Log In

TeleRatings

Audiência nos EUA no domingo, 28 de setembro

Pin it

Nicolette Sheridan em Desperate HousewivesQuem foi o vencedor em audiência na noite de domingo na TV americana? A partida entre Chicago Bears e os Philadelphia Eagles ou as Desperate Housewives? No confronto com o futebol americano, a vitória foi das Wisteria Lane Cougars! Foi infame, né? Bom, confira a seguir os números do domingo, que teve ainda os retornos de Extreme Makeover: Home Edition, The Amazing Race, Os Simpsons, O Rei do Pedaço, Cold Case, Uma Família da Pesada, American Dad, Brothers & Sisters e The Unit.

Ranking por canal

Emissora NBC ABC CBS Fox CW
Média
(em milhões)
14,23 12,47 10,86 10,58 1,31

Ranking por horário

Hora Programa (Canal) Milhões de
Telespectadores
19h Football Overrun (Fox) 20.02
60 Minutes (CBS) 12.14
Extreme Makeover: Home Edition (ABC) – nova temporada 7.19
Football Night In America (NBC) 5.97
One Tree Hill (CW) – reprise 1.37
19h30 The OT (Fox) 11.04
20h Sunday Night Football (NBC) 14.86
Extreme Makeover: Home Edition (ABC) 11.91
The Amazing Race (CBS) – nova temporada 10.29
Os Simpsons (Fox) – nova temporada 9.30
Privileged (CW) – reprise 1.22
20h30 O Rei do Pedaço (Fox) – nova temporada 7.04
21h Desperate Housewives (ABC) – nova temporada 18.44
Sunday Night Football (NBC) 16.44
Cold Case (CBS) – nova temporada 11.24
Uma Família da Pesada (Fox) – nova temporada 9.20
America’s Next Top Model (CW) – reprise 1.44
21h30 American Dad (Fox) – nova temporada 7.04
22h Sunday Night Football (NBC) 15.02
Brothers & Sisters (ABC) – nova temporada 12.35
The Unit (CBS) – nova temporada 9.75

A disputa por audiência na noite de domingo foi quente mas, com três horas de futebol americano, a NBC, ainda foi a líder da noite tanto em número de telespectadores (ver acima) como na amostra 18-49 anos, com 5,6 pontos. Mas o canal perdeu mais de dois milhões de telespectadores em relação a semana passada com a chegada das novas séries da Fox, CBS e ABC. Entre o público de 18-49 anos logo atrás ficou a ABC e a Fox, empatadas com 4,4 pontos, a CBS, com 2,6 pontos e CW, com 1,31.

A grande atração da noite foi a estréia da nova temporada de Desperate Housewives que, com 18,44 milhões e 7,0 pontos na amostra 18-49 anos, estreou muito bem. A audiência foi menor que a da estréia da temporada passada (de 19,32 milhões) mas melhor que a média da temporada passada (18,2 milhões) e que a finale do quarto ano (16,84 milhões). Além de líder da noite, fecha a semana como o programa de ficção mais assistido da semana (ficando a frente de Grey´s Anatomy).

Extreme Makeover: Home Edition e Brothers & Sisters por sua vez não tiveram desempenho tão bom contra o futebol americano. Brothers & Sisters retornou 4,8 pontos na amostra 18 a 49 anos – contra 5,2 da estréia da segunda temporada – e mais uma vez prova que não é a melhor companheira para Desperate Housewives – afinal, um terço dos telespectadores de Desperate Housewives trocam de canal ou desligam a TV após o programa.

A Fox fez uma noite fantástica, que abriu com a cobertura do futebol americano e encerrou com a estréia de seus desenhos animados. Os Simpsons foi o destaque em número de telespectadores, com 9,3 milhões e Um Família da Pesada o melhor na amostra 18-49, com 4,5 pontos. Tirando O Rei do Pedaço (que empatou em número de televisores ligados e caiu um pouquinho na amostra 18-49) todos os desenhos tiveram mais audiência na estréia desta temporada do que no ano passado. Os desenhos garantiram ainda a Fox a liderança em audiência na amostra 18 a 34 anos, com 5,2 pontos .

