Log In

Programação EUA TeleRatings

Audiência nos EUA de 8/1/2007 até 14/1/2007

Pin it

Mais e mais reality shows: essa semana foi marcada por mais estréias e mais seasons premieres. Tem reality show novo na CBS, na VH1, no Lifetime, no Oxygen… Mas teve também a volta de 24 Horas e de Crossing Jordan!

TV ABERTA

Rank Programa Canal Telespectadores*
1 BCS NATIONAL CHAMPIONSHIP FOX 28,80
2 NFC PLAYOFF FOX 27,44
3 GREY’S ANATOMY ABC 23,03
4 HOUSE FOX 17,78
5 60 MINUTES CBS 17,47
6 DESPERATE HOUSEWIVES ABC 16,78
7 CSI: MIAMI CBS 16,01
8 24 (Season Premiere – 2 Horas) FOX 15,79
9 TWO AND A HALF MEN CBS 14,78
10 COLD CASE CBS 14,53
11 LAW AND ORDER: SVU NBC 14,41
12 DEAL OR NO DEAL (Segunda) NBC 14,06
13 UGLY BETTY ABC 13,49
14 WITHOUT A TRACE CBS 13,39
15 NCIS CBS 12,84
16 BROTHERS & SISTERS ABC 12,32
17 ER NBC 12,19
18 THE NEW ADVENTURES OF OLD CHRISTINE CBS 12,08
19 CSI CBS 12,03
20 LAW AND ORDER: CRIMINAL INTENT NBC 11,78

* Em milhões

* No ranking das emissoras, a Fox (1° lugar/15,27 milhões) tem um enorme crescimento e chega a 1ª posição. A CBS (2° lugar/12,84 milhões) também cresce, mas fica na 2ª posição. A ABC (3° lugar/8,74 milhões) e a NBC (4° lugar/8,44 milhões) estão bem próximas. E a CW (5º lugar/2,87 milhões) perde audiência mais uma vez.

* Os três programas mais assistidos da Fox foram o BCS National Championship (1° lugar/28,80 milhões), o NFC Playoff (2° lugar/27,44 milhões) e House (4° lugar/17,78 milhões). House teve uma audiência excelente. Os três menos assistidos foram uma reprise de ‘Til Death (105° lugar/3,32 milhões), The O.C. (96° lugar/3,83 milhões) e uma reprise de Os Simpsons (94° lugar/3,90 milhões).

DESTAQUES: 24 Horas (8° lugar/15,79 milhões) teve um season premiere duplo com uma audiência boa, mas com queda de 16% em relação ao ano passado (teria sido por causa do vazamento dos episódios pela Internet?).

* Os três programas mais assistidos da CBS foram 60 Minutes (5° lugar/17,47 milhões), CSI: Miami (7° lugar/16,01 milhões) e Two and a Half Men (9º lugar/14,78 milhões). Os três menos assistidos foram o 48 Hours Mystery (56º lugar/7,42 milhões), o Crimetime Saturday (53° lugar/7,60 milhões) e The Class (52° lugar/7,65 milhões).

DESTAQUES: O 2006 People’s Choice Awards (22° lugar/11,33 milhões) teve uma audiência baixa. Ghost Whisperer (26° lugar/10,44 milhões) e Close to Home (28° lugar/10,38 milhões) estão bem.

* Os três programas mais assistidos da ABC foram Grey’s Anatomy (3° lugar/23,03 milhões), Desperate Housewives (6º lugar/16,76 milhões) e Ugly Betty (13° lugar/13,49 milhões). Desperate Housewives caiu de novo. Os três menos assistidos foram dois episódios de Big Day (92º lugar/3,92 milhões e 87° lugar/4,20 milhões) e uma reprise de Desperate Housewives (82° lugar/4,50 milhões).

DESTAQUES: Men in Trees (31° lugar/9,94 milhões) vai bem, apesar de reter menos de 50% de Grey’s Anatomy. E What About Brian (78° lugar/4,70 milhões) continua com números sofríveis.

* Os três programas mais assistidos da NBC foram Law & Order: SVU (11º lugar/14,41 milhões), Deal or no Deal – Segunda (12° lugar/14,06 milhões) e ER (17° lugar/12,19 milhões). Os três menos assistidos foram um encore de Psych (102° lugar/3,36 milhões) e reprises de Heroes (83° lugar/4,45 milhões) e de Law & Order: SVU (75° lugar/5,16 milhões).

