Log In

Notícias Novos Pilotos e Séries

‘Agents of S.H.I.E.L.D.’, ‘Trophy Wife’ e mais: ABC divulga trailer de todas suas novas séries

Pin it

Está sentado? Então respire fundo e aperte o play! A ABC acaba de liberar trailers estendidos de todas as suas atrações estrantes. Se acomode na cadeira para ver e, depois, é claro, conte para gente de qual vídeo você gostou mais. Boa “sessão ABC”!

Marvel’s Agents of S.H.I.E.L.D.: uma parceria com a Marvel, a série tem como ponto de partida os acontecimentos do filme Os Vingadores e mostrará o agente Phil Coulson (Clark Gregg) – não, ele não morreu em Os Vingadores! – líder de uma equipe de outros agentes que investigam alguns eventos mundiais com a missão de proteger a Terra.  Junto com Phil estão Grant Ward (Brett Dalton), um especialista em combate e espionagem; a agente Melinda Maio (Ming-Na Wen), piloto e praticante de artes marciais; o agente Leo Fitz (Iain De Caestecker), engenheiro, a agente Simmons Jemma (Elizabeth Henstridge), bioquímica. Eles serão reunidos pela nova recruta e hacker Skye (Chloe Bennet).

Betrayal: uma trama de traições em que a jovem e linda fotógrafa, Sara Hadley (Hannah Ware), trai o marido Drew (Chris Johnson). É que ela tem uma atração irresistível por Jack (Stuart Townsend), o charmoso advogado pertencente a família muito poderosa, que foi contratado para investigar um assassinato contra o marido de Sara.

Mixology: dos roteiristas Larry Charles, Jon Lucas e Scott Moore (Se Beber, Não Case), narra as aventuras de solteiros que buscam por um relacionamento amoroso em Manhattan. Mary Putnam, Vanessa Lengies (Glee), Adam Campbell (Touch, Harper’s Island) e Craig Frank (The Lizzie Bennet Diaries, Up All Night) integram o elenco.

Trophy Wife: (“Mulher-Troféu”, na tradução literal) conta a história de uma ex-festeira, chamada Kate (Malin Akerman), que tem uma família instável. Para piorar ainda mais a situação, ela se apaixona por um homem com três crianças manipuladoras e duas ex-mulheres que adoram julgar (interpretadas por Marcia Gay Harden, de Royal Pains e Damage, e Michaela Watkins, de Enlightene). Bradley Whitford (West Wing) é o arrasador de corações, por assim dizer, em questão.


Killer Women: inspirada na novela argentina Mujeres Asesinas e gira em torno de Molly, a única policial feminina em meio aos guardas florestais do Texas, nos Estados Unidos. A personagem central é descrita como uma mulher durona com grande talento para arrancar a verdade das pessoas, custe o que custar. A série vai reunir a dupla de atores de Battlestar Galactica, Tricia Felter (Molly) e Michael Trucco.

Mind Games (anteriormente Influence): do mesmo criador de Awake, Kyle Killen. Um drama descrito como “provocativo” e focará em dois irmãos – um é um gênio bipolar conhecedor da psicologia humana e o outro é um ex-vigarista – que comandam uma agência cujo propósito é resolver problemas usando “a ciência real da motivação e manipulação humana”.

Resurrection (anteriormente The Returned): drama de Aaron Zelman (Criminal Minds), narra o cotidiano dos cidadãos de Aurora, vilarejo que é completamente transformado quando os entes queridos (e falecidos) dos moradores do local voltam para as suas famílias.

Once Upon a Time In Wonderland: spin-off de Once Upon a Time que vai se centrar na personagem inspirada emAlice, no País das Maravilhas. A nova atração, que será exibida entre o hiato da 2ª e da 3ª temporada da série principal, vai se passar na Inglaterra, durante a Era Vitoriana. Na história, a jovem Alice narra um  conto fantasioso sobre um universo existente além do buraco do coelho e, então, é submetida a um tratamento que a fará esquecer tudo. Pronta a deixar tudo para trás, incluindo o amor por um rapaz, bem lá no fundo, Alice sabe que o universo de personagens encantados não é apenas fruto de sua imaginação. A série é estrelada por Sophie Lowe (Beautiful Kate) e conta ainda com Peter Gadiot (The Forbidden Girl), Michael Socha (Being Human), John Lithgow (Third Rock From The Sun) e Emma Rigby (Hollyoaks).  