A CBS fez uma noite discreta e mostrou que não está muito preocupada em vencer nas noites de domingo – pelo menos até fevereiro, enquanto durar a temporada de futebol. The Amazing Race, que segundo o Eric Fernandes mostrou mais uma vez os candidatos passando pelo Brasil, teve 3,2 pontos na amostra 18-49 anos e Cold Case 2,7 pontos (no ano passado foram 3,4). A noite fechou com The Unit, que está ganhando sua última chance no canal. Fez 2,6 pontos entre o público de 18 a 49 anos – ficando 0,1 ponto percentual atrás do número de estréia de Shark, na temporada passada. E aí, a CBS errou cancelando Shark? Ou errou renovando The Unit? Ou as duas coisas? Vamos ficar de olho nas próximas semanas.

* * *

No sábado, a CBS foi líder de audiência no total de telespectadores e a ABC a líder na amostra 18 a 49 anos. A CBS conseguiu média de 6,03 milhões com reprises de CSI:Miami e Criminal Minds. A ABC 1,9 ponto com o Saturday Night Football.

O Saturday Night Live trouxe mais uma vez Tina Fey, agora super-vitaminada com três prêmios Emmy, imitando Sarah Palin e fez bonito mais uma vez. Não tenho o número médio de telespectadores, mas a informação divulgada pela NBC é de 6,0 pontos de household rating e 15% de share. Traduzindo: algo como 6,8 milhões de televisores ligados no programa. Foi o programa mais assistido da noite na TV aberta, o que é raro – geralmente programas de fim de noite são menos assistidos que os de horário nobre.

Ainda segundo a NBC, os três primeiros programas desta 34ª temporada estão com audiência 52% maior que a média dos três primeiros programa do ano passado.

* * *

Eu tirei o final de semana de folga e por isto não fiz mais uma vez a coluna com os números de audiência da sexta-feira. Mas também não tivemos nenhuma estréia. Só uma despedida.

Pois o programa de luta livre Friday Night Smackdown, que nos últimos dois anos foi uma das poucas atrações da grade da CW a dar audiência média superior a 4 milhões de telespectadores, acaba de se despedir do canal, com média de 4,21 milhões de telespectadores. Na próxima semana ele muda para o MyNetworkTV, pequena emissora de telenovelas que a Fox tentou emplacar no ano passado.

Sexta-feira foi o dia do primeiro debate dos candidatos a presidência dos Estados Unidos. Exibido simultaneamente pelas quatro grandes redes, o programa foi assistido por 29,5 milhões de norte-americanos.

The Mentalist ganhou uma reprise na CBS no início da noite e foi assistido por mais 7,8 milhões de norte-americanos. Olha, já que Fringe não decolou, ela já surge como nova favorita ao título de série nova mais assistida da temporada.

Coluna editada a partir de número fornecidos pelo instituto Nielsen (dados de exibição ao vivo mais programas assistidos em DVR no mesmo dia) e com informações dos sites TV by the Numbers e The Futon Critic.

Séries citadas:

É jornalista, pós-graduado em Jornalismo Digital pela Pucrs e trabalha com produção de conteúdo para Internet desde 1995. É editor de internet do Jornal do Comércio, de Porto Alegre. Fundou o TeleSéries em agosto de 2002. Na época, era fã de The West Wing, The Shield, Família Soprano e Ed. Atualmente é viciado em The Good Wife, NCIS, Game of Thrones e Parks and Recreation.

19 Comments

  1. Marcos

    Se continuar com a qualidade da última temporada, Desperate Housewives vai longe! A série está na sua melhor fase.

  2. douglas

    mto feliz com os numeros de desperate.. com esse salto a serie tem tudo pra decolar ainda mais, jah q as curiosidades do q aconteceu só faz aumentar o drama rs

