Log In

Reviews

Castle – The Squab and the Quail

Pin it
Série: Castle
Episódio: The Squab and the Quail
Número do episódio: 5x21
Exibição nos EUA: 22/04/2013
94
4.7
11

Ele veio com uma semana de antecedência, como uma promessa de um clima de ciúme e de uma pegada mais leve. Desde que The Squab and the Quail entrou no lugar de Still, sua atenção foi roubada para o que viria na semana seguinte. Contudo, eu, assim como o restante dos fãs, me surpreendi quando caiu a ficha de que, nessa reta final de Castle, nenhum episódio virá de maneira branda. O episódio dessa última segunda-feira trouxe uma problemática para a série que mexerá com as questões afetivas do casal e que, presumo eu, não será resolvida em apenas 42 minutos.

Antes de tudo, eu preciso soltar o que está preso na garganta: nunca vi, em todo esse tempo que assisto a série, o Castle dar tanta mancada como nesse episódio. É claro que eu já estou cansada de saber como ele é, assim como vocês também sabem como é a cabeça do nosso escritor. Mas ver tantos furos unidos e dados de uma só vez me deixou preocupada. Preocupada e indignada, sejamos sinceros. Quem aqui não teve vontade de fazê-lo comer o controle do xbox após ter ignorado a Beckett daquela forma? O Castle me pareceu, durante todo o episódio, aquele mesmo de anos atrás, que feria a Kate sem ao menos perceber. E ele que vá com o Patel para outra freguesia. Aliás, quem é mesmo Patel?

A esta altura do campeonato, o caso já havia sido iniciado e ele contava com o inventor bilionário, charmoso, sexy e blablabla (quase posso sentir o Castle aprovando isso) Eric Vaughn. E foi no encontro com Vaughn que Castle deu o segundo furo da noite, elencando quem estaria na sua “lista da última ceia” e adivinhem, Beckett não estava nela. A carinha de decepcionada que ela fez só não foi mais dolorosa que a expressão de tristeza da cena final. Aliás, o que não faltou no episódio foram as vezes que Beckett dizia algo e recebia um banho de água fria do Castle. Pouco tempo demorou para que surgissem as perguntas e incertezas – atiçadas por Vaughn e suas quartas e quintas intenções.

O episódio, então, passou a seguir com Eric jogando seu charme, Beckett recuando da maneira que podia e Castle percebendo, aos poucos, que algo estava errado. Talvez nem todos concordem, mas eu acho que a estratégia do episódio estava justamente em levantar essa questão de que, desde o momento que os dois ficaram juntos, eles nunca conversaram sobre o relacionamento deles. Nós nunca tínhamos visto como a Beckett enxergava e sentia a relação dos dois e como seria tê-la sendo posta à prova. E foi exatamente esse o papel de Eric Vaughn no episódio: fazê-la pensar no rumo do relacionamento deles e fazer com que Castle percebesse (mesmo que parcialmente) suas atitudes em relação a ela. E eu estava mesmo achando que a presença dele seria completamente agradável, até ele perguntar se ela fazia ideia do quão extraordinária ela era. Extraordinária. Essa doeu, Marlowe. Doeu lá em Always.

Mas devo confessar que a situação, em um todo, estava divertida. Quem não deu uma risada com a Gates anunciando que Vaughn queria Beckett (e somente Beckett) para vigiá-lo em uma nada mais, nada menos que suíte presidencial? Claro que nessa hora eu já tinha uma noção de que algo aconteceria. Rir do Castle ficando louco para encerrar logo o caso e da Beckett provocando-o não me fizeram deixar de pensar no que o Andrew tinha planejado para acontecer naquela suíte. E ele, como sempre, conseguiu me surpreender.

Para muitos, o (quase)beijo entre Beckett e Vaughn foi o mais assustador e temido momento dessa cena, mas para mim outras coisas fizeram querer arrancar os cabelos. Muito mais importante que o toque de lábios, foi o comportamento da Kate em todos os momentos que sucederam a aproximação de Eric. O que mais me incomodou foi ver tamanhas incertezas que estavam na cabeça dela. Se ela não tivesse hesitado, ele não teria conseguido chegar tão perto. O fato é que as perguntas e reflexões balançaram com as emoções dela, e o pior: Eric quase a beijou porque ela se deixou quase ser beijada. Não a culpo, afinal, ela tinha mil razões para ter suas dúvidas. Mas como em Castle nada é feito de graça, essa questão sobre o que eles são vai voltar a aparecer, e eu, infelizmente, não sei até onde isso pode passar da dúvida para o prejudicial.

