Log In

Spoilers TeleRatings

Audiência nos EUA entre os dias 5 e 6 de abril

Pin it

Bob Saget em Surviving SuburbiaColuna dupla, com os números de audiência na TV americana do domingo e da segunda-feira. No domingo, a monarquia foi derrubada e Kings teve seu destino decretado pela NBC. Na segunda-feira, a competição foi intensa. Os destaques: House subiu; Bob Saget, o paizão Danny de Três é Demais, voltou a fazer comédia; e Heroes sofreu um novo golpe. Leia a seguir!

Ranking por canal no domingo, 5 de abril

Emissora CBS ABC NBC Fox CW
Média
(em milhões)
14,11 5,89 5,67 4,93 0,98

Ranking por horário

Hora Programa (Canal) Milhões de
Telespectadores
19h 60 Minutes (CBS) 12.05
America’s Funniest Home Videos (ABC) – reprise 7.01
Dateline (NBC) 5,00
American Dad (Fox) – reprise 2.61
Jericho (CW) – reprise 0.73
19h30 O Rei do Pedaço (Fox) – reprise 2.91
20h Academy of Country Music Awards (CBS) – até às 23h 14.80
Extreme Makeover: Home Edition (ABC) – reprise 7.10
Os Simpsons (Fox) 6.40
Kings (NBC) 3.63
Filme: Rocky III (CW) – até às 22h 1.11
20h30 Uma Família da Pesada (Fox) – reprise 5.802
21h O Aprendiz: Celebridades (NBC) – até às 23h 7.02
Uma Família da Pesada (Fox) – reprise 6.27
Desperate Housewives (ABC) – reprise 5.63
21h30 Os Simpsons (Fox) – reprise 5.61
22h Brothers & Sisters (ABC) – reprise 3.83

Lembram de Reba? Pois é, sem nenhuma sitcom para trabalhar, Reba McEntire voltou para a música e foi a apresentadora no último domingo do Academy of Country Music Awards, premiação anual dos melhores do gênero. O country pode já não estar tão em evidência nos EUA como no passado, mas ainda é forte ao bastante para, a cada premiação, ficar no topo dos rankings de audiência.

E foi assim este domingo, com a cerimônia garantindo para a CBS a liderança absoluta da noite tanto em número de telespectadores como na amostragem por idade. Verdade que o canal teve pouco concorrência – só um episódio inédito de Os Simpsons chegou a ameaçar sua liderança por idade.

E se estamos falando em prêmio, está na hora de dar para Kings o Prêmio Commander in Chief de Série Sabotada pela Emissora do Ano. A verdade é que a NBC sacaneou a série desde a larganda, colocando-a no pior espaço possível e imaginável de sua grade de programação.

E o resultado é o fim da linha. Kings perdeu esta semana 820 mil telespectadores e deu apenas 1 ponto no demo 18-49 anos (a única série do canal com pior desempenho na temporada foi Crusoe).

E nesta terça-feira (dia 7), James Hibberd, do The Hollywood Reporter foi o primeiro a soltar o veredicto da série de Ian McShane. O seriado acaba de perder seu lugar nas noites de domingo e passará a ir ao ar no limbo das noites de sábado. No lugar, entra mais uma edição do jornalístico tapa-buracos Dateline.

* * *

Ranking por canal na segunda-feira, 6 de abril

Emissora ABC CBS Fox NBC CW
Média
(em milhões)
14,90 13,75 12,02 6,41 1,11

Ranking por horário

Hora Programa (Canal) Milhões de
Telespectadores
20h Dancing with the Stars (ABC) – até às 21h30 19.59
House (Fox) 13.01
The Big Bang Theory (CBS) – reprise 8.86
Chuck (NBC) 6.01
Gossip Girl (CW) – reprise 1.14
20h30 How I Met Your Mother (CBS) – reprise 8.45
21h NCAA Basketball Pregame (CBS) 13.68
24 Horas (Fox) 11.04
Heroes (NBC) 6.05
One Tree Hill (CW) – reprise 1.08
21h30 NCAA Basketball Final (CBS) – até às 23h 17.16
Surviving Suburbia (ABC) 12.16
22h Castle (ABC) 9.24
Medium (NBC) 7.15

E olha o Dancing with the Stars tropeçando no meio do salão. O reality show de dança esta semana não resistiu a forte concorrência – especialmente porque a CBS veio com munição pesada, exibindo a final do basquetebol universitário, e na Fox simplesmente mataram um dos protagonistas de House (e paramos por aqui, sem mais spoilers por favor!).

