Log In

Reviews

Castle – Significant Others

Pin it
Série: Castle
Episódio: Significant Others
Número do Episódio: 5x10
Exibição nos EUA: 07/01/2013
93.166666666667
4.6
6

Em 3 de dezembro de 2012, foi ao ar, nos Estados Unidos, Secret Santa, o episódio de natal de Castle. Na correria de final de ano, acabei demorando para ver o episódio e não escrevi a review. Me desculpo pela falha, e vou falar rapidíssimo sobre ele antes de escrever sobre o que interessa, agora, que é Significant Others.

Não gostei muito de Secret Santa. Esperava mais de um episódio de Natal. Mas ok, ele rendeu bons momentos – alguns bem fofos, até, como era de se esperar. Foi interessante observar como cada pessoa, cada família, constrói sua tradição de Natal, e isso acaba por aproximar algumas pessoas, embora afaste outras. Javi passou o Natal com uma das famílias envolvidas na investigação da morte do Papai Noel (oi? Só em seriado que essas coisas acontecem), depois de perder Ryan para a esposa, e levar um fora de Lanie. Ryan e Jenny estão pensando em pimpolhos, e Javi deu uma forcinha pro amigo. E ainda descobrimos que Iron Gates não curte nadinha a sogra. Além disso, vimos (mais) um pouco de drama na relação de Beckett e Castle, já que ela não queria passar o Natal com ele e preferiu pedir para ser escalada para plantão ao invés de abrir o jogo com ele. Aparentemente, Becks ainda não descobriu que o caminho da ocultação não é o melhor para se trilhar.

Se vocês se recordam, eu não gostei de Swan Song. E After Hours também não foi, para mim, um episódio memorável. Então, eu vinha de 3 episódios “meia-boca”, de forma que fiquei muiiiiito feliz com Significant Others.

Esse episódio foi tããão Castle! Fofo, divertido, engraçado, com um caso bacana e cheio de reviravoltas. E com a presença de Meredith, a tensão e a diversão foram potencializadas. Adorei.

Castle pisou na bola ao deixar a ex-mulher se instalar na sua casa. Isso é fato. Mas Rick é tão bobão, tão sem maldade no coração, que ficou bem evidente que pra ele, não havia MESMO qualquer problema naquele ato de camaradagem. Mas o único que não ficou desconfortável com a presença da espaçosa Meredith foi ele, já que até Aléxis se esforçou para despachar a mãe para Paris.

Mas claro que antes de partir, Meredith provocou alguns atritinhos entre Casckett. Teve o lance do “Castle, eu te dei O olhar. Em quatro anos você ainda não o conhece?”, teve a noz-moscada no café, Meredith andando de calcinha pela casa, Lanie dando na cara da Becks por ela ter deixado o Castle resolver a questão, várias inderetas diretíssimas de Beckett para Castle – aproveitando os ganchos do caso -, o convite para o jantar.

Falando no jantar, ele proporcionou a melhor cena do episódio, e uma das mais engraçadas da história do show. Foi impagável a reação de Rick à peça que Meredith e Kate pregaram nele. Pobre homem, transtornado, pensando que Meredith revelaria alguma coisa realmente ruim para Beckett. E o nervosismo dele foi impulsionado por Ryan e Espo, que ficaram o tempo todo aterrorizando Castle. Eu ri muito.

Mas o único dano causado por Meredith foi contar para Kate o que fez o casamento dela e de Castle não dar certo. E não podemos acusa-la por isso, já que ela estava apenas respondendo um questionamento. Torço, realmente, pra que Beckett não fique toda mimimizenta com Castle por causa do que Meredith falou. É óbvio que Castle sabe muito mais sobre ela do que ela sabe sobre ele. Mas isso é normal, já que Beckett carrega mais drama em sua vida. Quanto ao pai de Castle, nós conhecemos bem o escritor. Ele é uma pessoa prática, feliz com o que tem. Não acho que não conhecer o pai o atormente tanto assim, por isso esse assunto não vem tanto a tona. E Beckett está super próxima do universo de Castle, já que ela tem contato direto com aquilo que o escritor tem de mais importante, que é Alexis. Várias vezes Rick, inclusive, se aconselhou com Beckett sobre a criação da filha. Se isso não é ter confiança, não sei o que é.