  3. Célia Regina

    Acho que sou a única brasileira que ama de paixão The Amazing Race e Extreme Makeover: Home Edition. O TAR é um programa muito bem bolado e deve ter um custo de produção altíssimo, sem contar com o prêmio de U$1,000,000.00. Adoro as provas, me emociono com as locações e torço descaradamente pelos competidores que simpatizo.
    Quanto ao Extreme, I LOVE TY PENNINGTON!!! Eu amei quando os MUPPETS visitaram o programa porque eu acho o TY a cara do Caco. Gosto muito do Michael e do Ed, mais que dos outros. As histórias das famílias são mostradas com muito bom gosto. Se fosse no Brasil, iria ser sensacionalista, o que não acontece no programa original. O programa é totalmente assistencialista e comercial, mas com muito bom gosto, não é apelativo.
    No ano em que foi dado o primeiro Emmy para o host de Reallity Show, fiquei triste por não terem sido indicados o Phil e o TY, principalmente o TY.
    Não gosto de Desperate Housewives, acho totalmente “Desperate”. As estórias são assassinas demais para o meu gosto. Tem sempre alguém morrendo tragicamente em Wisteria Lane. Acho esse apelo desnecessário.

  4. Ryan

    Eu tbm adoro The Amazing Race, é o melhor reality de longe … pena, só ter perdido a versão brasileira, mas será q foi pena mesmo?
    Enfim, nada melhor melhor q o The Amazing Race!

  5. Jordan Bruno

    segundo o TV by the Numbers, True Blood vem (mais ou menos) mantendo a média de 1,8 milhões de espectadores …

  6. Jonas

    Vida longa às Garotas de Wisteria Lane!!

    Torço apenas para que Eli Stone vá para o lugar de Brothers and Sisters. Seria a companhia perfeita de Desperate Housewives.

  7. Célia Regina

    Ryan, a versão brasileira do TAR foi uma “m”. Aliás, não só TAR, mas outras versões sempre tendem para o ridículo. É o caso de Ídolos. Eu adoro assistir American Idol e estou até gostando do Latin American Idol. Agora, o tal Ídolos é humilhação pura. Que esculhambação! No Faustão, temos uma ridícula versão do Dancing With Stars. Acho que a melhor versão brasileira de Reallity foi No Limite (Survivor). Pena que não pegou! E O Big Brother é um caso aparte. Nossa versão é até melhor.
    Acho que o fenômeno BBB acaba atrapalhando outros reallities.

  8. André L.

    Desperate Housewives vem pra arrebentar esta temporada o/

    e Brothers & Sisters pelo menos é regular :/
    mas, semana que vem, os números sobem um pouquinho…

  9. Fernando dos Santos

    “E aí, a CBS errou cancelando Shark? Ou errou renovando The Unit? Ou as duas coisas?”
    Se não me engano os custos de produção de The Unit são bem mais altos que os de Shark.Se assim for, então a CBS errou nas duas coisas.

    Gostei de ver Os Simpsons voltando bem, depois dos maus índices registrados na temporada passada.E Family Guy manteve-se em alta, o que também me agradou.

  10. Matheus

    Gostei de ver Os Simpsons voltando bem, depois dos maus índices registrados na temporada passada.E Family Guy manteve-se em alta, o que também me agradou.

    Mas e American Dad?

  11. ALEX

    pra uma serie chata e sem graça,essa Desperate Housewives ate que,da mta audiencia nos eua.

  12. matheus

    Ah se esses americanos nao assistirem Bothers And Sisters e fazerem a série ser cncelada eu mato todos!!

  13. Júnior

    Gente, como é que aquele novelão chamado Desperate Housewives pode dá tanta audiência!!! Que pena Brothers & Sisters, um ótimoi drama.

  14. André L.

    HAHAH

    relaxa, os números de B&S nao estão nem um pouco a níveis de cancelamento. foi a 2a serie mais assistida da noite,superando reality shows, que costumam roubar a audiencia das séries, e ainda teve esse futebol pra atrapalhar.
    ah, é natural B&S perder parte da audiência de DH, so ver os numeros dos ultimos dois anos.

  15. Rubens

    Desperate Housewives é uma comedia leve… Ja Brothers & Sisters é um dramalhão chato pra caramba. Estou com os americanos, Desperate Housewives é muito melhor, exatamente por ser comédia.

  16. AniDi

    É indiscutível que Desperate Housewives é uma das séries de mais sucesso da década, sucesso consistent. Sobre o fracasso de Heores, e esse lance de download pela internet interfere muito na audiencia das séries, principalmente essas séries nerd, tipo Lost, Heroes, Fringe, etc (essas possuem um publico muuuuito grande na net) eu não acho isso ruim pq eu baixo, mas é uma verdade, e elas acabam pergiando no radar da emissora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account