Log In

Reviews

Castle – Heartbreak Hotel

Pin it

Série: Castle
Episódio: Heartbreak Hotel
Temporada:
Número do Episódio: 4×08
Data de Exibição nos EUA: 7/11/2011

Todos nós sabemos que nem só de bons episódios se faz uma temporada. E que praticamente todos os seriados apresentam um que outro episódio filler eventualmente. E Heartbreak Hotel se encaixou perfeitamente em ambas as categorias. Além de ser um filler, não foi um bom episódio. Até teve seus momentos, mas não foi bom.

E acho que o fato de não ter sido bom foi o distanciamento entre Kate e Castle. Depois de Cops & Robbers e de toda a proximidade entre a dupla, os dois mal se cruzaram nesse episódio. O resultado disso: alguns momentos engraçados durante o episódio. Nada mais.

A morte de um dos donos de um cassino dividiu a equipe. Enquanto “os garotos” foram pra Atlantic City, Beckett ficou em NY com Iron Gates.

Em NY, Beckett precisou provar para Gates que é uma policial ainda melhor sem distrações (a.k.a. Castle) por perto. Mas, sinceramente, não vi muito disso. Por que, e corrijam-me se eu estiver errada, praticamente todas as informações importantes pro caso foram conseguidas no “playground da América”. O mais engraçado, falando em NY, foi o comportamento de Gates. Deu pra ver que ela entende perfeitamente o que se passa entre Beckett e Castle, e que, a sua maneira, ela até mesmo shippa o casal. Mas, apesar de confiar na sua detetive, a capitã ainda não confia no “intruso” Castle. Creio que, depois desse episódio, Gates passará a confiar um pouco mais no escritor. Mas não acredito em uma aproximação amistosa imediata.

Se as coisas em NY foram meio chatas, não posso dizer o mesmo dos acontecimentos de Atlantic City. Claro, era óbvio que a diversão acompanharia Castle, que parecia uma criança em uma loja de brinquedos. A empolgação dele com o ambiente do cassino era quase contagiante. Os momentos “Rei do Rock” do nosso escritor preferido foram ótimos. A cena dele sendo arrastado pelos seguranças do cassino até a sala do dono, que o ameaçou com um taco de beisebol, foi hilária. Mas, não podíamos esperar nada menos do que cenas divertidas em se tratando de Castle em um ambiente desses.

Sobre o caso, preciso confessar que achei interessante. Foi cheio de reviravoltas, envolveu desvio de dinheiro, brigas, sequestros e até um namoro bonitinho. Só que, embora tenha achado inesperado, não gostei do final. Vai entender…

Momento pena: alguém mais teve dó de Esposito nesse episódio? Levou bronca de Lannie, não foi escolhido como padrinho de Ryan e não fez sucesso como Elvis. Que dó, que dó, que dó!

Pra finalizar, sabem do que gostei de verdade? De Alexis. Achei divertida a forma como ela tentou esquecer o rompimento com Ashley. Ela tentou ser diferente, menos certinha. Fazer coisas que não fazem parte de sua personalidade. Mas, no final das contas, a “boa e velha” Alexis retornou, colocou um final na festa e correu para esconder as evidências de seu “deslize”. Bem engraçado!

Semana que vem não tem episódio inédito. Castle retorna dia 21/11, com Kill Shot, que promete muito. Quer saber por quê? Então, se quiser colocar sua sanidade em risco, novamente, assista a promo. Até mais!

Séries citadas:

Editora Chefe do TeleSéries, gasta boa parte da sua semana com séries. Sua estréia foi com ER, e atualmente assiste - entre várias outras - Grey's Anatomy, Game of Thrones, Suits, Castle e Rookie Blue. Ainda assim, arrumou um tempinho para maratonar Friends, The X Files e Chuck - pela qual se apaixonou, recente e irremediavelmente. Está saindo da crise de abstinência de Fringe graças à Orphan Black.

5 Comments

  1. Anônimo

    hahahahaha! eu adoro as suas reviews quando você gosta do episódio e gosto mais ainda quando não gosta! [tudo bem, entendi que não odiou nem desgostou, só achou blé…], mas ainda tou rolando de rir com o “Que dó, que dó, que dó!”

  2. Gabrielle Oliveira

    Não gostou do epi? Ain, que dó :p Ah, eu esperava um epi leve e divertido, e foi isso que recebi, então… Foi legal ver uma Gates menos bitch, a Alexis pirando com a festa saindo do controle e arrumando tudo depois. Mas as cenas de Vegas realmente foram o ponto forte. Eles vestidos de Elvis (Nathan, que peitoral hein rapaz!!!) foi demais!

  3. Therê

    Acho  que  fiquei  mal  acostumada.  
    Depois  de  assistir  Cops & Robbert   esperava  que  o  capítulo  seguinte  de  Castle  continuasse  tão  empolgante,  maravilhoso e  romântico  como  ele,  mas    Heartbreak  Hotel  foi  apenas  comum  e  sem  maiores  atrativos.  Nele apenas  gostei  do  comportamento  de  Alexis  ao  acabar  com  aquela  festa  maluca proporcionada  por  sua  amiga,  da  maneira  mais  humana  de  Gattes  ao  tratar  Becket  e  principalmente  do  novo  penteado  de  Kate,    pois  podemos  finalmente  ver  toda  sua  beleza  sem  o  cabelo  cobrindo    seu    rosto.Não  gostei  de  ver  Esposito,  Ryan  e  Castle  vestidos  de  Elvis  e  menos  ainda  de  ver  Castle  todo  assanhado  atrás  das  garotas  do cassino. Ele  exagerou.
    Kate  provou    que  sente  falta  de  Castle e  que  por  mais  que  tentasse  não  se  sentia  á  vontade  de  trabalhar  sem  te-lo  á  seu  lado.Vamos  esperar  que  o  próximo  capítulo  seja  melhor  que  esse (e  pelo  promo  que  vc.  nos  mostrou)    parece  que ele  será  muito  bom mesmo.Afinal  não  podemos  exigir  que  todos  os  episódios  sejam  perfeitos,  um  ou  outro  irão  destoar.

  4. Bianca Mafra

    Eu gostei, deu uma quebrada na tensão. o dia em que ficarem juntos, há uma grande tendencia de acabarem com a série. dessa forma deu uma esfriada e pos a Beckett para pensar mais um pouco na falta de que ea sente e a nova chefona de ver que o Castle tem o seu valor, que não eh so paparicado pela Beckett. senti falta da mãe do Castle. 

  5. Pingback: Destaques da Semana – Brasil – 16 a 22/7

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account