Mas apesar da minha torcida, sei que esse assunto será explorado em breve. Só espero que seja apenas explorado, e depois esquecido, e sirva pra unir ainda mais Castle e Beckett. E espero, também, que Kate pare de mimimizar, porque em todo episódio que há alguma espécie de conflito entre eles, parte dela (como a questão da posição social, da ceia de Natal, das ex-namoradas, etc etc…). É MUITO evidente que Castle ama Beckett, e ele já disse isso mais de uma vez. Acho que, por hora, isso deve bastar, não?

Quanto ao caso, preciso confessar que adorei. Muito bacana o twist final, com a culpada sendo uma das ex-clientes da advogada morta, que se presumia morta. Muitas surpresas. E as investigações foram gostosinhas, também, além de hilárias. Porque conviver com casais muito ricos se separando foi bem engraçado.

Enfim, Significant Others foi uma delicinha de se assistir. Espero que depois desse hiato de final de ano, Castle engrene e volte a apresentar só episódios top, como estamos acostumados a ver. Até semana que vem.

P.S.1: vocês , assim como Castle, pegaram a ironia na fala da Martha, sobre hospedagem gratuita? Muito divertido!

P.S.2: ontem a noite aconteceu, nos EUA, a premiação do People’s Choice Awards. Castle ganhou como ‘drama criminal’ favorito, e Nathan como ator de drama favorito. Já Stana perdeu o prêmio de atriz de drama preferida para Ellen Pompeo, de Grey’s Anatomy.

Séries citadas:

Editora Chefe do TeleSéries, gasta boa parte da sua semana com séries. Sua estréia foi com ER, e atualmente assiste - entre várias outras - Grey's Anatomy, Game of Thrones, Suits, Castle e Rookie Blue. Ainda assim, arrumou um tempinho para maratonar Friends, The X Files e Chuck - pela qual se apaixonou, recente e irremediavelmente. Está saindo da crise de abstinência de Fringe graças à Orphan Black.

6 Comments

  1. Mônica Almeida

    Mari, também achei esse episódio uma delícia de assistir, embora eu quase pule na tela pra arrancar os cabelos da Meredith enquanto ela desfilava pelo apartamento de calcinha.

    O caso foi bem legal. Nem por um momento pensei naquele desfecho. E morri de rir com o casal quebrando tudo na casa.
    Só estou achando que a Alexis e a Martha (ela tem as melhores tiradas) deveriam aparecer um pouco mais.

    Parabéns pela review!

  2. Therê

    Adorei este capítulo, não sei se por saudades de ver a série (um mês de espera foi muito longo) ou porque ele trouxe mais um pouco do passado de Castle com suas ex’s.
    A vida pessoal Casket neste capítulo foi tão interessante que a estória criminal do seriado me passou despercebido.
    Como sempre Lanie dando boas falas para Kate.
    Notei que Becket acredita muito no amor de Castle, mas a chamada de sua amiga legista foi bastante válida.
    Imaginei que Meredith fosse dar mais em cima de nosso escritor trapalhão. Ela até que pegou leve, acredito que porque percebeu que o sentimento dele por Kate é verdadeiro.
    Á cada dia Rick e Becket se querem mais, aos poucos esse amor vai se tornar indissolúvel.
    Como sempre ótimo review Mariela, eu estava esperando por ele que me satisfez total/.

  3. Mariela Assmann

    Keila, to atrasada com tudo, nem assistir os episódios consegui. Mas até o final da semana eu faço as reviews atrasadas e depois sigo postando semanalmente =)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account