem tem consciência de que é um fantasma. Sua história é o ponto principal em ambos episódios. Ele é confrontado por algumas de suas vítimas e descobre que tem muitos mais vínculos com o mundo dos vivos do que ele imagina.

Outros casos

O mais recente caso aconteceu ainda em janeiro desse ano. Três pessoas ficaram feridas em uma troca de tiros em uma universidade do Texas, sendo que um atirador ficou ferido e o outro continuou sendo procurado pela polícia. Outro aconteceu no final do ano passado, na escola primária Sandy Hook, Connecticut. O massacre foi em uma escola em Newtown e deixou quase 30 mortos. Uma das primeiras imagens que ilustraram o que aconteceu na escola, foi a de diversas crianças chorando fora dela, abraçadas aos pais e aos amigos. Ele foi o segundo maior massacre no país.

No histórico dos Estados Unidos, outros massacres remotam a 1966, quando o estudante Charles Whitman assassinou sua mãe, sua esposa e outras 14 pessoas na universidade em que ele estudava. Em média, os Estados Unidos teve em sua história tiroteiros a cada um ano ou dois.

O maior massacre na história norte-americana aconteceu em 1927, o qual resultou em 45 pessoas mortas. Andrew Kehoe, de 55 anos, colocou uma série de bombas em uma escola em Michigan e explodiu quando o resgate chegou ao lugar.

Séries citadas:

22 anos, jornalista formada pela Unesp de Bauru. Suas primeiras séries foram: Lois & Clark, Veronica Mars, Gilmore Girls e Smallville. Atualmente acompanha: The Big Bang Theory, The Middle, além dos Top Chefs e Master Chefs.

4 Comments

  1. Lari

    Faltou Criminal Minds que tem pelo menos 2 episódios relacionados à massacres em escolas.

  2. Cinthia

    Oi, Lari! Muito bem lembrado… pelo o que me vem a mente, tem o episódio chamado Painless da sétima temporada que também falava sobre o tiroteio que aconteceu em uma escola e que dez anos depois um novo assassino tenta atacar aqueles que sobreviveram.

  3. Catarina

    O ep. de One Tree Hill é fantástico!!! Com um final chocante!!!!

  4. Lari

    Isso, tem o Elephant’s memory da 4ª temporada que não tem massacre na escola em si, mas mostra uma aluna que sofre bullying e a revolta violenta de seu namorado contra os bullies.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account