Resultado, a ABC ainda se segurou na liderança no número médio de telespectadores, mas ficou apenas na terceira na medição dos telespectadores entre 18 e 49 anos, atrás da CBS e da Fox.

O destaque da noite foi o basquete da NCAA, mas House voltou a ir bem, marcando 5 pontos no demo 18 a 49 anos.

E o Dancing with the Stars entrou na fase dos episódios mais curtos e a ABC aproveitou o espaço para estrear a sitcom Surviving Suburbia, com Bob Saget (Três é Demais) e Cynthia Stevenson (Men in Trees).

Perto do desempenho ruim que os novos programas da ABC vão fazendo nesta temporada, até que a série foi super bem, com 12,16 milhões de telespectadores e 3,2 pontos.

A questão é que o horário da série engana – Samantha Who? tinha este desempenho no ano passado, levou o título de seriado novo mais assistido da temporada, mas quando perdeu o suporte do Dancing with the Stars acabou naufragando. E o teste de fogo de Surviving Suburbia ainda está por vir – será o confronto com Rules of Engagement, que anda com desempenho bem sólido no horário.

E podem me chamar de secador, mas estou contando os dias para noticiar quando Heroes dará menos audiência que Chuck. Esta semana, sem a concorrência de The Big Bang Theory, Chuck subiu. E Heroes, com a concorrência do basquete atingiu seu novo recorde negativo de audiência: 2,6 pontos e 6,05 milhões de telespectadores

Coluna editada a partir de número fornecidos pelo instituto Nielsen (dados de exibição ao vivo mais programas assistidos em DVR no mesmo dia) e com informações do site TV by the Numbers e do The Hollywood Reporter.

Séries citadas:

É jornalista, pós-graduado em Jornalismo Digital pela Pucrs e trabalha com produção de conteúdo para Internet desde 1995. É editor de internet do Jornal do Comércio, de Porto Alegre. Fundou o TeleSéries em agosto de 2002. Na época, era fã de The West Wing, The Shield, Família Soprano e Ed. Atualmente é viciado em The Good Wife, NCIS, Game of Thrones e Parks and Recreation.

22 Comments

  1. Thomaz Jr.

    KINGS – KINGS OF CLICHE

    A NBC secaniou com Kings. Mas, convenhamos, Kings não emplacaria.

    Intrigas de familia, bastidores do poder, garoto pobre x garota rica, riquinhos porra loucas, ricos infelizes… Me lembrou novela das 8.

    Ao contrario do imaginava, não hápersonagens bem construidos, nem metaforas com a a realidade atual.

    A pretenção de criar uma analogia a narrativa biblica até onde cheguei, ficou nos nomes dos personagem.

  2. Fernando dos Santos

    Talvez o fato de ir ao ar em rede aberta tenha dificultado para Kings desenvolver todo o seu potencial.Se fosse exibida em um canal pago os roteiristas teriam liberdade para fazer uso de metáforas com a realidade atual e desenvolver os personagens até limite mais ousados.Foram produzidos poucos episódios(se não me engano 13)porém se encomendassem mais os realizadores poderiam começar a consertar os erros, mas como se trata de uma grande rede a obrigação de estrear acertando torna-se maior.

    Castle subiu, desceu ou ficou na mesma em relação a semana anterior?

    Resposta do Editor: Castle caiu, foi a sua pior audiência – 2,4 pontos no 18-49. Mas se você levar em consideração que ela seguiu Surviving Suburbia e não o Dancing with the Stars, até que a queda foi aceitável.

  3. Carol

    Gente! Cuidado ao entrar no site do yahoo!!!!
    Eles colocaram a foto de quem morre em HOUSE! Ridículo isso! Eu estava fugindo de todos os sites que poderiam conter esse spoiler, por serem especializados em tv (www.tv.com, por ex.) e acabei vendo na pág inicial do Yahoo!

    Que ódio!!!!

  4. Luan

    esse é o BOB SAGET ?

    Mas a Phoebe jurava que ele era a cara do ROSS :D

  5. Pedro Paulo

    Trsite por Kings – realmente uma vergonha esse descaso da NBC com a série e feliz por Chuck tendo um desempenho sólido.

    Heroes ainda tem conserto?

  6. anderson

    O cancelamento de Kings pra mim é a evidência que a TV aberta americana é um circo de horrorres mesmo.
    “Intrigas de familia, bastidores do poder, garoto pobre x garota rica, riquinhos porra loucas, ricos infelizes… Me lembrou novela das 8. ” Sei lá, isso pra mim é opinião de quem não entendeu a série, pq se Kings seria clichezão o que falar de tantas outras porcarias que passam atualmente?.

