Log In

Reviews

Being Erica – Osso Barko e Baby Mama

Pin it

Série: Being Erica
Episódios: Osso Barko e Baby Mama
Temporada: 4
Número do Episódio: 4×02 e 4×03
Datas de Exibição no Canadá: 3 e 10/10/2011

Os pacientes de Erica continuam sendo pessoas próximas a ela. Depois do ex-cunhado, chegou a vez de “atender” Julianne e, sua própria mãe. Estou gostando de conhecermos um pouco melhor os demais personagens e vermos Erica aprender a lidar com as suas descobertas sobre eles.

No segundo episódio Erica volta a um passado bem recente: seu primeiro dia como assistente da Julianne. Foi muito legal lembrar como eu odiava a Julianne e hoje ela se tornou minha personagem predileta.

Erica não consegue entender o motivo que faz a sócia e amiga ser tão irritante com a assistente e o porquê da rivalidade com a irmã. Ao voltar no tempo com a oportunidade de reviver o dia em que as duas se conheceram, Erica resolve que será a assistente perfeita mas acaba descobrindo que toda a falta de tato de Julianne vem da insegurança. Ela simplesmente tenta se provar capaz o tempo todo porque não se acha inteligente suficiente. E quando se sente ameaçada usa seu poder para ficar no comando.

O “tratamento” da mãe de Erica vai mais além. Barb demonstra uma grande dificuldade em aceitar a gravidez de Samantha e durante a visita dos pais de Lenin, o namorado de Sam, ela não disfarça em nenhum momento a sua insatisfação.

Erica é enviada por Dr. Tom para o passado da sua mãe. Mas precisamente para quando Barb tinha 17 anos. Temos então uma grande revelação: durante o Ensino Médio a mãe de Erica ficou grávida e deu a criança para adoção.

Barb guardou esse segredo a vida toda e a gravidez não programada de Sam fez com que ela revisitasse toda a angústia desse período da vida dela. Ela ainda descobre que seu filho gostaria de conhecê-la. Depois de relutar ela resolve aceitar.

Foram dois episódios bem emocionantes. Se bem que sou suspeita para falar porque não consigo recordar um episódio de Being Erica que eu não tenha chorado um pouquinho que seja.

Vale destacar que surgiu uma nova personagem, parte do passado do Dr. Tom. Parece ser uma ex-namorada mas nada ficou muito claro.

Séries citadas:

Pós-graduada em História Contemporânea, pretende fazer mestrado usando séries como fonte. Seriados fazem parte da sua vida desde sempre. Magnum, Casal 20, Macgyver, Super Vicky são alguns deles. Assiste aproximadamente 40 séries (incluindo algumas já canceladas). Está aprendendo a abandonar séries mas sempre acaba colocando outras no lugar.

3 Comments

  1. Jose Fa20

    Q bom que estão fazendo review de Being Erica! Eu não sabia disso.

    Amo essa série!

    Quanto a Osso Barko, não gostei muito do epi, não teve aquele algo a mais que sempre me emociona em BE. Quanto a Baby Mama não assisti ainda e não deveria meeeeeesmo ter lido essa parte.

  2. Julie Anne

    Que bom achar reviews de Being Erica! 
    Série emocionante, também não me lembro de um episódio sequer que eu não tenha chorado. hahaha
    Tati, é sério que você assiste 40 séries? Eu assisto 20 e já me acho um pouco desmiolada.. kkk

  3. Tati Leite

    É sério. Ainda tenho o hábito de assistir séries que quando estavam no ar eu não assisti por algum motivo.
    Fico feliz em saber que tem fã de Being Erica espalhados. A série é realmente muito boa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account