Log In

Notícias

Assista à cena prévia perturbadora de ‘Hemlock Grove’, que estreia nesta sexta

Pin it

É amanhã! Nesta sexta-feira (19), a empresa de streaming Netflix disponibiliza todos os treze episódios de sua série de terror gótico Hemlock Grove.

Na história, uma jovem que é brutalmente assassinada perto da antiga usina siderúrgica Godfrey. Os suspeitos do terrível crime são Peter Rumancek (Landon Liboiron, de Terra Nova), um cigano de 17 anos que andou espalhando por aí que é lobisomem, e Roman Godfrey (Bill Skarsgard), um dos herdeiros da fábrica onde a garota foi encontrada. Diante das suspeitas, Peter e Roman decidem investigar e chegar até o assassino por conta própria.

Eli Roth, diretor de filmes como Cabana do Inferno e O Albergue, ficou responsável pela nova produção, que marca sua estreia no mundo das séries. Lily Taylor (Six Feet Under), Kandyse McClure (Battlestar Galactica), Dougray Scott (Desperate Housewives) e Aaron Douglas (The Bridge, Battlestar Galactica) são outros atores que estão no elenco do seriado.

Hemlock Grove é uma série original da Netflix e é baseada no livro homônimo de Brian McGreevy. Uma nova cena prévia do programa foi liberada e, nela, uma mulher aparece com as mãos enfaixadas caminhando pelo corredor de um colégio. (O lobisomen) Peter observa a personagem.

Com informações do SpoilerTV.

Séries citadas:

É jornalista formada pela Unesp e pós-graduanda em Gestão Cultural. No TeleSéries, escreve mensalmente a coluna Estilo. Aficionada pelas histórias de terror, sobrenaturais e de mistério, também não dispensa aquela comediazinha romântica... Pushing Daisies, Jeannie é um Gênio, A Feiticeira, Riget, Lost in Austen, Wonderfalls, Samantha Who?, Copper, Harper's Island e Hannibal estão entre suas séries preferidas de todos os tempos! :)

2 Comments

  1. biancavani

    O adjetivo que você usou já nos atiça a querer assistir à série: perturbadora… a que mais uma série desse gênero poderia aspirar?

    Mas, conversa paralela, se a produção cinematográfica/literária é um reflexo da sociedade que a criou, o que penar a respeito dessa grande safra de séries de serial killer e terror em geral, The Following, Cult, Hannibal, Bates Motel, Walking Dead, American Horror Story?

    Nada contra (assisto a todas, e gosto), mas isso não é de algum modo perturbador (usando a sua palavra, Gabriela, rs)?

  2. Gabriela Pagano

    Como eu sou fã do gênero de terror (é, disparado, o meu preferido), eu estou amando e tentando arrumar tempo pra ver tudo! haha Mas, desconsiderando meu lado pessoal nisso, acho que pode ser um pouco prejudicial, sim – principalmente para quem não assiste séries desse tipo (que, consequentemente, teve uma parcela limitadíssima de novas opções nesse começo de ano).

    Mas The Following, Bates Motel, American Horror Story, etc. são todas séries de terror bem diferentes umas das outras, não acha? Apesar do gênero (ou da temática) em comum, elas apresentam situações bem distintas entre si. Assim como imagino que vá acontecer com Hemlock Grove (que mais parece uma versão gótica de Revenge hehe :o))

    Mas que é perturbador, é! Primeiro, pela falta de criatividade aparente. Segundo, porque a sociedade (incluindo a indústria audiovisual) se interessa tanto por essa temática violenta! Muito bem colocado, como sempre, Bianca! :-)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account