    House subiu, nossa ate me assustei, matam um personagem e a série sobe de 12,9 a 13,01, sim realmente um aumento impactante. :p ehhee

    E heroes, alguém ainda leva a sério??

  7. Gilberto Guerra

    Com essa crise de audiência da NBC não duvido que as séries que deram números maiores de 6 milhões sejam renovadas. Por mim podem cancelar Heroes desde que façam um final decente.

    A audiência de Terminator está péssima, mas pelo menos é superior as reprises de America Dad e o Rei do Pedaço da Fox, ainda existe uma sombra de esperança pra série.

  8. NIran

    E The Mentalist? Pelo que consta foi ao ar domingo. Alguém sabe alguma coisa?

  9. Camila Oliveira

    “Estou contando os dias para noticiar quando Heroes dará menos audiência que Chuck.” [2]

    Fiquei super feliz pelos 5 pontos no demo de House.

  10. Pedro

    Isso Niran, The Mentalist foi exibida domingo. Quais foram os n° dela ?

    Resposta do Editor: Pessoal, não existe nenhuma menção, em nenhum site que usamos para consulta dos ratings de exibição de The Mentalist no domingo. O que eu vi é que o torrent do episódio apareceu na segunda-feira na Internet. Acredito que tenha vazado, não que tenha sido exibido pela CBS.

  11. Rafa Bauer

    Estou feliz é por Medium ser a maior audiência em número de telespectadores das noites de 2ª da NBC. Espero que ela passe Heroes.
    Vou ficar muito surpreso se Medium não for renovada. Custa muito menos que Heroes, não tem divulgação nenhuma e ainda assim tem mais gente vendo…

  12. Juninho

    Também quero que Chuck cresça na audiência,mas não torcendo pra que Heroes caía,porque isso não é crescer é se igualar.

    E Podem “secar” quanto quiser Heroes,a serie já tem quarta temporada confirmada!

  13. Pedro

    Valeu Paulo, é que eu acompanho pelo com meu grande primo Torrent. Então pensei que ela tinha sido exibida domingo :)

  14. Fernando dos Santos

    Obrigado,Editor.

    Estou torcendo por Castle.Eu sei que ela não é grande coisa, mas pelo menos não é mais um típico seriado-novelão da ABC.
    Aliás, parece que finalmente a emissora começa a acenar uma possível mudança de perfil.Na próxima fall vão estrear se não me engano três sci fi no canal.Tem o remake de V,Fast Forward e uma série “de nave” estilo space opera cujo título eu não lembro e que promete uma abordagem humorística do gênero.
    E ainda tem mais um procedural na fila, The Unusuals mas esta eu não sei se vai estreiar na mid ou na fall.

  15. Ana

    Sem comentários sobre esse episódio de House. Acho que já tá na hora de desistir desse seriado.

  16. Pedro Paulo

    Castle é bom, mas aquela mulher juro que me irrita. Chatérrima, parace a Teresa Lisbon nos primeiros episódios de The Mentalist, tentando rebaixar ao máximo seu novo ajudante.

  17. Jota

    Kings foi a melhor estréia dos últimos meses! é uma pena que trilhe o mesmo caminho de Studio 60!

    Eu torço muito, muito mesmo para o Ian McShane ser indicado e ganhar como Melhor Ator nas próximas premiações. Ele é fantástico, assim como a série em si também é.

    Quem achou que a série é clichê: ou não assistiu ou não entendeu o que viu. O maior exemplo de que Kings não é clichê, é a cena do piloto em que David confessa ao irmão que havia se rendido em frente ao tanque Goliath.
    Já disseram em um blog que a história é previsível, o plebeu que se torna rei. Ora, não estamos falando do que talvez seja a mais famosa das histórias bíblicas? então…
    Sem falar nas intrigas políticas (o rei Silas é a Patty Hewes da tevê aberta), a série consegue fazer umas referências extremamente sutis e encantadoras a passagens bíblicas!
    Outra coisa que em Kings que promete é a volta do Macaulay Culkin, como o sobrinho exilado do rei.

    Mas é complicado entender o que se passa na cabeça dos executivos da NBC: 30 Rock, por sorte, tem toda a crítica a seu favor. Friday Night Lights salvou-se graças à parceria com a Directv.

    Se Southland não se der bem, a emissora terá dado outro tiro no pé.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account