Tirando as minhas considerações e unhas roídas por pensar demais no que se passa na cabeça do Marlowe, Castle, que já tinha perdido muitos pontos comigo, teve, enfim, uma atitude condizente com sua idade. Não pensei que ele fosse agir tão calmamente com a confissão do (quase)beijo, mas agiu, e eu jurei ser o início de um novo rumo do episódio. Até mesmo porque, quem prepara uma “noite de massagem completa no corpo todo”, ganha a chance de tentar fazer a coisa certa, pelo menos uma vez.

Tudo dava a impressão de que terminaríamos o episódio com um sorriso no rosto e um brilho nos olhos, mas isso foi de longe o que aconteceu. Porém, discordo da ideia de fazer do Castle o grande vilão da história. Obviamente, por muitas vezes quis bater na cara dele para ver se ele enxergava a mulher que tinha do lado, mas não o considero de todo culpado, ainda mais nessa cena final. Para mim, a resposta que ele dá para “Castle, aonde estamos indo?” não foi de propósito. Nós o conhecemos há o que, 3, 4 anos? Todos nós sabemos o quão disperso ele é, assim como sabemos que ele nunca diria “para o quarto” se tivesse entendido o real sentido da pergunta. Acho que esse embate de visões nada mais é que o Andrew mostrando, como sempre, a realidade de um casal. Aliás, quantas não foram as vezes que nós, mulheres, perguntamos algo que estava além do sentido literal e que, para os homens, isso passou despercebido?

De todo caso, The Squab and the Quail foi, praticamente, uma questão jogada no ar. Ele serviu de carro-chefe para eventuais conversas e descobertas sobre o rumo da relação de Castle e Beckett e, quem sabe, como um campo onde o Marlowe possa trabalhar a season finale e até mesmo a sexta temporada.

De agora em diante, o que não vai nos faltar são revelações e fios soltos para que, no desenrolar da história, eles sejam puxados e amarrados, mantendo a perfeita linha cronológica de Castle. Guardem as emoções para Still e  espero vocês aqui, semana que vem!

P.S1: Lanie, converse com o Marlowe, mude-se para o estúdio, faça qualquer coisa, mas apareça sempre em Castle. Nós não podemos viver sem você e sua mania de falar sozinha.

P.S2: Eu estava morrendo de saudade da Martha e sua habilidade de aparecer por 3 minutos e deixar a cena memorável.

Séries citadas:

Futura professora, 20 anos, estudante de Letras da UFF, monitora de Português do Colégio e Curso pH e amante de uma boa literatura. No TeleSéries é editora de reviews e reviewer de Castle e Bad Judge. É viciada em séries e dizem por aí que shippa praticamente tudo que se move. Fã incondicional de Roberto Carlos, ama também falar em 3ª pessoa.

Website: http://minhaasconfissoes.blogspot.com.br/

16 Comments

  1. keila

    Gostei muito deste episódio, e concordo com sua opinião.

    PS: Só uma coisa eu não concordei no episódio. Achar o Sr. Fantástico mais sexy que o George Clonney???? O Marta! Que isso? rs…

    PS: Vc sabe que vazou o episódio Still né? Eu já até assiste.

  2. Ana Botelho

    hahahahahaha NINGUEM consegue ser mais sexy que o Clooney! haha Martha precisa de óculos, pra ontem! :P Sim, já até baixei e vou assistir daqui a pouco!
    Obrigada por vir aqui e comentar, Keila =)

  3. Cath Gil

    Eu super tive ‘vontade de fazê-lo comer o controle do xbox após ter ignorado a Beckett daquela forma’ o////
    “Doeu lá em Always” – adorei! uhauhauahuah E AMEI os PS! Todos mto verdadeiros! A Marta é uma linda!
    Amei a review! Concordo muito sobre o episódio, principalmente o final. E o que eu mais gosto em Castle é isso. As questões que levam ao auge da temporada não surgem do nada, as principais pelo menos, elas são bem trabalhadas, e de maneira que geram aflição, pq são questões conflitantes… Hmm algo assim. Mas acho (sempre acho isso) que Castle melhora a cada episódio (menos aquele do Espo, foi tedioso – sorry!).
    Aguardo ansiosa sobre Still e The Human Factor… e depois mais ainda sobre o tan tan ran ran que irá ser Watershed. Não perderei suas futuras reviews, mas acho que será difícil não concordar também, pq você vai direto na questão! Rumm Marlowe que nos aguarde se ele bancar o espertinho de novo…