Lucky 7: narra a vida de 7  funcionários de uma estação de gás, em um bairro de subúrbio de Nova Iorque, que, durante anos, apostaram em um bolão na loteira. O que eles nunca imaginaram é que, um dia, eles iriam ser os “sortudos sete” ganhadores. Isiah Whitlock, Jr (The Wire), Matt Long (Private Practice), Stephen Louis Grush (Detroit 1-8-7), Lorraine Bruce (Eden Lake),  Anastasia Phillips (Stoked), Summer Bishil (Towelhead), Luis Antonio Ramos (The Ruins) e Christine Evangelista (The Joneses) estão no elenco. Steven Spielberg produz.

Super Fun Night: narra o cotidiano da jovem advogada Kimmie Boubier (Rebel Wilson, de Bridesmaids), que, nos últimos 13 anos, se encontrou com as melhores amigas, Helen-Alice (Liza Lapira) e Marika (Lauren Ash), em todas as noites de sexta-feira, no que chamavam de  ”Friday Night Fun Night”. No entanto, a promoção recente de Kimmie coloca a tradição em risco: ela não só começa a trabalhar com seu ídolo, a advogada renomada Felicity Vanderstone (Kelen Coleman), como também conhece um advogado britânico bonitão, chamado Richard Lovell (Kevin Bishop), que a convida para sua festa em um clube da moda . Determinada a passar o tempo com Richard e seguir os conselhos de Felicity em manter o “networking”, Kimmie tenta convencer as amigas a passarem o ”Friday Night Fun Night” na estrada.

Back In The Game: comédia produzida por Aaron Kaplan e estrelada por James Caan (The Godfather/ O Poderoso Chefão). A comédia abordará um time de beisebol de uma pequena cidade americana. Caan será um ex-jogador que terá que se reaproximar da filha, recém-chegada à sua casa – ela, agora, tem um filho e tenta fugir do esporte (embora, o destino não lhe permita).

The Goldbergs: o projeto é inspirado na vida de Adam F. Goldberg (Como Perder um Homem em dez Dias) e dirigido por Seth Gordon (Quero Matar meu Chefe). Na história, que se passa na década de 1980, o Adam de 11 anos (Sean Giambroneprecisa conviver com sua família louca: uma mãe agressiva e um pai temperamental que amam muito seus três filhos nada normais e não conseguem suportar seu crescimento.

E aí? O que achou?

É jornalista formada pela Unesp e pós-graduanda em Gestão Cultural. No TeleSéries, escreve mensalmente a coluna Estilo. Aficionada pelas histórias de terror, sobrenaturais e de mistério, também não dispensa aquela comediazinha romântica... Pushing Daisies, Jeannie é um Gênio, A Feiticeira, Riget, Lost in Austen, Wonderfalls, Samantha Who?, Copper, Harper's Island e Hannibal estão entre suas séries preferidas de todos os tempos! :)

3 Comments

  1. Carol Cadinelli Mauler

    Assisti só o trailer de OUaT in Wonderland e AMEI. O que tenho a reclamar é o de sempre: os efeitos são lixentos, assim como os da série original. A estrutura que deram pra história da Alice ficou ótima (apesar da descaracterização natural que OUaT faz com as histórias), e acho que quando se gosta da história, os efeitos nem pesam tanto assim.

  2. Gabriel

    O que adianta? séries novas sempre são canceladas, especialmente na ABC, sinceramente, não acredito no sucesso de nenhuma delas…
    os canais não dão a minima pro publico, lançam séries novas e as cancelam sem um final decente,
    mais de 80 séries foram canceladas nesta temporada!
    deem uma olhada no site TV SERIES FINALE para ver
    é impressionante.

  3. Vitor Reis

    gostei de Ressurection e OUAT Wonderland. quer dizer, vou ver OUAT 2 por consideração a criatividade de OUAT.

    vamos ver qual será cancelada primeiro??

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account