Log In

Notícias Novos Pilotos e Séries

Canal britânico produz drama teen com super-heróis

Pin it

Cena de Misfits

Cinco jovens cometem delitos e são obrigados a prestar serviços comunitários. Logo no primeiro dia de trabalho, uma forte chuva cai sobre a cidade. Os cinco acabam atingidos por um raio e adquirem poderes especiais, como Dentre as “novas habilidades” estão telepatia, invisibilidade, o poder de decifrar pensamentos e até de voltar no tempo. 

Essa é a história de Misfits, um seriado que estreou no canal britânico E4 no dia 12 de novembro. A cada episódio, novos personagens que sofreram transformações por causa da tempestade são introduzidos ao enredo.

Lendo apenas essa apresentação, a possibilidade de que Heroes tenha vindo a sua cabeça é grande. Essa “semelhança à primeira vista” tem criado polêmica entre os muitos fãs do seriado americano, que dividem opiniões sobre o assunto.

Quem já viu Misfits garante que a série tem lá suas diferenças, como as frequentes cenas de sexo e palavrões inclusos em seu roteiro – que por sua vez remetem a Skins, cultuado drama teen inglês.

Mas se você pensa que o seriado não agradou e que possivelmente não vai vingar, está enganado. Pelo menos a crítica se rendeu a Misfits: a série dramática ganhou quatro das cinco estrelas oferecidas pelo jornal britânico The Times.

Será que vale a pena assitir? Veja o trailer de Misfits abaixo:

* * *

Com informações do Estrelando e do The Times.

Séries citadas:

É jornalista formada pela Unesp e pós-graduanda em Gestão Cultural. No TeleSéries, escreve mensalmente a coluna Estilo. Aficionada pelas histórias de terror, sobrenaturais e de mistério, também não dispensa aquela comediazinha romântica... Pushing Daisies, Jeannie é um Gênio, A Feiticeira, Riget, Lost in Austen, Wonderfalls, Samantha Who?, Copper, Harper's Island e Hannibal estão entre suas séries preferidas de todos os tempos! :)

22 Comments

  1. Pingback: Tweets that mention Canal britânico produz drama teen com super-heróis » TeleSéries -- Topsy.com

  2. Pingback: Canal britânico produz drama teen com super-heróis | Notícias na Web

  3. Thiago Sampaio

    Se X-Men nunca existisse, eu até que daria razão aos fãs de Heroes, mas tem dó, né? Negócio que estão perdendo o foco principal da história aqui: como é mesmo esse raio que dá superpoderes? Eu quero ser atingido por um desses

  4. Leandro

    Bacaninha, vale conhecer. NADA a ver com Heroes, além da premissa. Aliás, me parece até meio zoação com Heroes.
    Só de ser british já deixa tudo beeeem diferente.
    Ah, faltou dizer na matéria um dos poderes: a garota com a habilidade de despertar a libido de maneira violenta quando toca em alguém.

  5. Lu

    “Só de ser british já deixa tudo beeeem diferente.”

    Exatamente. Acho que vale a pena dar uma olhada.

  6. Tati Leite

    Se X-Men nunca existisse, eu até que daria razão aos fãs de Heroes, mas tem dó, né? (2)

    Está na minha lista de espera junto com Paradox.

  7. Carla Beatriz

    Então, eu vi o piloto!

    Achei bem legal! Os poderes são meio toscos, e os efeitos especiais também. Mas parece que a idéia é ser meio tosco mesmo. O humor e o cinismo britânicos é que deixam a série boa.
    E a parte de ação deu pro gasto, ficou verídica e interessante.

    No final um dos garotos diz algo mais ou menos assim: “Ah isso vai passar. Esse tipo de coisa só acontece nos EUA.” Eles tiram um bom sarro da própria premissa da série, bem legal!
    Vou continuar vendo!

  8. Raruiz

    Se X-Men nunca existisse, eu até que daria razão aos fãs de Heroes, mas tem dó, né? (3)

  9. Fernando dos Santos

    De acordo com o que eu li em outro site, a principal referência de Misfits é mesmo a também inglesa Skins.Seria algo como um Skins com super-poderes.
    Parece ser interessante.

  10. Claire

    Só de ser british já deixa tudo beeeem diferente.[2]
    Interessada em assistir…

  11. Henry Akashi

    Eu adorei a série e venho constantemente escrevendo as reviews. Gostei das atuações e inclusive do roteiro, que conseguiu dar originalidade em um tema tão clichê nos dias de hoje.;

    E realmente não tem como negar que o fato da série ser britânica, já a torna mais especial do que muito programa que acomapanhamos todos os dias.

  12. Leonardo Toma

    Bom, a E4 já trouxe Skins, irei ver se vale a pena esse seriado.

  13. Matheus

    Por ser “britanica” já vale a pena e vem com credito. Pois Skins foi bom , mais Survivors e Apparitions foram otimas!!! E não é pra menos Misfits…
    Muito bom mesmo e pra quem acha Heroes bom , vai gostar! Heroes teve um bom inicio mais se perdeu totalmente entre a 2º e 3º temporada e recuperou folego na 4º.
    Misfits tem um inicio que não chega a ser “unico” mais é promissor.

  14. luiz

    Pela descrição, a associação óbvia não é com Heroes, mas com uma série em quadrinhos chamada Raising Stars, do J. Michael Straczynski (o criador da série de TV Babylon 5). As histórias acompanham um grupo de jovens de uma cidade americana que, após um misterioso evento no espaço ocorrido quando ainda estavam no útero de suas mães, manifestam superpoderes. Aliás, quando assisti Heroes, foi de Raising Stars que eu me lembrei, pois a premissa é a mesma: o que aconteceria se super-heróis existissem no mundo real?

  15. Andrea

    Hihi a chuva veio contaminada com os meteoros do Smalville…

    MAS será que estréia aqui? Mendigar download – tô fora.

  16. Marcelo

    Se X-Men nunca existisse, eu até que daria razão aos fãs de Heroes, mas tem dó, né? (4)

    NADA a ver com Heroes, além da premissa. Aliás, me parece até meio zoação com Heroes. (2)

    Só de ser british já deixa tudo beeeem diferente.(3)

    Nem preciso falar mais nada…

  17. Fernando dos Santos

    Assim como o luiz(comentário 18) eu também vejo semelhanças de Heroes e Misfits com a história em quadrinhos Raising Stars.
    The 4400 é outra série que também pode ser mencionada como referência.
    Em todas essas obras acontece um unico e grande evento que torna os personagens super-poderosos.

  18. luigi

    Que série mais tosca….não acredito que perdi meu tempo..será que o post era pro primeiro de abril:::

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account