DESTAQUES: My name is Earl (23° lugar/10,85 milhões) e The Office US (30° lugar/10,15 milhões) estão indo bem. Grease: You’re the One I Want (42° lugar/8,28 milhões) e The Apprentice 6 (57° lugar/7,29 milhões) caíram. 30 Rock (64° lugar/6,10 milhões) subiu. E a busca de Jordan para provar sua inocência na season premiere de Crossing Jordan (59° lugar/6,65 milhões) teve uma audiência bem baixa.

* Os três programas mais assistidos da CW foram Smallville (79° lugar/4,68 milhões), The Beauty and the Geek 3 (93° lugar/3,91 milhões) e Friday Night Smackdown! (98° lugar/3,82 milhões). Os três menos assistidos foram reprises de Veronica Mars (123° lugar/1,48 milhão), de The Game (122° lugar/1,53 milhão) e de The Beauty and the Geek 3 (121° lugar/1,72 milhões).

DESTAQUES: Reba (101° lugar/3,53 milhões) está bem. Supernatural (106° lugar/3,24 milhões) subiu e 7th Heaven (107° lugar/3,13 milhões) caiu.

TV PAGA

* Os programas mais vistos dessa semana foram duas atrações do Disney Channel. O telefilme Jump In! ficou no 1° lugar, com 8,17 milhões – passando a ser o filme mais assistido no canal, ultrapassando High School Musical (a estrela de Jump In!, é Corbin Bleu, que também atuou em High Scholl). O segundo está citado nas estréias.

* O A&E comprou os direitos de exibição de Família Soprano (HBO) por 2,55 milhões de dólares POR EPISÓDIO. E valeu a pena: o piloto, devidamente censurado, estreou no A&E com a enorme audiência de 4,27 milhões, ficando em 6° lugar. Esta foi a maior audiência de uma série reprisada fora de seu canal original!

* O Lifetime apresentou um telefefilme chamado To Be Fat Like Me, com Caroline Rhea (Sabrina) e Kaley Cuoco (Charmed). Ficou no 9° lugar, com 3,74 milhões.

* Dirt (FX) caiu. O drama de Courteney Cox ficou no 37° lugar, com 2,48 milhões. Agora é esperar para ver se o prometido beijo dela na Jennifer Aniston no season finale da série não aumenta a audiência…

* E The Janice Dickinson Modelling Agency (Oxygen) voltou para sua segunda temporada muito bem. O reality show teve 670 mil telespectadores, bom número para o canal.

ESTRÉIAS

Armed and famous (CBS) – Armed & Famous é um reality show onde “celebridades” são treinadas na Academia de Polícia de uma cidade do estado de Indiana para se tornarem policiais. Bizarro, não? As “celebridades” são Erik Estrada (Chips), Jack Osbourne (The Osbournes), Jason “Wee Man” Acuña (Jackass), a lutadora Trish Stratus e a cantora LaToya Jackson. O programa estreiou com uma audiência baixa para os padrões da CBS, no 44° lugar com 8,07 milhões e caiu ainda mais no segundo episódio: 50° lugar, com 7,69 milhões.

Cory in the House: A única série de ficção a estrear na semana foi Cory in the House, do Disney Channel. A atração infanto-juvenil é um spin-off de As Visões da Raven e estreou batendo recordes: foi a 2° maior audiência da TV paga na semana, com 7,59 milhões de telespectadores e teve o melhor desempenho de uma série nova do canal na história. Lupe Ontiveros, a falecida Juanita Solis de Desperate Housewives, está no elenco.

I Love New York (VH1) – Spin-Off de Flavor of Love, I Love New York é um reality show do mesmo estilo de seu antecessor, só que dessa vez, quem manda é uma das ex-participantes do Flavor of Love, a polêmica New York. Teve a maior estréia de uma série no VH1, ficando no 5° lugar da TV paga com 4,43 milhões.

Gay, Straight or Taken? (Lifetime) – Um novo game-show onde uma mulher dai num encontro com três caras e precisa escolher um. Só que um deles é gay, o outro é hetero e o outro já tem dona. Se ela escolher o certo ganha uma viagem romântica com ele. Mas se escolher o errado, o homem que a enganou é que ganha a viagem. O primeiro episódio teve 1,32 milhão mas a audiência aumentou para 1,63 milhão no Segundo episódio.

Shooting Sizemore (VH1) – Mais um reality show “Celebreality” do canal, Shooting Sizemore segue a tentativa de recomeço do ator Tom Sizemore. Sizemore foi uma das promessas de Hollywood mas que desperdiçou sua chance ao cair no vício do sexo e das drogas. O programa não teve tanto sucesso quanto I Love New York, atraindo apenas 718 mil telespectadores.

