Log In

Estilo

A fall season 2014 está cheia de… ESTILO!

Pin it

A fall season 2014 teve início nas últimas semanas na TV americana e, desde então, a vida de muita gente tem sido uma loucura para tentar acompanhar o maior número de estreias possíveis. Acho outubro um mês de euforia para quem gosta tanto de séries quanto de cinema, uma vez que, não bastasse a temporada de outono na televisão, esta também é a época em que os filmes de terror mais aguardados estreiam nas telonas (é Halloween!).

Como em outubro do ano passado, as bruxas foram tema da coluna Estilo, esse ano resolvi pegar leve. Acompanhei várias estreias “mais adolescentes” na atual fall season e, para os amantes de moda, como eu, que também já viram essas atrações, tenho certeza que o alarme fashion apitou diversas vezes. Algumas séries nem são tão consistentes assim, mas os figurinos, definitivamente, estão caprichados.

Não é só isso. Quando iniciamos a coluna Estilo, aqui no TeleSéries, há mais de um ano, a ideia era abranger a palavra num sentido amplo: estilo de roupa, de vida, decoração, etc. Uma coisa que tem me chamado a atenção nas séries novas é que o estilo de vida do século 21 – e, em especial, as redes sociais – tem sido bastante explorado, ocupando espaço de personagem principal mesmo. Por isso, separei três séries estreantes que, provavelmente, irão agradar os fãs de estilo, no sentido mais amplo da palavra.

selfie2

A primeira delas é Selfie. Eu, particularmente, não me encantei tanto assim com a atração da ABC, mas achei o tema pertinente. Na série, a Karen Gillan – a eterna Amy Pond, de Doctor Who – dá vida a uma jovem viciada em redes sociais, que vê sua reputação desmoronar depois de um incidente no avião em que viajava – e, claro, todos a bordo tinham um celular para registrar o momento. Depois disso, ela recorre a um expert na área de marketing (Jon Cho) para ajudá-la a melhorar a imagem – e, consequentemente, se desapegar da web.

O tema é, provavelmente, um dos mais discutidos nos últimos meses já que as pessoas passam cada vez mais tempo checando e “alimentando” as redes sociais com fotos de comida, sapatos e o que estiver na frente. Eu sei que todo mundo se diz imune a esse mal, mas esse discurso só sustenta até alguém tentar tirar a força o celular da sua mão. Aí, a coisa pega!

selfie1

Na série cômica, Eliza (Gillan) é uma menina que está sempre impecavelmente vestida – afinal, nunca se sabe quando surgirá uma oportunidade para a próxima foto. A Karen Gillan é, provavelmente, a ruivinha mais linda da TV mundial – que me perdoe Marina Ruy Barbosa – e os cabelos longos estão perfeitos na atração. Imagino que ela tenha feito alongamento, pois, não faz muito tempo, ela precisou raspá-los para integrar o elenco do filme Guardiões da Galáxia. O que chama a atenção mesmo são as meias-calças da personagem. Eliza prova que dá para variar usando a mesma estampa. Na imagem acima, a personagem escolheu meias de poá – ou bolinhas – totalmente distintas; uma mais séria e sensual e a outra lhe deu ares (e pernocas) de bonequinha de pano, divertida.

Selfie vai ao ar a partir de 8 de outubro, às 20h, no Warner Channel Brasil.

manhattanl1

Na comédia romântica Manhattan Love Story, Analeigh Tipton (do filme Crazy Stupid Love) interpreta Dana, uma moça meiga, recatada, e recém-chegada a Nova Iorque. Na grande cidade, ela vai cair nas garras do garanhão convicto Peter (Jake McDornan), que pode se transformar em príncipe encantado por causa do amor.

O conceito da série é totalmente clichê, os personagens foram criados sob fortes estereótipos, mas, ainda assim, a gente consegue reconhecer alguns de nossos sonhos e inseguranças através da protagonista. Para começar, Dana se sente totalmente insegura diante das redes sociais. Depois de um primeiro encontro com Peter, ela preenche imediatamente seu status como “solteira” numa espécie de Facebook fictício. Avisada pela amiga, que considerou o ato falho, ela muda para “em um relacionamento sério”. Muito rápido, afinal, foi só um encontro. Ela muda o status de novo. De novo. E de novo. Quem nunca, né?

O sonho de construir uma carreira de sucesso numa grande cidade do mundo também deve ter passado pela cabeça de muitos. E, de preferência, que ele venha com uma história de amor digna de filme.

manhattanl3

Se a série abusa dos clichês, por outro lado, ela capricha no visual e tem ares de 500 Dias Com Ela. O fato de se passar em Nova Iorque ajuda a produção a ficar bonita, é verdade. Combinado a isso, estão os figurinos românticos de Dana. A personagem é o cúmulo da delicadeza. Tem a pela claríssima, olhos azuis, cabelos loiros e perfeitamente ondulados, além da fala baixa e tímida. Cardigãs e vestidos florais fazem o guarda-roupa da moça.

manhattanl2

Peter é um moço descolado. Gosta de camisas jeans e xadrez, estrategicamente desaboatoadas, e jaquetas. O cabelo é bagunçado e a barba é deixada por fazer. Quem já viu a série, vai concordar comigo: ele é irresistível! A verdade é que, mesmo de camiseta furada, ele pareceria sexy. Sei que é apenas uma questão de gosto, mas nunca me senti atraída por caras muito engomadinhos, que usam terno e gravata até para dormir. Nada como um visual intencionalmente desarrumadinho…

Manhattan Love Story ainda não tem previsão de estreia no Brasil.

redb1

A outra série é Red Band Society. A atração narra o cotidiano de um grupo adolescentes em um hospital nos Estados Unidos. Basicamente, ela mostra que é possível, sim, ser feliz e aproveitar a melhor fase da vida mesmo diante das restrições que a saúde lhes impõe.

redb2

Uma das personagens que se destacam é Emma (Ciara Bravo). A menina sofre de distúrbios alimentares e nós acompanhamos a luta dela para ganhar peso. Não é de hoje que esse tema vem sendo discutido e, com certeza, ele continua em pauta. A aparência “perfeita” ainda é o objetivo de muitas jovens, principalmente em tempos de redes sociais. Emma tem um visual que a gente chama de indie – ou alternativo – com o chapéu coco, camisa social e casaquinho sobreposto. Cardigãs listrados e camisetas com mensagens engraçadas também têm vez no closet dela.

A dramédia não tem data marcada para chegar à TV brasileira.

Séries citadas:

É jornalista formada pela Unesp e pós-graduanda em Gestão Cultural. No TeleSéries, escreve mensalmente a coluna Estilo. Aficionada pelas histórias de terror, sobrenaturais e de mistério, também não dispensa aquela comediazinha romântica... Pushing Daisies, Jeannie é um Gênio, A Feiticeira, Riget, Lost in Austen, Wonderfalls, Samantha Who?, Copper, Harper's Island e Hannibal estão entre suas séries preferidas de todos os tempos! :)

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Log In or Create an account