  4. Ana Carolina Mello

    Eu amei esse episódio, pra mim tava faltando isso em Castle, a 5 temporada é ótima mais nenhum relacionamento vive sem uma DR básica e eu achei mesmo que no final iria ter uma conversa de gente grande, mais concordo contigo eu acho que o Castle sempre foi distraido ele é mto inteligente pra deixar a kate sem a resposta que ela mereçe. A um ciúmes é sempre válido ne, eu acho que daqui pra frente vai ser assim, alguns detalhes terão de ser explorados e nem tdo vai ser lindo né, estou doida pra ver o que vem daqui pra frente.
    Anaa, mais uma excelente Review, adoreiiii.

  5. Ana Botelho

    Tenho certeza tbm que o Andrew vai entrar em mais detalhes depois de jogar essa questão no ar. Foi oq eu disse, Castle precisava dessa mexida na relação deles até pq, se ele não fizesse isso, não seria nada igual a realidade hahaha
    Brigada por comentar, Cana *-*

  6. Ana Botelho

    hahahahaha em Castle nada se perde, tudo se transforma :P Gosto dessa ideia cronologica perfeita e da atenção de não deixar nada para tras, sabe… ele nao deixa pontos soltos!

    E vdd, Castle só melhora a cada semana haha e falando do episodio do esposito, não vi ele ate hoje hahaha
    Ah, nem sei como farei pra lidar com as emoções e me concentrar pra escrever algo decente pra vocês na review de Still haha so much to handle :P
    Obrigada por ler, pelos elogios e pelo comentário, Cath :))

  7. keila

    Até aonde sei, não saiu legenda em português, pq não foi oficial. Assiste pelo youtube em alemão mesmo (deu p/ entender a maioria das cenas).

  8. Alessandra Previatti

    Adorei esse episódio… e pra falar a verdade acho que todas nós queriamos que ele se engasgasse com o controle! Mas, afinal qual relacionamento não passa por uma crise, dúvida ou DR??? Adorei o fato que dessa vez ele ficou com ciumes, e não culpo ele por não ter entendido a pergunta dela, é como você mesmo disse, homens tendem a deixar as coisas passar despercebidas.
    Acredito que o “beijo” só rolou pra poder mostrar que ela é sincera com ele.
    E quem não gostou de ver o Castle se contorcendo de ciumes? Tudo bem, ele ja teve ciumes antes, mais agora é diferente, eles são um casal! Achei muito divertido =D
    P.S: A Lanie tem que aparecer mais, amo as manias dela!!!
    Sobre a sua review, foi a primeira vez que li, e posso dizer que AMEI! Ansiosa pra ver a de Still e todas as próximas!!! :**

  9. Ana Botelho

    Tbm adorei o episódio! hahaha e sim, aquele controle deveria estar na garganta dele nessa hora :P
    Tava mesmo sentindo falta de cenas que deixasse o Castle com ciumes pq não somos obrigados a ver sempre uma mulher arrastando a asa pra ele, ne? Tava na hora da Beckett “se vingar” :P
    Fico feliz que tenha gostado da review e espero revê-la por aqui novamente! ((:

  10. Alessandra Previatti

    Não mesmo! Apesar de amar o Castle, amo mais a Kate kkkkk
    Por isso ameei ver ele com ciumes, e tbm foi meio que uma vingança pelo 5×02 né?!
    Ahhh pretendo ler todas as proximas reviews, e comentar tambem néé :D

  11. Ana Botelho

    Sim, as pessoas tem um carinho maior pela Kate hahaha por isso metade dos fãs acabou o episodio com raiva do Castle. Eu entendo, sabe, mas se você for separar os sentimentos e analisar o que cada um é ali, nao vi ngm certo mt menos errado hahaha

  12. Pri M.

    “P.S1: Lanie, converse com o Marlowe, mude-se para o estúdio, faça qualquer coisa, mas apareça sempre emCastle. Nós não podemos viver sem você e sua mania de falar sozinha.”

    THIS. ahuahauhauahuah Fora que tem aquela moça que analisa os videos fazendo companhia pro Espo. Duvido que ela esteja ali só de figurante. Espera pra ver (y)

  13. Pingback: Destaques na TV – sábado, 9/11

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account