Tease (Oxygen) – Tease é um reality show de competição onde aspirantes a cabeleireiros precisam fazer um corte, com pintura, penteado e tudo em 45 minutos. O escolhido pelo grupo de juízes vai para uma final onde irá competir com um cabeleireiro famoso pelo prêmio da “tesoura de prata”. Graaaaande Honra einh! O programa é apresentado por Lisa Rinna (a desaparecida Lynn Echolls de Veronica Mars). O programa teve uma excelente estréia pros padrões do Oxygen: 640 mil.

Bom, essa foi a Teleratings. Boa leitura e até a próxima!

48 Comments

  1. André M.

    haja Spin-off do Disney Channel!!!

    bem que a Warner poderia exibir esses filmes pra TV, que sempre atraem uma boa audiência por lá…

    habla sério mesmo, esses reality shows ae…

    e Crossing Jordan despencou feio em relação as outras temposrdas…

  2. Guilherme

    Sabe Ana, eu não consigo resistir….ESSES AMERICANDOS SÃO DOIDOS COM REALITIES!!!!

    Eu fui lendo e pensando tipo…dá onde eles tiram essas idéias?Do c…né????
    Uma mais retardada do que a outra!!!

    To na torcida por Dirt…realmente me conquistou!! (entao provavelmente vai ser cancelada……hunf)

  3. Ana

    Do c… msm…
    Onde jah c viu um reallity sobre qm corta melhor o cabelo d qm? ¬¬

    Crossing Jordan… mals, mals.. e eu adoro a série…

  4. George

    Disney Channel comandando a audiencia…
    Quem diria um canal infantil!!!!!

  5. Cristiano (Highlander_Master)

    Já repararam que a reprise de Heroes, não dá lá essas coisas de audiência?

    O problema da queda de 24 horas, é que no ano passado foi a inesquecivel morte de David Palmer, e esse ano eles enfrentaram o futebol americano que é imbativel.

    Eu não tenho Universal, mas a AXN passou um episodio de Crossing Jordan, pq tinha haver com Las vegas. E tipo achei a série muito fraca, deu sono!!

  6. Marcos Almeida

    Adoro Crossing Jordan e acho que a audiência foi baixa porque concorreu com muita coisa e a temporada demorou muito pra estrear…mudou de data umas 3 ou 4 vezes. Mas pelo que li a série volta com excelentes episódios.

  7. Victor Hugo

    A NBC vai ganhar com o titulo da emissora que não liga pra series veteranas. Digo ER recebe uma audiencia de 30 Rock na faixa de 6 milhões de telespectadores e dobra, qdo tinha deal ou no Deal recebia na faixa de 12 e aumentava pra 14m.
    Crossing Jordan nem esperava pro dia 14 de Janeiro pensava que estreava dia 21 e foi pouca propaganda que o canal fez que a season premiere passou despecebida.
    Smallville aumentou a audiencia… Old Christine aumenteou em relação ao episodio Crash…

  8. George

    Só pra informar Battlestar Galactica começa dia 3 de fevereiro as 21:15 na Rede Mulher.

    TV ABERTA É CLARO.

  9. Cristiano Vieira

    A HUMANIDADE TEM SALVAÇÃO NA AMÉRICA!
    17 MILHÕES DE AMERICANOS são cínicos, gostam do ultraje, gostam da acidez, odeiam pessoas, odeiam moral, flertam com antipatia a família e todo tipo de american way life. 17 milhões de americanos curtem HOUSE!!!!

    ISSO É DEMAIS!!!

  10. gate7fred

    E Brothers & Sisters reteu muito bem a audiência de Desperate Housewives. Tomara que continue assim, pois a série é muito boa.

  11. Li

    Fio feliz com a grande audiência de Law & Order SVU que é minha série preferida. Adoro House, quanto a Crossing Jordan é uma série que também gosto muito demorou para reestrear e talvez por isso a baixa audiência, mas acredito na recuperação.

  12. Fabio Cardoso

    cold case é muuuuito bom, eu ainda não entendi a resistência da crítica a indicá-la para prêmios como Globo de Ouro e Emmy!!!

  13. Maurício

    Cristiano Vieira

    Seus valores são extremsamente errados. Achar essas coisas citadas por vc como a salvação da humanidade é o cúmulo. Para mim isso é o fim do mundo. É muito fácil ser essas coisas todas que vc falou, difícil é ser ético, educado, justo, prezar a família, respeitar as pessoas. O contrário disso….moleza qualquer idiota pode ser. O difícil é o que eu falei e é isso que torna a vida em sociedade tolérável.

    Eu não almejo uma vida fácil….mas justa.Odeio gente cruél, sarcástica, mal educada, violenta. Odeio personagens como esse de House que na minha opinião não passam de lixo.

    Os que acham isso tudo que vc falou lindo, não iam gostar se fosse com eles. Se eles fossem vítimas desses anti-valores. Repugnantes e repulsivos.

    Essa América que vc citou entusiasticamente. É lixo!

  14. Maurício

    Há….lembrei uma coisa. A Fox em primeiro. O mundo dá voltas né?

    O Que o futebol amaricano não faz?

  15. Leonardo

    Nossa… levei um susto quando vi ‘ER’ na lista. Quem diria, hein… E SVU continua com bons índices!!! Fiquei sabendo que Mariska e Christopher renovaram por mais duas temporadas, ou seja, SVU até a 10ª temporada \o/

  16. Rubens

    Tô com o Cristiano. Antes um House com humor sarcastico e cruel, mas COMPETENTE ao extremo, que um idiota incompetente, porem “ético e politicamente correto”.

    Alias, o politicamente correto é uma das coisas mais chatas, irritantes e odiosas que apareceram na face da terra nas ultimas decadas.

  17. Maurício

    Rubens

    Umas das coisas mais chata, irritante, odiosa que apareceram na terra é gente como vc.

    Quem disse que o outro lado é incompetente. É muito mais difícil ser “Chato epoliticamente correto”. Quem é vc para criticar os outros? Vá se cata!

  18. Anderson Vidoni

    Deixa eu ver, o House fala a verdade doa a quem doer, joga na cara das pessoas pra ver se elas acordam. Quebra todas as regras pelo bem de seus pacientes, não é condescendente com ninguém, não inventa mentirinhas pra fazer os outros se sentirem melhores. É, com esse tipo de pessoa, o mundo vai mal.

  19. Marcos Almeida

    Tem gente que tem um visão ingênua das coisas. Não sei porquê gostar de uma série A ou B faz você ser do jeito que o personagem lá é retratado. Só se você for muito ingênuo messsmo!

  20. Maurício

    Marcos Almeida

    Não sou ingênuo. Assisto vários tipos de filmes e séries na TV. Mesmo sem concordar com as atitudes de personagens. Ingênuo aqui só se for o CRISTIANO VIEIRA e O RUBENS que , REALMENTE, interpretaram o fato dessas pessoas que assistem a série serem:”politicamente incorretas, sarcasticas, Odiarem a família etc etc etc etc”. Uma visão bem limitada da realidade. Ainda exaltaram esse fato como a salvação da humanidade. NADA A VER!

    O que discuti aqui são princípios, como esses valores (se é que são valores)eu abomino, critiquei dizendo o que a meu ver é ruim na sociedade. Só isso.

    Acho que qualquer pessoa deve defender seus valores e princípios, e nunca permitir que queiram quebrar sua espinha.

    Acho que cada um vê o que gosta e ninguém tem nada com isso. Pessoalmente não gosto de House. Mas respeito quem gosta. Só não venham defender anti-valores. Que ai sim eu contra-argumento. Eu, por exemplo, assisti e gostei de todos os filmes do Poderoso Chefão, mas em hipótese alguma defendo os personagens do filme. Nem seus atos.

    Anderson Vidoni

    Acho que a relação medico-paciente tem de ser respeitosa e ética. Não acho que ninguém deva ser desrespeitado em hipótese nenhuma. Concordar com isso á aceitar situações horríveis que acontecem em hospitais públicos nos quais pacientes são extremamente desrespeitados. Um grande músico brasileiro que foi vítima da violência urbana (segundo relatos dele mesmo), ouviu de seu médico, em tom jocoso, que não iria andar mais e precisaria usar fraudas para o resto da vida. Fato que não se confirmou. Isso é na sua opinião tratamento adequado? Onde fica a psicologia no tratamento de pacientes e srus familiares?

    Enfim….eu falo demais e peço desculpas por isso. Mas o que discuti aqui foi visões de mundo.

    Peço desculpa aos responsáveis por esse espaço por fugir do foco. Que é discutir séries.

  21. Lucas

    Essa foi a menor audiência da história de Desperate Housewives, e aconteceu devido à concorrência de 24 horas, do futebol americano e do 60 minutes especial (com entrevista com o presidente Bush). Detalhe: o episódio de DH foi muito bom, apontado pelos críticos como o segundo melhor da temporada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account